segunda-feira, 31 de agosto de 2020

Eleições 2020: Inaldo Pereira é vítima de fake news e vai acionar a Justiça para apurar crime

A internet se tornou um dos meios mais utilizados para o acesso à informação nos dias de hoje, mas a inclusão digital trouxe consigo a disseminação desenfreada das fakes news, as famosas “notícias falsas”.

Com o intuito de prejudicar ou beneficiar alguém, as fakes News se antecipam antes do período eleitoral e, são usadas criminosamente com intensidade durante a campanha.

Na cidade da Paço do Lumiar, a vítima desta prática criminosa, está sendo o pré-candidato a prefeito Inaldo Pereira (PSDB).

Uma das notícias falsas divulgadas na manhã desta segunda-feira (31), foi que Inaldo havia se vendido por 500 mil para desistir de sua pré-candidatura a prefeito e compôr a chapa de vice da prefeita Paula Azevedo que irá disputar a reeleição. Em conversa com o pré-candidato do PSDB, Inaldo Pereira relatou que é mais uma mentira que lançam a seu respeito, e lamentou que seus adversários políticos estejam focado apenas em fazer politicagem.

“É mais uma mentira que divulgam a meu respeito, jamais me vendi e todas as decisões que tomamos é em conjunto com o nosso grupo político, e nosso partido o PSDB. Lamento que os meus adversários estejam focado apenas em espalhar notícias falsas contra nós, ao invés de fazer uma política limpa.” Disse.

O pré-candidato afirmou ainda que está acionando a justiça para apurar este crime.


Não custa lembrar que a lei nº 13.834/2019 prevê pena de prisão de dois a oito anos, além de multa, para quem atribuir notícia falsa de um candidato e divulgá-la com o objetivo de prejudicar sua candidatura. A pena é aumentada em um sexto, se o internauta se esconde no anonimato ou de perfil fictício.

Veja os prints:





quarta-feira, 26 de agosto de 2020

Paço do Lumiar: encaminhado para Câmara de Vereadores projeto para inserir mais de 5 milhões do bônus do pré-sal em Infraestrutura

A prefeitura de Paço do Lumiar, encaminhou para câmara de vereadores, um projeto de lei para inserir em seu orçamento, o valor recebido pela divisão do dinheiro da cessão onerosa, sistema utilizado para a exploração de pré-sal no Brasil. A proposta que abre crédito adicional especial no valor de R$5.111.741,86(cinco milhões, cento e onze mil,setecentos e quarenta e um reais e oitenta centavos), deve entrar em pauta, no legislativo, para ser votada na próxima sexta-feira, 29 de Agosto. 

Entenda de onde veio esse dinheiro; no dia 6 de novembro de 2019, o governo brasileiro colocou à venda o direito de exploração da tão famosa camada de petróleo do pré-sal. Parte desse dinheiro ficou com a Petrobrás e o restante foi dividido entre a União, os Estados e os Municípios

Neste rateio, Paço do Lumiar recebeu a quantia de R$5.111.741,86 e agora esse dinheiro deverá ser usado pelo município uma vez aprovada pela Câmara de vereadores, isso porque o valor caiu em conta no dia 31 de Dezembro de 2019, data após a apresentação da Lei Orçamentária Anual (LOA), que é a lei elaborada pelo Poder Executivo, que estabelece as despesas e as receitas que serão realizadas no ano seguinte. Isso quer dizer, que a prefeitura apresentou seus gastos sem contar com o valor do pré-sal. 

A inserção no orçamento do município é uma exigência legal e o recurso deverá ser utilizado para melhorar a infraestrutura do município, com recuperação de ruas e avenidas de bairros que ainda não foram contemplados com massa asfáltica; enquanto isso o dinheiro segue aplicado em uma conta específica aberta pelo Governo Federal, aguardando a autorização do Legislativo para ser aplicado em obras.

Essa foi a maior negociação feita pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), somadas todas as anteriores. A lei que distribui os recursos da cessão onerosa define a obrigatoriedade de usar a verba com investimentos,ou seja, gastos com despesa de capital, como a aquisição de máquinas, equipamentos e a realização de obras.



Prefeitura pretende interligar a Ponte Verde próximo ao Pátio Norte até a avenida 13 do Maiobão

A Prefeitura de Paço do Lumiar, através da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Urbanismo (SEMIU) segue fiscalizando serviços e obras estruturais que acontecem pelo município.

Na última segunda-feira, 24 de agosto, as esquipes da Secretaria estiveram, junto a engenheiros da Secretaria de Infraestrutura do Estado (SINFRA - MA) em uma visita técnica vistoriando a construção da ponte que liga a MA 202 ao Shopping Pátio Norte, se estendendo até a estrada do Cajueiro e o retorno da quadra do Residencial Safira, na MA 201.

Além disso, a Prefeitura está pleiteando, junto ao Governo do Estado, a pavimentação asfáltica da rua do cajueiro até a avenida 13 do maiobão. A parceria só traz benefícios à população, como enfatiza o Secretário Municipal de Infraestrutura e Urbanismo, Walburg Neto.

" Só temos a agradecer ao Governo do Estado, que está acolhendo nossas solicitações para melhorar a trefegabilidade na região. Com certeza estes serviços irão melhorar a questão da mobilidade em várias áreas do município que estão localizadas próximas ao Shopping Pátio Norte, como o Residencial Safira, Lima Verde, Saramanta, Morada Nova, Maiobão e Bom Negócio", destacou o Secretário.

terça-feira, 25 de agosto de 2020

Ministério Público apura possível corrupção eleitoral e lavagem de dinheiro envolvendo Fred Campos

O MPE - Ministério Público Eleitoral instaurou procedimento preparatório para apurar suposta corrupção eleitoral e lavagem de dinheiro envolvendo o pré-candidato a prefeito de Paço do Lumiar, Fred Campos (PL).

As investigações tiveram início no último dia 19, sob comando da promotora Nadja Veloso Cerqueira, responsável pela 93ª Zona Eleitoral do Maranhão.

Segundo indícios preliminares, um print de uma conversa por rede social do síndico do Condomínio Praza das Flores II, na Mercês, em Paço do Lumiar, “conta a preocupação do pré-candidato Fred Campos em oferecer vantagens aos condôminos e os conclama a cadastrarem veículos no Posto de Gasolina Júlia Campos II, de bandeira Shell, localizado no cruzamento entre a Rua Santo Antônio e a Rodovia MA 204, no chamado ‘Joelho de Porco’”.

A mensagem, de posse do MPE, diz ainda que “cada unidade pode cadastrar a quantidade de veículos que quiser e o condomínio receberá R$ 0,10 (dez centavos) por litro abastecido”.

“Em tese, podem os fatos configurar corrupção eleitoral e lavagem de dinheiro de gasto eleitoral a requerer a coleta de mais subsídios necessários à atuação do Ministério Público Eleitoral perante a Justiça Eleitoral”, destaca a promotora eleitoral da portaria que abriu o procedimento.

Como diligências, ela determinou a expedição de requisição ao 1º Ofício Extrajudicial de Paço do Luminar, para que informe os proprietários de imóveis e respectivas unidades do Condomínio Plaza das Flores II, no prazo máximo de três dias.

Também foi requisitado ao 2º Ofício Extrajudicial de Paço do Limiar informações, por certidão de inteiro retor, do registro da ata da última assembleia geral de escolha de síndico do condomínio.

Os levantamentos devem ser concluídos em até 60 dias.



Por Yuri Almeida - Atual 7

sexta-feira, 21 de agosto de 2020

Eleições 2020: Pesquisa Data Ilha feita em Paço do Lumiar poderá ser impugnada

A Pesquisa Data Ilha divulgada nesta sexta-feira (21) e que aponta liderança do ex-vereador Fred Campos (PL) em Paço do Lumiar, deve ser impugnada na Justiça. O motivo seria a ausência de critérios no plano amostral, estabelecido pela resolução Nº 23.600 de 12 de dezembro de 2019.

De acordo com o TSE, o plano amostral deve conter, entre outros dados, o nível econômico do entrevistado, o que não foi informado no ato do registro da pesquisa.

Caso algum partido formalize pedido de impugnação da divulgação do resultado, a Justiça deve determinar a imediata retirada do ar de qualquer publicação neste sentido, pela justificativa de suspeita de pesquisa fraudulenta.

A pesquisa foi registrada sob o número MA-00586/2020 no dia 15 de agosto, e liberada para divulgação do resultado a partir do dia 21.

É aguardar e conferir.

Por Maramais/blog