sexta-feira, 31 de março de 2017

Prefeitura de Paço do Lumiar, antecipa pagamento dos Servidores Públicos.

Pelo terceiro mês consecutivo, a prefeitura de Paço do Lumiar faz o pagamento antecipadamente dos salários dos servidores, inclusive o salário reajustado dos professores, conforme o piso nacional. 

"Apesar da crise que o país vive, nós seguindo os passos do governador Flavio Dino, pagamos antes do dia do vencimento os salários dos servidores. No mês de fevereiro nós pagamos com 4 dias de antecedência. Agora em março, desde o dia 30, o salário de todos os servidores já está na conta, no Banco do Brasil, além do pagamento em dia dos servidores, em 90 dias já fizemos mais que 10 prefeitos nos últimos 35 anos em Paço, limpeza urbana, dos colégios, plantio de legumes nas escolas, entrega de título de propriedade, o melhor carnaval do município, recapeamento de vias, regularização do trânsito de feiras, desobstrução de canais, convênio com escolas comunitárias, regularização do abastecimento de água". Enfatizou Domingos Dutra.

Esta é mais uma ação da prefeitura de Paço do Lumiar, mantendo o foco de que dará tudo certo. E o prefeito Dutra mostra que valoriza os servidores municipais, e proporciona mais incentivo a economia local. É uma Injeção de mais de 4 milhões de reais, principalmente no comércio. 

Supermercado Mateus confirma veracidade do vídeo de bacon com mofo.

Em nota divulgada a imprensa, o Grupo Mateus confirmou que o vídeo de uma funcionária lavando uma peça de bacon com mofo, utilizando uma escova e pano de chão, é verídico. O caso aconteceu em janeiro de 2016, na Loja Mix Atacarejo Parauapebas, no Pará.

O vídeo compartilhado pelo blog na última quarta-feira, 29, causou uma grande revolta entre consumidores que se manifestaram nas redes sociais com muitas críticas, ainda mais diante da operação Carne Fraca da Polícia Federal que desmascarou as maiores empresas fornecedoras de carne do país. No dia, o blog entrou em contato com assessoria do Mateus, mas não obteve resposta.

Ainda na nota, o Mateus não explicou realmente se a peça de bacon foi ou não comercializada, apenas que “produtos com características violadas são inutilizados e descartados”. O fato ainda serviu de aprendizado a loja, ao menos é o que garante assessoria. “Asseguramos que o aprendizado adquirido será revertido em ações internas”, destacou.

Confira a nota.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Prezamos sempre pela transparência com os nossos clientes, e neste momento não poderia ser diferente. Nesta semana, de acordo com informações audiovisuais divulgadas em algumas mídias digitais, um fato isolado ocorrido na Loja Mix Atacarejo Parauapebas, no Pará, no início de 2016 – há mais de um ano – colocou em dúvida nossos procedimentos de manipulação, conservação e exposição de produtos.

Antes de nos posicionar, buscamos averiguar o fato, o que nos deu a certeza, frente às informações colhidas, de que o vídeo foi produzido de forma fraudulenta, inclusive com objetivos inescrupulosos. As provas já se encontram com o órgão responsável. Garantimos que os produtos com características violadas são inutilizados e descartados.

Informamos que todos os procedimentos realizados em nossos estabelecimentos seguem as normas pré-estabelecidas pelos órgãos competentes e que possuímos equipe especializada em manter a qualidade e conservação dos produtos por meio de vistorias constantes, estudo de novas tecnologias e treinamento de toda a área de manipulação de alimentos.

Asseguramos que o aprendizado adquirido será revertido em ações internas, e, para que não fiquem dúvidas, estamos à disposição dos órgãos competentes, inclusive do Maranhão, para quaisquer esclarecimentos.

Ressaltamos, por fim, que a loja Mix Atacarejo Parauapebas é constantemente fiscalizada pela Vigilância Sanitária e órgãos de proteção ao consumidor, o que reforça a conduta da empresa.




quinta-feira, 30 de março de 2017

Domingos Dutra desmonta farsa do Sindicato dos Educadores de Paço do Lumiar.

Em entrevista concedida ao blogueiro Clayton Collins, no inicio da noite desta quinta-feira (30), o prefeito de Paço do Lumiar Domingos Dutra (PCdoB), desmascarou o presidente do sindicato dos educadores do município. 

Eis a entrevista 

1) Prefeito, como está sendo a atuação do governo nesse começo de gestão?

Dutra: Na minha opinião, as viúva dos Arôsos não se conformam com a derrota. O direto de manifestação é legal, mas tem que haver responsabilidade. O governo municipal tem responsabilidade com mais de 120 mil habitantes, e não apenas uma categoria. Por mais importante que seja. Com essa responsabilidade, em 3 meses já limpamos a cidade, entregamos Título de Propriedade, limpamos parte das escolas, normalizamos o trânsito nas feiras, melhoramos o Sítio Grande, ajeitamos a estrada Mojo-Tendal. Estamos recapeando do Sítio Grande até o Tambaú. Iniciamos o ano letivo, lançamos o programa Alfabetização na Idade Certa, o plantio dos legumes nas escolas, dentre outras atividades.

Quem é o verdadeiro "James"

2) Na sua opinião, o presidente do sindicato faz uso político de sua posição?

Dutra: O senhor James, eterno presidente do Sindicato dos Professores foi cabo eleitoral de Gilberto Aroso. Ele agora quer com um discurso falso, que a nova administração em 3 meses transforme a educação de Paço, e a estrutura física das escolas num paraíso. Ele falta com a verdade. Só pensa em salário. Eu nunca vi o mesmo reivindicando qualidade no ensino, higiene e limpeza das escolas.

A criação de fatos inverídicos 

3) Na sua opinião, o James está tentando confundir de propósito a categoria com uma informação inverídica?

Dutra: Essa viúva dos Arosos quer ser o patrono de todas as categorias do município. Ele sabe que o reajuste é apenas do piso dos professores. Ele deveria saber também, que o reajuste tem que ser para toda a categoria de servidores municipais, sendo ilegal dar aumento para apenas um segmento. Ele deveria saber também que vigilante e agente de portaria são terceirizados, e recebem o salário conforme a legislação em vigor.

Como já mencionei, nós temos feito o que é possível pra melhorar a qualidade da educação. Iniciamos o ano letivo; Já lançamos no último sábado passado, o programa Alfabetizando na Idade Certa; iremos construir um Núcleo de Educação Integral, estamos conveniando com a UFMA e a UEMA, para capacitar professores. Nós temos feito o que é possível, os que moram em Paço, sabem do grau de destruição que submeteram o município, principalmente a família Aroso que governou Paço do Lumiar, 30 anos, dos últimos 35.

A verdadeira intenção do Sindicato

4) Na sua opinião, qual é a verdadeira intenção da manifestação proposta pelo James?

Dutra: Na verdade, a manifestação que o James, viúva dos Arosos está organizando é para desviar a atenção da sessão da Câmara Municipal, cujo presidente nega-se a submeter à votação, os 3 projetos que melhoram a receita do município.

Se o senhor James quer a melhoria salarial dos servidores, porque ele não vai pra frente da Câmara pressionar o presidente Marinho para votar o projeto de lei que acaba a sonegação de impostos no município?

Se o senhor James quer melhorar as condições de trabalho dos servidores, porque ele não vai pra Câmara, pressionar o presidente Marinho para votar o projeto de lei, que acaba com privilégios de poucas empresas que estão isentas de pagar impostos?

Se esta viúva dos Arosos está realmente preocupado com os servidores municipais, porque não vai pressionar o presidente Marinho para votar o projeto de lei que cria o Diário Oficial Eletrônico do município, para garantir economia com publicações nos jornais de grande circulação?

A mensagem do prefeito à categoria

4) Qual a mensagem que o senhor deixa para os educadores sensatos do município?

Dutra: O projeto de lei de iniciativa do Executivo, cuja sanção está dentro do prazo, está sancionado e será publicado, e a diferença do reajuste do piso será pago em folha suplementar, conforme prevê o próprio Projeto de Lei. Espero que os professores de bom senso, que acompanham o esforço do governo, não se deixem ludibriar pelo discurso demagógico e irresponsável de um presidente de sindicato, que age apaixonadamente pelo Gilbeto Aroso que foi derrotado pela população de Paço.

Neste sábado (1ª), em Paço do Lumiar acontece primeira edição do “SBPC vai à Escola – Luminar da Robótica.

O Governo do Estado, em parceria com a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), realiza neste sábado a primeira edição do projeto “SBPC vai à Escola – Luminar da Robótica. O objetivo do projeto é levar o aluno da escola pública do interior do Maranhão a ter contato com o mundo da tecnologia através de oficinas na área de robótica e apresentações de experimentos e, dessa forma, encontrar o cientista dentro de cada um dos expectadores e mostrar as tecnologias de forma divertida, facilitando assim o ensino da física e da matemática. O evento, organizado pela Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), acontece a partir das 8h, na Escola Bandeira Tribuzi, em Paço do Lumiar.

Na ocasião, serão apresentados aos alunos da rede pública do ensino fundamental do município e às pessoas da comunidade que se interessarem pelo tema modelos de robôs de competições, resgate e humanóides levando-os a ter um contato com novas tecnologias e a conhecer o mundo da robótica através de experimentos acessíveis aos estudantes da 5ª à 8ª série.

O Luminar da Robótica, segundo explicou o secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, Jhonatan Almada, é uma edição especial da Caravana da Ciência, financiado pela SPBC, idealizadora do projeto SBPC vai à Escola, que visa estimular a interação entre cientistas e estudantes do ensino público (níveis fundamental e médio) através de palestras e atividades nas escolas.

A SPBC aportou recurso para que possamos divulgar a experiência exitosa da robótica do Iema em outros municípios do Maranhão. Os alunos e professores envolvidos no projeto de robótica irão visitar escolas públicas e apresentar todo o caminho que eles percorreram, desde o início do projeto até a vitória em competições nacionais e internacionais”, contou Jhonatan Almada, ressaltando que o projeto SBPC vai à Escola visa estimular a interação entre cientistas e estudantes do ensino público (níveis fundamental e médio) através de palestras e atividades nas escolas.

Além de Paço do Lumiar, o projeto será levado aos municípios de São José de Ribamar (8/4), Raposa (22/4), Presidente Vargas (29/4), Timon (6/05), Cururupu (20/6) e Coroatá (27/6). A proposta é mostrar que é possível trabalhar a robótica de forma a melhorar o aprendizado dos alunos nos conteúdos ligados a disciplinas como física e matemática.

O professor de matemática do Iema Fábio Aurélio do Nascimento Costa, coordenador do projeto, explicou que será levado às escolas um minilaboratório de robótica, por um grupo de quatro integrantes do Iema, sendo dois professores e dois alunos da eletiva de robótica. Eles irão apresentar modelos de robôs de competições, seguidores de linha, robôs de regate, humanóide, réplicas de animais (jacaré, escorpião, castor, cachorro).

A robótica educacional é uma atividade desafiadora e lúdica que constitui uma nova ferramenta que se encontra à disposição do professor por meio da qual é possível demonstrar na prática muitos dos conceitos teóricos”, disse o professor.

Eduardo Cunha é condenado a mais de 15 anos de prisão, por evasão, corrupção e lavagem de dinheiro.

O deputado federal cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) foi condenado pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisas. A sentença foi assinada nesta quinta-feira (30/3) pelo juiz Sergio Moro, responsável pelos processos da operação “lava jato” na 13ª Vara Federal de Curitiba.

Somadas as penas, Cunha foi condenado a 15 anos e 4 meses de prisão. Considerando os agravantes, Moro definiu 6 anos de prisão por corrupção passiva, 5 anos e 10 meses por lavagem de dinheiro e 3 anos e 6 meses por evasão de divisas.

Desvios em Benin
Cunha foi condenado por corrupção passiva por ter recebido US$ 1,5 milhão (cerca de R$ 4.643.550 milhões) da compra pela Petrobras de um bloco de exploração de petróleo em Benin, na África.

Segundo a denúncia do Ministério Público Federal, acolhida por Moro, Cunha teria recebido o dinheiro e, em troca, usado seu mandato de deputado federal para apoiar o governo. O deputado federal foi fundamental na indicação de Jorge Zelada para assumir como diretor da área internacional da Petrobras. Este, em troca, pagava propina para a bancada do PMDB de Minas Gerais e para Eduardo Cunha. 

O negócio em Benin se provou um erro, já que a Petrobras perfurou a área e não encontrou nem petróleo nem gás. O prejuízo estimado ficou em cerca de US$ 77,5 milhões.

Lavagem sofisticada 
A lavagem de dinheiro foi definida por Moro como algo feito com “especial sofisticação”, por Cunha ter mantido duas contas no exterior e em nome de trusts diferentes, com transações entre elas. Havia até fracionamento do recebimento do produto do crime para dificultar rastreamento. “Tal grau de sofisticação não é inerente ao crime de lavagem e deve ser valorado negativamente a título de circunstâncias”, afirmou o juiz, justificando agravamento da pena.

A evasão foi comprovada porque Cunha não informou ao Banco Central e à Receita Federal sobre o envio de dinheiro para as contas em nome da Orion, da Netherton e ainda em nome da Triumph SP, de 466857. O ex-parlamentar também mantinha valores no Banco Julius Baer (sucessor do Merril Lynch Bank), em Genebra, na Suíça.

Em nota, a defesa de Cunha disse que vai recorrer ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região. No processo, ele negou ter sido responsável pela nomeação de Zelada e ter tido qualquer papel decisivo no negócio da Petrobras em Benin. Segundo Cunha, o dinheiro citado na denúncia foi pagamento de um empréstimo e ele não precisaria declarar contas no exterior, já que estavam em nome de trusts. Ele admitiu movimentação lícita do dinheiro, mas não lavagem.

Exaltando Teori 
No final da decisão, Moro fez largos elogios ao ministro Teori Zavascki, do STF, morto em janeiro deste ano. Para o juiz de Curitiba, estava claro que ele iria decretar a prisão preventiva de Eduardo Cunha.

Só não a decretou porque, em um primeiro momento, estava ele protegido pelo estatuto peculiar do parlamentar federal, que proíbe a prisão cautelar do parlamentar federal salvo em casos de flagrante delito por crime inafiançável, e, em um segundo momento, após a perda do mandato, em decorrência da consequente perda da competência pelo Supremo Tribunal Federal”, disse.

Moro exalta a Câmara dos Deputados por ter cassado Eduardo Cunha, mas volta a honrar Teori. “Apesar do mérito institucional e coletivo da Procuradoria-Geral da República, do Egrégio Supremo Tribunal Federal e, posteriormente, da própria Câmara dos Deputados, necessário destacar o trabalho individual do eminente e saudoso ministro Teori Zavascki, relator da aludida ação cautelar. Por essa decisão e por outras, o legado de independência e de seriedade do Ministro Teori Zavascki não será esquecido”, afirmou.

Clique aqui para ler a decisão

Dutra busca parceria com o senador Pinto Itamaraty para a melhoria dos portos de Paço do Lumiar.

O prefeito Domingos Dutra esteve na tarde de quarta-feira, dia 29 de março, visitando os portos de Paço do Lumiar, no intuito de proporcionar qualidade de vida para os trabalhadores que tiram o seu sustento da pesca, da venda de peixes e mariscos, e também para fomentar o turismo no município. Acompanhado do secretário de Infraestrutura Pádua Nazareno, do senador Pinto Itamaraty, do vereador Jorge Brito, e de técnicos, a equipe está estudando a melhor forma para a realização de melhorias nos portos do município. 

Para o prefeito Domingos Dutra, essas obras gerarão renda. “Estou aqui no Porto do Mocajituba para implementarmos um bom projeto, capaz de melhorar a vida dos marisqueiros, dos pescadores, dos vendedores de peixes, dos donos de barracas, de forma que a gente ainda este ano, possamos ter nossos portos urbanizados gerando renda e desenvolvimento para o turismo. Vamos tirar Paço do Lumiar da escuridão”.

O senador Pinto Itamaraty reafirmou seu compromisso com Paço do Lumiar. “A gente tem um compromisso com Paço do Lumiar e também com a prefeitura, de buscar as condições necessárias e viáveis para a melhoria da qualidade de vida da população. Uma das nossas metas é ajudar e contribuir para a melhoria dos portos do município. De Mocajituba, Pau Deitado, e outros. Os técnicos estão nos acompanhando, e nós estamos buscando os meios, e junto com o Ministério dos Transportes e o Governo do Estado, as condições que em breve o prefeito Dutra possa, não só aqui em Mocajituba, oferecer o melhor para quem tira sua sobrevivência daqui”. Finalizou o senador.



TSE marca datas para julgamento de ação contra chapa Dilma-Temer

O ministro Gilmar Mendes, presidente do Tribunal Superior Eleitoral, marcou sessões extraordinárias para o julgamento da ação que investiga se a chapa Dilma-Temer cometeu abuso de poder econômico nas eleições de 2014. Para começar a julgar o processo, foram marcadas sessões para as próximas terça-feira (4/4) de manhã e quarta-feira (5/4) à noite. As sessões ordinárias também serão dedicadas ao caso.

A ação, de autoria do PSDB, partido derrotado no segundo turno do pleito presidencial, afirma que a chapa vencedora teve a campanha financiada por dinheiro da Petrobras por meio de contratos superfaturados assinados com construtoras.

O relator da ação é o ministro Herman Benjamin. Na segunda-feira (27/3), ele avisou o ministro Gilmar de que o processo já está pronto para ser julgado, e seu voto, finalizado.

Caso o tribunal concorde com as alegações do PSDB, a chapa vencedora das eleições pode ter o registro de candidatura cassado. Isso levará à cassação do mandato do presidente Michel Temer.

Se o tribunal entender que houve abuso de poder econômico, a discussão passará a ser se a decisão atinge a chapa ou somente os candidatos que tiverem cometido o crime eleitoral. A tese da defesa da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) é a de que não houve o crime e que tanto a campanha dela quanto a de Temer, seu vice, tiveram as mesmas fontes de financiamento. E inclusive que o comitê dela pagou despesas da campanha dele.

Já a defesa de Temer, que também nega o crime, afirma que a punição só pode alcançar quem tiver cometido o crime. O mesmo é afirmado pelo PSDB, em suas alegações finais entregues ao TSE na segunda.

A jurisprudência do TSE é repleta de casos em que tanto o titular quanto o vice foram cassados por crimes cometidos durante a campanha. A corte costuma entender que a punição pelo cometimento do crime deve atingir, além do autor, também os beneficiários diretos.

No caso da chapa Dilma-Temer, o placar ainda é dúvida, já que o tribunal nunca julgou processo parecido sobre o presidente da República.

Núbia Feitosa, uma primeira-dama atuante em Paço do Lumiar.

Vejo por onde ando, que o trabalhador quer sentir que o serviço dele está valendo a pena. Respeito e valorizo pessoas que desejam o bem para Paço do Lumiar". afirma Núbia Feitosa


A primeira dama de Paço do Lumiar, Nubia Feitosa, secretária de Administração Gestão e Finanças, não pára em gabinete, está sempre preocupada em como está acontecendo o atendimento da população luminense. Para se certificar disso, sempre visita as secretarias e conversa com cada cidadão. "As pessoas quando compreendem começam a ser paceiras, e foi nesse projeto que o povo acreditou, e é por esse motivo que jamais poderia deixar de estar ouvindo quem mais precisa". Declarou a secretária.

Dra.Nubia foi vistoriar de perto o horário das consultas dos pacientes, os medicamentos disponíveis, os serviços em geral da saúde. Dona Maria Francisca, moradora do Maiobão, disse que era isso que estava faltando em Paço do Lumiar, uma primeira dama que fizesse esse papel de mãe, que consegue dar atenção à várias atividades. "Ela se parece muito com a gente, pois se preocupa e vem ver de perto como as coisas estão acontecendo".

"A compreensão leva à tolerância. Eu não posso vir aqui falar e não cumprir. Sei da minha responsabilidade, e sei também que ao final dessa gestão seremos uma família. Entendo dessa forma, por isso estou sempre presente. No intuito de ajudar os nossos secretários, assim como o nosso prefeito Dutra. O nosso slogan escolhido não foi atoa, 'Vai dar Tudo Certo' é a frase que mais nos passa confiança pra acordar cedo todos os dias, trabalhar muito, dormir tarde, pois sabemos que tudo isso vale a pena. Pelo povo, pela dignidade que há décadas as pessoas perderam, por falta de um governo que olhe os mais necessitados". Relatou Nubia Feitosa.

Núbia parceira dos servidores

Com a certeza de que com a parceria entre todos os servidores, o bom trabalho efetivamente acontece, a primeira dama passa boa parte do seu tempo atenta às demandas dos servidores e disponibiliza seu contato, para que os servidores sempre tenham um diálogo aberto e próximo.

"Acredito nos servidores que trabalham, e motivados, sei que para isso, esses servidores tem que estar dando uma boa qualidade de vida para sua família. Isso é claro e cristalino pra mim. E é por isso que identificamos os servidores fantasmas, e passamos de uma folha de pagamento que chegava a 10 milhões, para hoje uma que está em 4 milhões. Ou seja, economizamos eliminamos os fantasmas da gestão. O nosso município tem milhões em débitos na previdência. Estamos avançando com cautela. A nossa vida enquanto gestores não é muito diferente da de vocês servidores, sou uma mulher que aceita e enfrenta desafios. E vamos vencer juntos. Entendo e vejo por onde ando, que o trabalhador quer sentir que o serviço dele está valendo a pena. Respeito e valorizo pessoas que desejam o bem para Paço do Lumiar". Destacou a primeira dama Nubia Feitosa.

BNDES aprova por 768 milhões de dólares venda da Odebrecht Ambiental.

A diretoria do BNDES aprovou ontem o fechamento da operação de venda da Odebrecht Ambiental. Agora a transação depende apenas da Caixa Econômica, que pressiona para receber uma grande parte dos recursos que a Brookfield pagará à empreiteira. 


A gestora canadense Brookfield é a responsável pela compra de 70% da Odebrecht Ambiental, a transação, que não inclui os negócios de resíduos industriais da empresa, prevê investimento de capital de giro de US$ 125 milhões mais R$ 350 milhões (cerca de US$ 110 milhões) adicionais que deverão ser incluídos no valor total da operação, desde que a empresa atinja metas de desempenho, combinadas entre as partes, nos próximos três anos.

Com isso, o valor da aquisição poderá chegar a US$ 878 milhões (atingindo R$ 2,792 bilhões). O FI-FGTS vai continuar sócio com os 30% restantes da empresa.

Esta é a primeira aquisição da Brookfield, em parceria com fundos institucionais, no segmento água e esgoto. O Estado apurou que o fundo canadense pretende ser um consolidador nesse segmento. A companhia entende que há espaço para expandir nesse mercado, segundo fontes a par do assunto.

As negociações entre a gestora e o grupo baiano ocorrem desde o início do ano. A demora em concluir o negócio estava na dependência de acertos contratuais que dessem maior segurança jurídica ao negócio, uma vez que a companhia faz parte da Odebrecht – grupo envolvido na Operação Lava Jato, da Polícia Federal, que investiga corrupção em contratos da Petrobrás. Em 2014, último dado disponível, essa divisão faturou quase R$ 2 bilhões.

Em junho, a Brookfield já havia adquirido 57% da companhia de concessões rodoviárias da Odebrecht no Peru, a Rutas de Lima, que também foi colocada à venda pelo grupo baiano.

Em nota, a Brookfield informou que a “aquisição da Odebrecht Ambiental é uma excelente oportunidade por ter alta qualidade na plataforma de serviços de água em um mercado emergente, incluindo um setor de negócios líder na água e águas residuais municipais com escala e forte potencial de crescimento”, disse Cyrus Madon, presidente da divisão global de negócios da Brookfield.

Caixa
Na Odebrecht, a venda da unidade vai reforçar o caixa do grupo para cumprir os pesados compromissos nos próximos meses. “A venda da Ambiental faz parte do nosso programa de alienação de ativos que visa manter níveis de liquidez satisfatórios para atravessar a prolongada crise econômica do País”, disse o grupo, em comunicado ao mercado.

A empresa planeja vender até meados de 2017 ativos avaliados em R$ 12 bilhões. Entre eles estão a participação da empresa na hidrelétrica Santo Antônio Energia, no Rio Madeira, em Rondônia; a Hidrelétrica Chaglla e o Projeto Olmos, no Peru; e a fatia do grupo na Sociedade Mineira de Catoca, em Angola.

Prefeitura de Paço do Lumiar leva Campo Agrícola para as escolas.

No Município de Paço do Lumiar, a teoria passada em sala de aula ganha exemplos reais e deixa de ser abstrata. Entendendo que educação ambiental é um dos tópicos mais importantes a serem absorvidos pelas crianças, a prefeitura de Paço do Lumiar através das Secretarias Municipais de Agricultura e Educação, decidiu explorar a relação dos jovens estudantes Luminenses com a natureza.

Neste modelo de educação e levando em consideração que parte da população de Paço do Lumiar vive da produção agrícola, foi idealizado o projeto campo agrícola escolar, que aproxima os estudantes da realidade, fazendo com que as crianças criem hábitos sustentáveis e ecologicamente corretos.

Pelo menos 10 escolas serão inseridas no projeto,começando pela UEB Marly Sarney no bairro maiobão, onde foram dados os primeiros passos da produção. O prefeito Domingos Dutra (PCdoB) esteve na escola na manhã desta quarta-feira(29), colocando em pratica as atividades, com uma inchada nas mãos ele iniciou o plantio junto com os estudantes.

Foram plantadas sementes de milho, abóbora, quiabo e maxixe. A área da UEB Marly Sarney tem mais de 2.500m2, que até então não tinha nenhuma utilidade, o espaço só servia para o acúmulo de mato e lixo, colocando em risco a saúde dos alunos e professores.

"Faça -se justiça ao ex Senador João castelo que entregou aqui várias escolas padronizadas com terrenos enormes e que há 35 anos estão só acumulando lixo, mato e doenças, mas agora nós estamos dando utilidade a essas áreas. Iremos produzir legumes que vão servir tanto para a comunidade quanto para escola" disse o prefeito de Paço do Lumiar Domingos Dutra.

Entre os benefícios alcançados com o projeto campo agrícola escolar, se destacam a produção e consumo de alimentos naturais pelos alunos, atividades ligadas à culinária na escola, troca de conhecimentos, inserção de assuntos como a economia doméstica e a influência nas escolhas alimentares.

"O projeto também pode apresentar na prática as consequências que ações do homem têm em relação ao meio ambiente, as hortas também podem inserir a comunidade, trazendo para o projeto os pais e familiares dos alunos" acrescentou o Secretário Municipal de Agricultura Fortunato Macedo.

As crianças servem de multiplicadores, porque levam o que aprendem na escola para casa e, deste modo, a influência da horta não se restringe somente ao ambiente escolar.

"Com toda certeza o resultado do projeto será positivo, termos alunos mais conscientes, não só com a alimentação, mais com ensinamentos ecológicos, amplificando a necessidade de uma mudança de postura" disse o Secretário Municipal de Educação Fábio Rondon.

Odebrecht Ambiental é multada em quase meio milhão por água imprópria para consumo.

Empresa tem sido investigada, sobre possíveis irregularidades da qualidade da água que fornece para Paço do Lumiar e São José de Ribamar 

O Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor (Procon/MA) manteve multa aplicada no valor de R$ 433,5 mil em face da Odebrecht Ambiental e notificou a empresa para que preste esclarecimentos sobre novos resultados insatisfatórios da água fornecida. Um novo laudo emitido pela Superintendência Estadual de Vigilância Sanitária, nesta segunda-feira (27), aponta inconformidades quanto à cor, acidez e tratamento de amostras coletadas.

Após ter sido multada em R$ 433,5 mil em janeiro, a empresa tem sido investigada sobre possíveis irregularidades na qualidade da água que fornece em São José de Ribamar e Paço do Lumiar. Uma nova análise foi realizada pela Superintendência Estadual de Vigilância Sanitária com a presença de fiscais do Procon/MA e de técnicos da Odebrecht Ambiental, sendo realizadas as análises físico-químicas (ferro total, nitrato, nitrito e sulfato), microbiológica (coliformes totais e escherichia coli), organoléptica (cloreto, cor aparente, dureza total e turbidez) e toxicológica (alumínio, cobre e zinco).

As coletas feitas no Residencial Pitangueiras III, no Poço do Campo e no Residencial Turiúba apresentaram “cor aparente”, fato que fez a Superintendência Estadual de Vigilância Sanitária caracterizar as amostras como água insatisfatória para o consumo, apesar de alguns outros parâmetros estarem dentro dos padrões da Portaria nº 2.914/2011 do Ministério da Saúde.

As amostras feitas no Residencial Pitangueiras III e Poço do Campo apresentaram ainda presença de Ferro Total fora dos padrões de referência estabelecidos, ficando claro ainda que, nessas localidades, a água não sofre nenhum tratamento por desinfecção ou cloração. Os 3 pontos apresentaram também presença de coliformes totais, que, segundo o laudo, não prejudica totalmente o resultado desde que outros parâmetros estejam de acordo, mas indica “falta de integridade” do sistema de distribuição de água.

Já as amostras coletadas em São José de Ribamar (Condomínio Praias Bellas, Estação de Tratamento da Odebrecht e em duas residências), apresentaram valores de pH abaixo do permitido, o que pode contribuir para corroer o sistema de distribuição e abastecimento. Tanto em Ribamar quanto em Paço do Lumiar, os fiscais encontram resíduos sólidos dispostos em vários pontos a céu aberto, inclusive nas imediações das fontes de captação de água para consumo humano.

Para o presidente do Procon/MA, a reiteração dos laudos mantém o alerta sobre o serviço prestado pela Odebrecht Ambiental no Maranhão. “Após a aplicação da primeira multa, a empresa apresentou recurso sem qualquer laudo ou análise técnica. Por essa razão, mantivemos a decisão e solicitamos novas amostras nas áreas já analisadas e em outras regiões. O resultado foi ainda mais preocupante, pois a ausência de potabilidade persistiu. Então, em respeito à vida, saúde e segurança do consumidor maranhense, vamos continuar agindo com toda a firmeza para que o direito do cidadão seja respeitado. Não há como ter tranquilidade enquanto o consumidor estiver pagando caro por um serviço que não é de qualidade”, afirmou o presidente.

A Odebrecht Ambiental terá 05 (cinco) dias para apresentar defesa quanto às inconformidades apontadas nos laudos da Superintendência Estadual de Vigilância Sanitária. As informações irão instruir novos processos que já estão em fase de investigação, que tem por objetivo exigir melhorias nos serviços de água e esgoto dos municípios abastecidos pela empresa.

Confira o resultado dos laudos:

Paço do Lumiar:
Loteamento Dr. Amaral de Matos: sem inconformidades;
Condomínio Residencial Pitangueiras III: água com cor aparente e sem tratamento de cloração, ferro acima do permitido, presença de coliformes totais;
Poço do Campo: água com cor aparente e sem tratamento, ferro acima do permitido, presença de coliformes totais;
ETA Odebrecht: cloro abaixo dos valores padrões
Reservatório Odebrecht: sem inconformidades

São José de Ribamar
Condomínio Praias Bellas: pH abaixo do permitido
Residencial Turiúba: água com cor aparente, presença de coliformes totais
ETA Odebrecht: pH abaixo do permitido
Reservatório Odebrecht: sem inconformidades

quarta-feira, 29 de março de 2017

Vereadores desmentem boatos sobre novo imposto e explicam aplicação da lei federal 157.

Os parlamentares de Paço do Lumiar usaram a Câmara Municipal para desmentir os boatos de que seriam votados supostos projetos de lei que aumentariam a carga tributária de empresas que atuam no ramo de prestação de serviços.

Durante sessão, os parlamentares evidenciaram que os projetos encaminhados pela Prefeitura de Paço do Lumiar são propostas que tem como objetivo melhorar a arrecadação do município. O primeiro versa sobre a extinção das isenções fiscais concedidas por dez anos para as empresas com pelo menos 100 funcionários. 

O outro projeto trata da implantação do contribuinte substituto que é aquele que promove a retenção do imposto (retenção do ICMS na fonte) relativo às saídas subsequentes com a mercadoria sujeita ao regime de substituição tributária e o recolhe aos cofres do Estado.

Com a aprovação da Lei Complementar Federal 157, em dezembro do ano passado, que reforma o Imposto Sobre Serviços de qualquer natureza (ISS), está proibida a concessão de isenções, incentivos e benefícios tributários ou financeiros, inclusive redução da base de cálculo ou crédito presumido. O texto considera nula a lei ou o ato que não respeite essa regra.

Para o prefeito, os projetos encaminhados à Cãmara atendem a lei complementar federal 157 de 2016, que obriga que o gestor elimine as isenções fiscais, sob pena de ato de improbidade e sob pena de prisão. “Nós estamos adequando à lei municipal com a federal, estabelecendo um prazo de 60 dias, após a promulgação da lei, para que as empresas beneficiárias se regularizem. Com isto, nós também estamos melhorando a receita”, enfatizou o gestor.

Para o vereador Leonardo Bruno (PPS), o projeto de Lei 002/2017 tem por objetivo corrigir o equívoco da lei municipal nº 455, aprovada em 2011 pela Câmara Municipal de Paço do Lumiar, que concede isenção tributária às empresas com mais de 100 funcionários. “É dever do poder executivo seguir os parâmetros da legislação do país. O Poder Executivo encaminhou uma lei que revoga a concessão de isenção e o que o parlamento vai fazer é revogar essa concessão que é algo imoral”, afirmou.

Além de Leonardo Bruno, os vereadores Wellington Sousa (PSB) e o líder do governo, vereador Miguel Ângelo (PRP) aproveitaram a tribuna do plenário para esclarecer o conteúdo destes aos luminenses que acompanhavam a sessão sobre o teor das propostas do Poder Executivo.

Entenda a lei 157/2016
De acordo com a nova legislação, os municípios brasileiros não poderão conceder isenções ou benefícios fiscais, que reduzam a alíquota do ISS ao patamar de menos de 2%, onde, caso o município o faça, o gestor responderá por improbidade administrativa, bem como o prestador que pagou o tributo em valor menor, terá direito a sua restituição. 

A justificativa para a fixação da alíquota mínima do ISS pela lei complementar federal encontra-se na tentativa de buscar evitar as guerras fiscais entre os municípios, que acabavam por conceder isenções e benefícios, buscando trazer empresas para seu território, em detrimento de outras localidades, que acabava por favorecer municípios com melhor economia e diversificação de indústria e comércio, pois seu volume de arrecadação permite a concessão desses benefícios muitas vezes.

Os municípios terão um ano para revogar normas que contrariem a reforma do ISS. No entanto, a proposta permite algumas exceções. As cidades poderão estabelecer isenções e incentivos a determinados setores.

terça-feira, 28 de março de 2017

Paço do Lumiar avança na regularização fundiária e busca melhoria da infraestrutura da cidade.

Para garantir moradia com dignidade, segurança jurídica e assegurar direitos às famílias da zona rural de Paço do Lumiar, o prefeito Domingos Dutra se reuniu nesta segunda-feira (27) com a secretaria das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid) Flávia Alexandrina para marcar a data para entregar os títulos definitivos de propriedades.

Estão em processo para concessão dos títulos imobiliários famílias dos bairros Jardim Mercês, Zumbi dos Palmares e Residenciais Abdalla I e II, em Paço do Lumiar. Para que haja efetivação da entrega dos títulos, a Secid promove parcerias e termos de cooperação com a Procuradoria Agrária do Ministério Público em Paço do Lumiar. Cerca de 600 moradores serão beneficiados.

O prefeito explicou que esta é mais uma ação que integra a política de regularização fundiária, cujo objetivo é reconhecer a propriedade plena do imóvel e assegurar direitos a seus moradores. “São conjuntos antigos e até o mês de junho a secretária Flavia e o governador Flávio Dino irão entregar o título de propriedade dessas pessoas que não tem segurança jurídica. Com isso, elas deixarão de ser ocupantes ou invasores, como os tratam, para serem proprietários” afirmou.

Além da regularização fundiária, o prefeito discutiu formar para recuperar e melhorar a infraestrutura de alguns conjuntos da cidade, inclusive no Maiobão. “Nós estamos aqui para tentar recuperar dois convênios que o governo passado deixou caducar e nós vamos tentar recuperar para melhorar a infraestrutura de alguns conjuntos, inclusive Maiobão” completou.

Parceria com o governo
Durante a reunião, a secretária Flávia Alexandrina disse que há projetos para a implantação de equipamentos públicos que possam beneficiar os moradores dos residenciais Novo Horizonte e Morada do Bosque em Paço do Lumiar.

O prefeito está aqui para fazer essas pactuações conosco. Já marcamos uma data para estarmos em Paço com a finalidade de identificar essa área para iniciarmos urgentemente esse projeto desses equipamentos de lazer e dessa feira que com certeza será da maior importância para as famílias” disse Alexandrina.

Nesses locais serão implantados equipamentos como uma feira, uma quadra e uma área de lazer para atendimento das famílias que se encontram hoje no município de Paço do Lumiar.

Lula tenta impedir filme de usar imagens proibidas por Moro em condução coercitiva.

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu ao juiz Sergio Moro que proíba a utilização de imagens de sua condução coercitiva no filme Polícia Federal – a lei é para todos. O pedido se baseou em informações de que PF gravou o procedimento ilegalmente.

A defesa do ex-presidente já havia feito um pedido semelhante no último dia 23 com base em uma notícia da revista Veja, que afirma ter tido acesso ao vídeo de quase duas horas feito pelos investigadores da Polícia Federal durante a ação no apartamento de Lula. No entanto, o juiz Sergio Moro afirmou que não podia impor censura a veículos de comunicação ou mesmo à produção de algum filme.

Além disso, Moro afirmou que a petição se baseava apenas em reportagem jornalística, não sendo apresentada qualquer gravação durante a condução coercitiva. Para Moro, se qualquer veículo de comunicação ou produção do filme tivesse tido acesso às imagens, provavelmente estas já teriam sido disponibilizadas.

Intimado a prestar informações, o delegado de Polícia Federal Igor Romário de Paula afirmou que efetivamente houve gravação durante a condução coercitiva, mas que essas gravações não violam a determinação de Moro para que "em hipótese alguma" houvesse filmagens. De acordo com o delegado, não foram cedidas quaisquer imagens gravadas pela Polícia Federal.

No despacho em que autorizou a condução coercitiva de Lula, Moro afirmou que "não deve ser utilizada algema e não deve, em hipótese alguma, ser filmado ou, tanto quanto possível, permitida a filmagem do deslocamento do ex-presidente para a colheita do depoimento".

Diante de novas notícias para diferentes veículos de comunicação, nas quais atores que compõem o elenco do filme e até mesmo o diretor do filme afirmam que tiveram acesso aos vídeos gravados pela Polícia Federal, a defesa de Lula apresentou nova petição nesta segunda-feira (27/3). O documento é assinado pelos advogados Roberto Teixeira, Cristiano Zanin Martins e Alfredo de Araújo Andrade.

Em uma das entrevistas citadas pelos advogados, o produtor do filme, Tomislav Blazic afirmou ao jornal Folha de S.Paulo que havia feito “acordo sem precedentes” com a Polícia Federal. Em outra entrevista, o ator Ary Fontoura, que irá interpretar Lula no filme, contou à revista Veja que foi até a sede da Polícia Federal em Curitiba assistir às gravações.

Na petição em que pede que o filme seja proibido de utilizar as gravações, a defesa de Lula diz que não tem o intuito de censurar, como afirmou Moro, mas que se cumpra a determinação do próprio juiz que proibiu qualquer filmagem do ato.

"O que se busca é impedir a veiculação de material produzido e obtido ilicitamente, fruto de prática que pode, em tese, configurar o cometimento de crime", afirma os advogados.

Além disso, a defesa de Lula alega que se essas gravações foram disponibilizadas para terceiros, conforme divulgado pela imprensa, houve violação a intimidade, a imagem e a honra do ex-presidente, afrontando a Constituição e tratados internacionais. Nesse caso, pede que seja apurada a responsabilidade criminal dos responsáveis.

"O que não se pode fazer é simplesmente ignorar os ilícitos incorridos. O Peticionário [Lula] é sujeito de direitos como qualquer outro cidadão, não podendo ser tratado como um troféu ou objeto de acordo entre a Polícia Federal e agentes privados", concluem os advogados.

Clique aqui para ler a petição

Prefeito de Paço do Lumiar se reúne com arcebispo para falar da criação do Santuário de Nossa Senhora da Luz.

Fortalecer a fé cristã e fomentar o turismo religioso é a meta do prefeito de Paço do Lumiar Domingos Dutra (PCdoB). Por isso, ele esteve reunido com o arcebispo de São Luís Dom José Belisário na manhã desta segunda-feira (27), na Igreja da Sé para discutir a criação de uma identidade histórica com a construção do Santuário de Nossa Senhora da Luz na sede do município.


O projeto de construção do santuário contará com um caminho da peregrinação que vai do nascimento do menino Jesus, a ida à Jerusalém para ser apresentado e a declaração do profeta Simeão ao encontrar Jesus “Luz para iluminar as nações”. A ideia é criar um espaço de visitação, onde os fiéis possam entender um pouco da história da cidade e da própria igreja, assim como a origem da padroeira de Paço do Lumiar.

O prefeito Domingos Dutra disse que a iniciativa é buscar dar mais visibilidade ao município no Maranhão, Brasil e no exterior. A imagem da santa Nossa Senhora da Luz está na Vila de Paço desde 1761 e vai ficar evidenciada com a construção do Santuário de Nossa Senhora da Luz.

Com esse projeto nós vamos dar visibilidade, reforçar o sentimento religioso e valorizar as pessoas criando oportunidade de renda, de desenvolvimento e bem-estar, valorizando o sentimento cristão que está ligado a nossa criação”, pontuou o prefeito.

Para o bispo Dom José Belisário, a implantação do santuário deve ser vista como um sinal de Deus para as necessidades atuais da população. “As pessoas são muito sensíveis às imagens e símbolos. Esse projeto tem tudo para dar certo e para criar uma identidade do município e também da igreja, da paróquia Nossa Senhora da Luz. Eu, pessoalmente, estou muito alegre, muito satisfeito e torcendo para que dê tudo certo”, afirmou o arcebispo de São Luís.

Planejamento
Com a aprovação do arcebispo de São Luís, o próximo passo para concretizar o projeto é a criação de um decreto para instituir uma comissão para formalizar prazos e metas. O objetivo é formar equipes técnicas e de pesquisas para fazer o levantamento da história do município, da igreja e da santa padroeira de Paço do Lumiar.

A comissão será formada por representantes do Poder Legislativo, da Secretaria de Infraestrutura, Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) no Maranhão, arquidiocese e paróquia Nossa Senhora da Luz.

Ainda dentro do planejamento, a Prefeitura vai buscar parcerias com o consulado de Portugal, com os reitores da Universidade Estadual do Maranhão e Universidade Federal do Maranhão para viabilizar as pesquisas históricas e elaboração minuciosa do projeto do Santuário de Nossa Senhora da Luz.

Acompanhe o vídeo

segunda-feira, 27 de março de 2017

BOMBA! Suposto esquema de funcionários fantasma poderá derrubar Marinho do Paço.

Oito funcionários poderão ser investigados pelo Ministério Público (MP) por suspeita de terem recebido salário sem dar expediente na sede do Poder Legislativo, nos meses de fevereiro e março deste ano. Segundo informações repassadas ao titular deste blog, o caso já foi denunciado através da 1 a Promotoria de Justiça de Paço do Lumiar, e um inquérito poderá ser aberto para apurar a situação de possíveis servidores fantasmas dentro da Câmara Municipal de Paço do Lumiar. Atualmente, a Casa tem aproximadamente cerca de 50 funcionários, entre servidores efetivos e comissionados (de livre nomeação).


De servidores efetivos a Câmara Municipal, possui cerca de 27 funcionários, conforme dados disponível no portal da transparência da gestão passada, veja a tabela abaixo:

Em relação a tabela dos funcionários comissionados, com seus vencimentos, o atual presidente da Câmara Municipal, o vereador Marinho do Paço (PROS), não disponibiliza no portal da transparência, o que causa estranheza.

O blog apurou e teve acesso as portarias, que demonstram a nomeação de vários funcionários no dia 01 de fevereiro de 2017. Marinho do Paço nomeou oito servidores comissionados na Câmara Municipal, ambos para exercer o cargo em comissão de Assessor Especial 2 - DAS III. Os salários destes servidores correspondem a 1.500 reais, conforme podemos avaliar na tabela de servidores comissionados, disponível no sistema da Câmara. 

A enxurrada de denúncias de fantasmas chegou ao Ministério Público, depois que dois funcionários nomeados por Marinho do Paço, se envolveram em confusão com os vereadores contrários aos interesses do presidente da Câmara. Os dois casos, foram noticiados por este blog, um que envolve o blogueiro Luiz Carlos Júnior (clique aqui) e outro que envolve pseudas lideranças (clique aqui).

Caso a 1 a Promotoria de Justiça de Paço do Lumiar, aceite as denúncias envolvendo o presidente da Câmara Municipal, a promotora abrirá um procedimento investigatório. Os demais procedimentos de investigação poderão ser abertos na área cível, e criminal se no decorrer da investigação a Promotoria de Justiça se deparar com indícios de crime.

O vereador Marinho do Paço corre um sério risco de ser afastado da presidência da Câmara Municipal, pelo fato de supostamente usar dinheiro público, para comprar aliados para atacar seus adversários políticos.

Veja as portarias dos oito servidores comissionados, nomeados no dia 01 de fevereiro. 


Prefeitura de Paço do Lumiar pretende reordenar Feira do Maiobão.

O prefeito de Paço do Lumiar Domingos Dutra deu início ao processo de reestruturação do projeto de revitalização e padronização das feiras livres da cidade, a primeira feira contemplada será a do Maiobão. O projeto tem como foco a organização e uniformização das bancas, que serão setorizadas de acordo com os produtos comercializados.

Acompanhado por uma equipe da Secretaria de Infraestrutura, o prefeito visitou a feira do Maiobão, ouviu as reivindicações dos feirantes e pontuou as intervenções que serão realizadas como a instalação do pórtico de entrada, no qual é identificada sua localização, a colocação de bancas com coberturas padronizadas, sinalização da área para indicar os produtos, equipe de limpeza permanente no local, instalação de lixeiros fixos e coletores de limpeza móveis.

O prefeito Domingos Dutra ressalta a importância da iniciativa. “A gente quer melhorar as barracas que vendem produtos variados, mas que estão totalmente desorganizadas. A ideia é melhorar o fluxo para os feirantes, melhorar o acesso ao consumidor e dar o mínimo de organização para esta feira que é importante, mas que passou 35 anos abandonada” afirmou.

O projeto está sendo estruturado por uma arquiteta da Secretaria de Infraestrutura contará ainda com coleta seletiva para compostagem (processo biológico de valorização da matéria orgânica, seja ela de origem urbana, doméstica,

Reforma
Iniciada em 9 de junho de 2015, e com previsão para acabar em 180 dias, a reforma estava completamente parada até o começo do mês de março. No entanto, a Prefeitura de Paço do Lumiar, em parceria com os governos Federal e Estadual, reiniciou as obras de reforma e modernização dos boxes, sanitários, área de vivência, estacionamento externo e recuperação das vias de acesso. A feira do Maiobão existe há 35 anos e nunca passou por grande reforma.

domingo, 26 de março de 2017

Paço do Lumiar: Motociclista derrapa em pista molhada e adolescente que estava na garupa morre, após carro passar por cima.

Um atropelamento foi registrado nas proximidades do cruzamento Joelho de Porco, na tarde deste domingo (26), em Paço do Lumiar, região metropolitana de São Luís. Uma das vítimas não resistiu aos ferimentos e morreu.

De acordo com informações, a adolescente que veio a óbito estava na garupa de uma motocicleta, modelo Honda XR 300 com seu irmão. Após derrapar na pista molhada, os dois acabaram caindo da moto, e um veiculo que vinha atrás, atingiu os dois.

A adolescente sofreu várias escoriações pelo corpo, e não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo ainda no local, já seu irmão foi encaminhado ao Hospital Socorrão 2, seu estado de saúde é considerável estável.

O condutor do veiculo ainda tentou frear e desviar, entretanto com a pista molhada, acabou passando por cima da adolescente.

O trânsito ficou congestionado na Ma-204, dezenas de curiosos se aglomeraram para ver o acidente.




Daqui a pouco, mais informações sobre este caso........

Paradas de ônibus no bairro do Maiobão está entre as maiores com índices de assalto.

Moradores ainda reclamam dos constantes assaltos que sofrem em paradas de ônibus e dentro de coletivos, apesar das intensas ações da Polícia Militar para inibir esse tipo de crime

Por Isadora Fonseca/ O Imparcial

Com a rotina de trabalho, muitas pessoas utilizam diariamente o transporte coletivo para chegar aos seus destinos. E muitos deles convivem, constantemente, com o medo de assaltos, que acontecem geralmente dentro dos coletivos e também nas paradas de ônibus. Muitos moradores da região metropolitana de São Luís reclamam que não há nenhum tipo de segurança, o que costuma deixar a rotina deles mais complicada.

Para Ivan Mauricio, morador do bairro Apeadouro, a sensação de insegurança permanece. “Já fui assaltado em vias normais, mesmo sem estar em parada de ônibus ou até dentro de um coletivo”. Segundo Ivan, há sempre uma tensão quando uma moto passa perto de um ponto de ônibus.

“Quando estou em uma parada, o medo aumenta quando me deparo com uma moto, por exemplo. A maioria dos assaltos em paradas de ônibus são cometidos por bandidos em motocicletas e sempre eles estão em dois”, revelou.

Ana Carolina, moradora do bairro da Cohab, conta que não se sente segura nem mesmo fazendo sua caminhada. “Estava com um aparelho de música caminhando próximo à Reserva do Itapiracó quando me assaltaram. A única coisa que fica é a sensação de impotência, pois não podemos fazer nada”, lamenta. Carol conta que hoje não anda mais de ônibus, mas já foi assaltada três vezes no transporte público e nas caminhadas diárias.

A estudante de Jornalismo Natalia Oliveira, morado do Centro, revelou que em questões de transporte público não há nenhuma segurança. “A gente anda no ônibus e fica vulnerável a qualquer tipo de acontecimento, assaltos e até acidentes. Nas paradas que costumo frequentar, não vejo segurança alguma. Já vivi uma situação em que estava na parada e apareceu uma estranha assaltando todo mundo”, lembra.

Paradas com maiores índices de assalto
• Monte Castelo – Próximo ao elevado
• Maranhão Novo – na cabeceira da Ponte
• Anjo da Guarda – na avenida dos portugueses
• Alto da Esperança – Mangueirão
• Br 135 – toda extensão
• Rotatória da Forquilha
• Maiobão – toda extensão da Estrada de Ribamar
• Araçagi – próximo a UPA
• Olho D’agua – toda extensão da avenida
• São Francisco – cabeceira da ponte
• Terminal da Praia Grande – próximo ao Mercado do Peixe
• Ponte Bandeira Tribuzi – próximo ao hospital Dutra
• Angelim – próximo ao elevado da Cohab

Ações
Apesar das reclamações constantes da população, há quem perceba a ação da Polícia Militar tentando inibir os índices de assalto da região metropolitana de São Luís. Edilcia Almeida, moradora do bairro Maiobão, avalia como positiva e elogia as ações que a PM vem realizando. “Apesar de já ter sofrido assaltos em parada de ônibus, quando vejo uma abordagem, a sensação é de segurança. Sei que muito pode ser feito ainda, mas a polícia está trabalhando”, afirmou.

Para a Polícia Militar, desde o início do ano, foram feitas mais de 1.000 abordagens em ônibus. Segundo eles, parte das operações de combate a assaltos a coletivos resultou na condução de vários suspeitos e diversas apreensões de armas brancas (facas e facões), pequenas de drogas, como maconha e pedras de crack, armas de fogo e algumas até mesmo de brinquedo. As operações são realizadas pela Polícia Militar do Maranhão, pelo Batalhão de Choque e a Cavalaria da PM nos principais pontos críticos de incidência de assaltos a ônibus.

Mapa dos pontos
De acordo com o comandante do CPAM I, coronel Pedro Ribeiro, os principais pontos críticos considerados de maiores incidências criminais de assaltos são a Avenida do Monte Castelo, próximo ao elevado; na cabeceira da ponte do Ipase, no bairro do Maranhão Novo; na área do Anjo da Guarda; na Avenida dos Portugueses; no Alto da Esperança, em um local chamado Mangueirão; na BR-135 – em toda sua extensão; na rotatória da Forquilha até a chegada do Maiobão; na Upa do Araçagi até o Olho d’Água; na cabeceira da Ponte do São Francisco; no Terminal da Inegração da Praia Grande até o Mercado do Peixe; nas áreas da Ponte Bandeira Tribuzi, próximo ao Hospital Dutra, e no bairro do Angelim, próximo ao elevado da Cohab.

O secretário-adjunto do Sistema de Segurança Pública, Saulo Ewerton, revelou que já existe uma programação de abordagens em pontos de parada de ônibus e que todos os Batalhões de Polícia Militar estão incluídos, bem como a Polícia Civil, por meio da Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC).

O sistema de segurança está buscando constantemente a resolutividade desses crimes com a integração das forças policiais e obviamente diminuindo as ocorrências desse gênero. Nós temos informações desses crimes de que houve um incremento nessas ações criminosas, onde boa parte tem tido uma migração de locais, e isto inclusive já foi alertado para a Polícia Militar, bem como para SPCC, para que haja uma aglutinação do planejamento para que as operações se otimizem no sentido de haver um estanque dessas ocorrências”, finalizou o secretário.

Operações da PM
Em termos de dados, o comandante informou que a Polícia Militar iniciou este processo de operações em coletivos especificamente no dia 23 de fevereiro de 2014, desde então houve várias denominações destas operações – Operação Catraca, Operação Transporte Seguro, Maria Metropolitana e atualmente com a operação “Busca Implacável”, que é realizada 24 horas por dia e coordenada pelo três comandos metropolitanos – CPAM I, II e III, pelo Comando de Policiamento Especializado – Rotam, Choque, Cavalaria, Companhia de Operações Especiais, além do Comando de Segurança Comunitária.

As operações são diárias, realizadas em toda região metropolitana, começando a partir das 6h até o encerramento da circulação dos transportes coletivos. Para as abordagens, são escolhidos pontos estratégicos como já foram repassados, geralmente locais mais vulneráveis à criminalidade. No combate aos assaltos a ônibus, a operação Busca Implacável é uma dinâmica que consiste em abordar ônibus em movimento. Cerca de 268 abordagens são feitas diariamente por cada companhia.

Núbia Feitosa, busca gestão transparente e eficiente em Paço do Lumiar.

Para trabalhar de forma mais transparente e eficiente, a Secretária Municipal de Administração, Gestão e Finanças de Paço do Lumiar, Dra Núbia Feitosa, definiu como uma de suas metas, ouvir os servidores públicos, visitando todas as Secretarias Municipais. 

Na manhã desta terça-feira (21) foi a vez da Secretaria de Saúde receber a visita da Dra Núbia, o objetivo é conhecer de perto a real situação financeira e administrativa de todos os setores desta pasta que é responsável pela formulação e implantação de políticas, programas e projetos que visem à promoção de uma saúde de qualidade ao usuário do SUS.

A Secretária passou pelo setor de epidemiologia, onde articulou junto com a coordenação, ações para o dia 24 de Março, dia mundial de combate à tuberculose. Em seguida ouviu a demanda da Vigilância Sanitária e Ambiental, passando pela atenção básica, onde solicitou relatórios das atividades realizadas e dos problemas a serem resolvidos.

"No que depender de nós, tudo vai melhorar, eu peço paciência a vocês, porque a gente vai andar a passos lentos, mas a passos seguros, não adianta eu vim aqui prometer e fingir que tudo vai ficar bem do dia para noite, porque não vai. Essa nova gestão é diferente, é comprometida, mas é uma gestão vítima, somos vítimas de injúria e de muitas dívidas. Por tanto peço que tenham tranquilidade, tenham fé e vamos caminhar juntos porque vai dar tudo certo" disse a Secretária aos servidores. 

A visita no prédio da SEMUS encerrou no gabinete do Secretário Adjunto, Eliseu Costa, onde os secretários falaram sobre 12 projetos já em andamento, como a construção de uma unidade de acolhimento à crianças usuárias de drogas.

A Secretária de Administração se comprometeu adiantando que vai viabilizar um prédio para a abertura dessa unidade de acolhimento, projeto que já foi até mesmo solicitado pelo setor psicossocial da Secretaria Municipal de Educação. 

Alguns problemas pontuais foram relatados nas Unidades Básicas de Saúde como falta de água e infraestrutura do espaço físico. Dra Núbia fez um levantamento de tudo o que é necessário para melhorar o atendimento e de maneira imediata, resolveu pequenos detalhes que fazem muita diferença para quem frequenta as UBS, como a falta de água nos bebedouros. 

"Na transição de governo não foi nos repassado sobre a verdadeira situação da Saúde de Paço. Nos deparamos com algumas situações graves que atrapalham o funcionamento da máquina administrativa, mas já estamos trabalhando, para reverter essa situação, a população não pode ser prejudicada”, explicou a secretária.