terça-feira, 26 de julho de 2016

Eleições 2016: Gilberto Arôso e Fred Campos traçam estratégias para campanha.

Gilberto Arôso e Fred Campos montaram um projeto para retornarem ao poder


O mapa da disputa da prefeitura de Paço do Lumiar começa a ser definido, com a abertura do período de convenções. Os principais partidos no município já oficializam, até o próximo dia 4 de agosto, os postulantes aos cargos de prefeito e vice.

O presidente municipal do PRB, o ex-vereador Fred Campos conforme noticiado por algumas lideranças, já está confirmado como candidato a vice-prefeito na chapa de Gilberto Arôso (PRB), que está inelegivel e poderá ter sua candidatura impugnada pela Justiça. A confirmação da indicação do vice de Gilberto, se deu na ata de registro do PSL que foi protocolada ontem 25, no cartório eleitoral e deixou claro que o candidato a prefeito e vice, será os dois do PRB.

Já o vereador Jorge Maru (DEM), que estava sendo cotado para ser o vice na chapa de Gilberto, foi substituido porque já existe uma promessa para que o edil seja o próximo presidente da Câmara Municipal, o acordo foi feito para garantir a governabilidade da família Campos, caso Fred seja eleito prefeito de Paço do Lumiar.

O vereador Jorge Maru está filiado do DEM, e não no PRB como muitos pensavam



Com os candidatos a prefeito e vice já definido, o ex-prefeito Gilberto Arôso montou um chapão com os partidos PRB, DEM, PMDB, PSL e PROS. O objetivo da coligação é eleger Carmen Arôso, Jorge Maru, e França (indicação da família Campos). Se a coligação atingir o coeficiente para eleger o quarto vereador, o edil Marinho do Paço que foi descartado pelo grupo na indicação de vice, poderá ter sua reeleição garantida. 

Os partidos PP e PRP que haviam fechado uma coligação, estão enfrentando um sério problema por conta do esvaziamento que houve nas legendas, depois de terem traído o prefeito Josemar Sobreiro. Os pré-candidatos a vereadores dos dois partidos ligados a Josemar, decidiram não concorrer mais ao legislativo municipal. O ex-secretário Fernando Muniz (PP) está desesperado e tenta atrair outros partidos para a coligação. 

O PMN e o PSDC poderão formar uma coligação para eleger um vereador, a missão é difícil mas os pré-candidatos dos partidos acreditam no potencial do grupo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário