quinta-feira, 9 de junho de 2016

Ex-presidiário poderá concorrer ao cargo de prefeito em Paço do Lumiar.

Candidatura de Gilberto Arôso (PRB) poderá virar chacota nacional

Se já não bastasse os escândalos envolvendo a família Arôso, ao longo dos anos em Paço do Lumiar, que envergonham a cidade e a sua população, agora o município poderá virar chacota nacional.

O ex-prefeito da cidade Gilberto Arôso (PRB) preso recentemente, após a decisão da 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão (clique aqui), qual manteve sentença da juíza da Comarca de Paço do Lumiar, Jaqueline Reis Caracas, pela condenação do ex-gestor pelos crimes de fraude à licitação e falsificação de documento público, que  o levou a cumprir pena no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, e está em liberdade por força de uma liminar do TSJ, anda se articulando para ser candidato a prefeito.

A noticia vem como uma bomba para a população luminense, que pela primeira vez na história poderá se depara com um ex-presidiário concorrendo ao cargo de prefeito na cidade. Podendo ser preso a qualquer momento, devido aos inúmeros processos que responde na Justiça.

Os processos de Gilberto Arôso 

Eis aqui alguns processos que Gilberto Arôso responde na comarca de Paço do Lumiar
Nosso blog, vem acompanhando a longa saga de processos judiciais ao todo 41, pelos quais o Sr. Gilberto Arôso vem sendo acusado em diversas matérias, principalmente por atos de improbidade administrativa no decorrer de sua gestão frente à prefeitura de Paço do Lumiar. Como já dizia o grande Jurisconsulto brasileiro, Ruy Barbosa: FORA DA LEI NÃO HÁ SALVAÇÃO! 

Nesse âmbito não poderíamos deixar de lado o estudo de tal figura, que mais uma vez está na cena política de Paço do Lumiar, com a intenção de novamente “administrar” a prefeitura: que é bem público e não de interesse particular!

Os processos que Gilberto Arôso responde na Justiça, e pelas condenações que já teve demonstra com clareza as práticas ilícitas que foi seu governo. 

Como é possível esquecer a gestão corrupta do ex-prefeito Gilberto Arôso, atolada em processos tanto na comarca de Paço do Lumiar, quanto no Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão; 90% deles são por atos de improbidade administrativa contra o erário público municipal. 

É preciso que a população tenha a consciência de que a corrupção envolvendo a gestão de Gilberto Arôso, produziu pobreza e impediu o desenvolvimento do nosso município. 

O ex-prefeito ainda corre o risco de um outro processo que responde, o levar novamente pra cadeia. Até as convenções municipais tudo pode acontecer, é aguardar pra ver! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário