segunda-feira, 9 de maio de 2016

Gilberto Arôso não para de mentir.

“A arte de mentir, alguns já nascem com esse dom e outros vivem aprimorando”


Minha posição como editor de um dos blogs mais lidos em Paço do Lumiar, frequentemente me coloca frente a políticos dos mais diversos grupos e siglas, com os quais tenho tido diálogos informais. Tais políticos imediatamente acabam por revelar fragmentos de informações que por si só nada representariam, porém outros fragmentos captados em outras conversas acabam por nos proporcionar a possibilidade de montar um mosaico, onde a junção dos cacos nos permite formar uma ideia mais clara dos acontecimentos.

O ex-prefeito Gilberto Arôso que chegou ao mandato via tapetão, qual todo mundo passou a conhecer o jeito mentiroso e dissimulado de tratar pessoas e coisas, não para de mentir sobre sua situação política.

Famoso por tratar e não cumprir, o ex-prefeito virou folclore e pessoas criaram frases pra o definir como: “Trata com convicção e falha com certeza”.

Recentemente Gilberto Arôso, ao se filiar ao PRB, partido ao qual tem o ex-vereador Fred Campos como presidente da agremiação, demostrou com clareza o desespero do seu pequeno grupo político para se manter vivo na politica local.


A filiação do ex-prefeito no PRB tem um proposito e toda classe política já percebeu o motivo desse acordo (clique aqui e reveja).


Porém, Arôso continua mentindo sobre sua inviabilidade de ser candidato a prefeito. E junto com seu pequeno grupo político, andam espalhando que o Supremo Tribunal Federal - STF vai garantir sua certidão pra que possa ser candidato.

Já ficou claro que o ex-prefeito não consegue se livrar da acusação de Ficha Suja, e mesmo que venha ser candidato estará inelegível. Seu grupo anda mentindo sobre sua candidatura até a última hora, no intuito de não serem esquecido. 

A mentira de manter Gilberto vivo na política, é também para negociar vantagens políticas para a família e continuar a enganar os menos esclarecidos, e assim se fazendo passar por vítima, alegando que não sairá candidato por conta de seus adversários.

Aos 50 anos, o ex-prefeito vê a carreira entrar em declínio. Com as condenações já consumadas, dificilmente conseguirá ser candidato nos próximos 10 anos.


Processo que levou Gilberto pra cadeia e o tornou inelegível por um colegiado de Desembargadores do TJ/MA

Nenhum comentário:

Postar um comentário