quinta-feira, 5 de maio de 2016

Em Brasília, governador garante recursos para 4 mil famílias da agricultura familiar.

Governador Flávio Dino e a ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, assinaram convênios
Cerca de 4 mil famílias rurais maranhenses serão beneficiadas com tecnologias sociais de acesso à água para produção de alimentos. As obras totalizarão investimentos de R$ 40 milhões, repassados pelo governo federal ao Maranhão. O termo, assinado esta semana, é fruto de agenda do governador do Maranhão, Flávio Dino, na capital federal.

O governador fechou duas parcerias com o Ministério do Desenvolvimento Social do governo federal. As ações visam abastecimento de água para produção agrícola e também a compra de produtos da agricultura familiar para fornecimento de merenda nas escolas. O foco das duas ações serão as 30 cidades com menor Índice de Desenvolvimento Humano que fazem parte do programa ‘Mais IDH’.

O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), fruto de parceria entre governos federal e do Maranhão, visa garantir a compra de produtos da agricultura familiar para fornecer merenda às escolas públicas dos 30 municípios de menor IDH do estado. O governo federal irá investir R$ 3,25 milhões para compra desses produtos. “A união do Governo Federal com o Governo do Estado reforçará as iniciativas do Programa ‘Mais IDH’, que une ações de caráter social e econômico nas 30 cidades de menor IDH do estado”, destacou Flávio Dino.

O PAA e o programa Segunda Água são de enorme importância porque promovem o desenvolvimento social, a partir do crescimento da produção familiar. As famílias de baixa renda têm esse caminho para incrementar sua renda e conseguir acesso a patamares mais altos de cidadania”, ressalta Flávio Dino.

O programa Segunda Água, do Ministério do Desenvolvimento Social, consiste na construção de cisternas para irrigação e para atender ao rebanho de agricultores. “Esse é um programa federal que já atendia todo o país, mas ainda não havia chegado ao Maranhão”, explica o secretário de Agricultura Familiar, Adelmo Soares.

O governador também cumpriu agenda esta semana nos Ministérios da Saúde, das Cidades e também no da Integração Nacional. No mesmo dia, terça-feira (3), Flávio Dino participou do lançamento, no Palácio do Planalto, do Plano Safra da Agricultura Familiar. Na ocasião, a presidenta Dilma Rousseff anunciou que os produtores da agricultura familiar contarão com crédito recorde de R$ 30 bilhões na safra 2016/2017. O crédito será disponibilizado por linhas de financiamento para cultivo, produção e investimento com taxa de juros abaixo da inflação, variando de 0,5% a 5,5% ao ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário