sexta-feira, 6 de novembro de 2015

Presidente da Fundação Banco do Brasil apresenta projetos para o Maranhão.

Governador Flávio Dino ao lado do vice-governador Carlos Brandão, do presidente da Fundação Banco do Brasil, José Caetano Minchillo, do superintendente do Banco do Brasil no Maranhão, Ronaldo Alves
Queremos agir de forma conjunta com o Governo do Estado para a inclusão social e geração de renda das pessoas que mais precisam”, disse José Caetano Minchillo, presidente da Fundação Banco do Brasil. Nesta quinta-feira (5), o governador Flávio Dino dialogou com o presidente e representantes da Fundação BB sobre a união de esforços para garantir o desenvolvimento do Maranhão.

A recuperação do setor produtivo no estado tem despertado o interesse de diferentes empresas, órgãos e instituições que desejam investir no estado e fortalecer a economia regional. O secretário de Indústria e Comércio, Simplício Araújo, destacou o apoio que a Fundação BB poderá dar ao agronegócio, aos projetos de recuperação das nascentes dos rios, programas de irrigação e de resíduos sólidos no Maranhão.

Os bancos têm um papel fundamental nos projetos que estão sendo executados pelo Governo do Estado. Estamos realizando encontros com os presidentes e superintendentes do Banco do Brasil, Banco do Nordeste e Sudam com o objetivo de unir forças e fortalecer as ações de consolidação da economia local”, disse o secretário Simplício.

Através de editais, a Fundação Banco do Brasil estimula projetos regionais nas áreas da Agroecologia, Educação, Água, Resíduos Sólidos e Agroindústria. Nos próximos meses serão lançados editais para o Maranhão voltados para o extrativismo, fortalecimento das cadeias produtivas e apoio aos moradores do “Minha Casa, Minha Vida” no estado.

Queremos criar janelas de oportunidades e contribuir com as ações que já estão em andamento no Governo do Estado. Buscamos uma congruência de projetos com o objetivo de contribuir com a melhoria das condições de vida dos maranhenses”, disse Ronaldo Alves, superintendente do Banco do Brasil no Maranhão.

Participaram da reunião, o vice-governador Carlos Brandão, os secretários estaduais Simplício Araújo (Indústria e Comércio), Francisco Gonçalves (Direitos Humanos e Participação Popular) e representantes da Secretaria de Agricultura Familiar e do Banco do Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário