sábado, 31 de outubro de 2015

Veja o vídeo! Acidente entre ônibus e carro de passeio deixa motorista preso às ferragens na estrada da Maioba.



O motorista de um carro de passeio ficou preso às ferragens ao bater em um ônibus no início da manhã deste sábado (31) na MA - 202. 

De acordo com informações, a batida ocorreu por volta das 05 horas da manhã, na estrada da Maioba, no cruzamento com a Estrada que dá acesso a estrada de Ribamar. O motorista e os passageiros do ônibus, não se feriram, mas tomaram um susto, após o veículo ficar sem controle e quase invade uma residência. 

O Corpo de Bombeiros e atendentes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), chegaram minutos depois do ocorrido e socorreram o motorista de passeio. Informações dão conta, que ele teria batido frontal com o ônibus. Ele sofreu lesões nas pernas e foi encaminhado para o Socorrão 2.

Veja o vídeo

sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Prefeito Josemar Sobreiro celebra aposentadoria de 53 servidoras municipais.

O dia foi de alegria e emoção para as 53 servidoras de Paço do Lumiar que receberam o decreto de aposentadoria no PrevPaço, no bairro Maiobão. O prefeito Josemar Sobreiro esteve presente e fez uma homenagem às servidoras, nessa quarta-feira, durante um café da manhã especial.

O prefeito professor Josemar herdou uma dívida histórica da PrevPaço, que foi deixada por seus antecessores. Alguns funcionários estavam aguardando há oito anos por sua aposentadoria:

Essa gestão é de vocês, servidores, povo trabalhador luminense, que faz o município se movimentar, crescer, e tudo o que tem sido feito é por vocês e para vocês. É com muito orgulho que vejo a PrevPaço desta forma tão evoluída e resgatada em apenas 2 anos e 9 meses. A PrevPaço era um mar de corrupção que nunca mais voltará a existir, sob minha gestão”, concluiu o prefeito.

Em 20 anos de administração, apenas 81 servidores conseguiram se aposentar pela Prefeitura de Paço do Lumiar. Em 2 anos e 9 meses, a atual gestão já regularizou a aposentadoria de 112 servidores.

PrevPaço era um cubículo sem banheiro
O PrevPaço entregue pela última gestão municipal era um cubículo na avenida 8, onde nem banheiro havia. Quando o atual gestor, Henrique Melo, chegou àquele endereço, “a porta estava trancada e ninguém tinha a chave.”

Tivemos que apelar para o arrombamento, autorizado pela Procuradoria Geral do Município, quando conseguimos entrar, vimos todos os papeis de registros rasgados – disse Henrique Melo. “Foi necessária uma pesquisa em todos os órgãos municipais para que o PrevPaço tivesse todas as informações de aposentados e pensionistas resgatadas e, depois, digitalizadas”, disse o superintendente do PrevPaço.

Além das autoridades municipais, participaram da cerimônia da aposentadoria das 53 servidoras Judson Oliveira, assessor jurídico do PrevPaço; Graça Privado, secretária de Educação do município; Bruno Rodrigues, procurador geral do município e o presidente da Câmara dos vereadores, Bruno Leonardo

Governo notifica 515 pessoas físicas por não pagamento de R$ 128 milhões em ICMS.

A Secretaria da Fazenda enviou intimações fiscais para as primeiras 515 pessoas físicas que compraram R$ 128 milhões em mercadorias, reclamando o pagamento do Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que não foram recolhidos aos cofres do Estado.

O relatório produzido com base no banco de dados da Nota Fiscal Eletrônica da Sefaz identificou que, nos últimos cinco anos, centenas de pessoas físicas do estado do Maranhão, que constam no quadro societário de diversas empresas (pessoas jurídicas com CNPJ), compraram mais de R$ 2 bilhões em mercadorias de outros estados da federação, utilizando o próprio CPF, caracterizando intuito comercial.

Todas as pessoas físicas envolvidas nas compras serão intimadas gradativamente pela Sefaz a recolher o imposto devido. No relatório da Sefaz foram identificados casos em que um único CPF comprou mais de R$ 3,5 milhões de notas fiscais em frangos e outro CPF que comprou mais de R$ 2,5 milhões de batatas em um único ano.

O secretário de Fazenda, Marcellus Ribeiro Alves, explicou que estas compras interestaduais de mercadorias, utilizando o CPF de sócios de pessoas jurídicas, evidenciam uma tentativa de burlar a cobrança do ICMS, que seria devido pelas empresas, conforme artigo 26 do Código Tributário Estadual, lei 7.799/2002.

A identificação do débito foi obtida pelo cruzamento de dados realizados pela unidade de planejamento fiscal da Sefaz com apoio da unidade de tecnologia da informação.

As Intimações foram encaminhadas pelo Correio para o endereço das pessoas físicas que terão um prazo de 20 dias para a sua regularização. Até esta data o contribuinte poderá pagar à vista o débito sem multa, apenas com os juros moratórios ou parcelar.

O pagamento deve ser realizado por meio do DARE gerado no portal da Secretaria de Fazenda: dare.sefaz.ma.gov.br/dare. Para a geração do DARE o interessado deve selecionar a opção “Não contribuinte”, informar o número do CPF e selecionar “Intimação Fiscal”. O código de receita a ser informado é o 112.

Em caso de contestação, a mesma deverá ser entregue, dentro do prazo estabelecido (20 dias), em qualquer unidade de atendimento, onde a mesma será encaminhada à Unidade de Fiscalização Preventiva, para análise e parecer.

O não pagamento do imposto apurado ou a não contestação no prazo estabelecido acarretará em lavratura de Auto de Infração com aplicação de multa de 50% sobre o valor do imposto. Após os prazos regulamentares sem regularização, o débito será inscrito em dívida ativa para execução judicial.

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Desesperado por boquinha, Dutra desabafa: “quando não se tem mandato nem o vento bate nas costas”

Em postagem nas redes sócias, pré - candidato a prefeito, o ex-petista e neocomunista Domingos Dutra deixou clara sua obsessão por um novo “lugar ao sol” na política.

Por Daniel Matos - Blog

O ex-deputado federal e pretenso candidato a prefeito de Paço do Lumiar em 2016, Domingos Dutra, deu mais demonstração de quanto está desesperado por um cargo público, a popular boquinha, apenas com o intuito de se locupletar.

Em postagem no Facebook, nesta quarta-feira, na qual aparece em foto ao lado do secretário de Estado de Desportos e Lazer, Márcio Jardim, e do deputado estadual e presidente do Sampaio Corrêa, Sérgio Frota, o ex-petista e neocomunista deixou clara sua obsessão por um novo “lugar ao sol” na política.

Em resposta ao comentário de um correligionário do interior do estado, que reclamou de sua ausência, Dutra zombou da sua condição atual, na intenção de despertar compaixão. “Quando não se tem mandato nem o vento bate nas costas”, desabafou, referindo-se às vantagens e aos afagos com os quais só os políticos bem sucedidos nas urnas são contemplados.

A resposta de Dutra não poderia ter sido mais esclarecedora. Ao se martirizar por não ocupar cargo público no momento, o que o obrigou a voltar a exercer a advocacia para sobreviver, o pré-candidato do governador Flávio Dino em Paço do Lumiar revelou todo o seu seu apego aos privilégios de que gozam os políticos, tais como gabinete, verbas de custeio, passagens aéreas, combustível e outras benesses.

Até agora, Dutra só expôs suas lamentações por estar distante do círculo do poder. Quanto aos interesses do povo, estes ainda não mereceram a devida atenção na campanha antecipada feita pelo neocomunista nas redes sociais.

Júri absolve homem que matou irmão tetraplégico a tiros a pedido da vítima.

Homicídio planejado aconteceu em Rio Claro (SP) em outubro de 2011. Geraldo Rodrigues de Oliveira pediu ao irmão para simular um assalto.

Informações - G1

O júri popular de Rio Claro (SP) absolveu Roberto Rodrigues de Oliveira nesta terça-feira (27), acusado de matar o irmão tetraplégico a tiros em 2011. A vítima, inconformada com a sua condição, pediu para morrer em uma simulação de assalto. O irmão foi detido três dias após o crime, mas logo foi solto e desde então respondia em liberdade por homicídio doloso, quando há a intenção de matar.

O advogado de defesa, Edmundo Canavezzi, disse que já esperava pela sentença favorável. “Roberto foi perdoado pela família e esse peso ele vai carregar pelo resto da vida. Os jurados acolheram a minha tese de que não se poderia esperar dele outra atitude senão àquela a qual ele adotou”, disse o defensor.

O julgamento começou por volta das 9h30. Sete jurados participaram do júri. “Não dá para saber se a decisão foi unânime porque pela atual legislação processual penal quando se atinge o numero de quatro votos o juiz encerra a votação”, explicou Canavezzi.

O homicídio aconteceu em outubro de 2011 no bairro Jardim Novo 1. Durante as investigações, a polícia descobriu que Geraldo pediu a Roberto que planejasse um meio de matá-lo, simulando um assalto. Um sobrinho adolescente que morava com a vítima seria a única testemunha.

Após o crime, o sobrinho relatou em depoimento que Roberto invadiu a casa encapuzado e atirou contra Geraldo, que foi atingido no ombro e no pescoço. Ele ainda roubou R$ 800 para que a polícia acreditasse em assalto. Em meio às investigações, o jovem mudou a versão e relatou que tudo tinha sido combinado entre eles.
Sequência de tragédias

O advogado avaliou o caso como uma sequência de tragédias. Geraldo era casado e tinha um filho paraplégico, situação que ele não aceitava. Quando a criança tinha 8 anos, o pai sofreu um grave acidente que o deixou tetraplégico, em 2009. No mesmo ano, outro irmão dele morreu em um acidente. “Ele não se conformava e entendia que ele era quem deveria ter morrido, então começou a pensar seriamente em se matar”, contou o advogado.

Geraldo pediu para a mulher sair de casa e quando ela se foi com o filho ele passou a ser cuidado por Roberto. A partir daí a vítima passou a exigir que o irmão o matasse. Roberto, por sua vez, não suportava ver o irmão naquela situação. Ele tinha problemas físicos graves, sentia dor ao passar a sonda para poder urinar e também estava deprimido, prisioneiro do próprio corpo.

Geraldo, Roberto e o sobrinho planejaram a morte. É uma situação bastante intensa em que você tem fundamentalmente um individuo muito pressionado e coagido pelas circunstâncias, que não tinha outra alternativa senão cumprir como designo do irmão”, disse o advogado.

Após o crime, a polícia pediu a prisão temporária de Roberto. Pouco tempo depois ele foi solto para responder pelo crime em liberdade.

Prefeitura de Raposa e AGED fecham parceria para a realização do Projeto “Campo Limpo Ambiente Saudável".

O presente projeto trata do recebimento itinerante de embalagens vazias de agrotóxicos.

Técnicos da defesa e inspeção vegetal da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED), órgão vinculado à Secretaria de Agricultura e Pecuária (SAGRIMA), se uniram nos dias 14 e 15 de outubro, à Agência Estadual de Pesquisa e Extensão Rural do Estado (AGERP) e a representantes de prefeitura municipais, no caso de Raposa, representado pela Secretaria de Agricultura para a realização do Projeto “Campo Limpo Ambiente Saudável, que trata do recebimento itinerante de embalagens vazias de agrotóxicos.


Este trabalho é desenvolvido em parceria com o Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias de Agrotóxicos (inpEV), Associação do Comércio Agropecuário do Piaui (ACAPI) e Prefeituras Municipais.

A ação contemplou Raposa e segue nos municípios ilha, que se destacam na produção de hortifrutigranjeiros. Na produção desses produtos são utilizados agrotóxicos para o controle de pragas e ervas daninhas, gerando assim, grande quantidade de embalagens vazias, que de acordo com a legislação vigente, devem ter uma destinação ambiental correta. Atualmente, essas embalagens vazias são descartadas na propriedade, gerando grande risco ambiental e à saúde humana.

O objetivo do sistema de recebimento itinerante é viabilizar o cumprimento da legislação por parte dos pequenos produtores, simplificar o processo de recebimento, conscientizar e incentivá-los a devolver regularmente as embalagens vazias de agrotóxicos após a Tríplice Lavagem, facilitar a devolução das embalagens vazias e retirá-las do meio ambiente.

O projeto está realizando um trabalho educativo, por meio de treinamentos nas comunidades agrícolas sobre o uso corretos e seguro de agrotóxicos e destino final de suas embalagens vazias, direcionado aos pequenos produtores, com palestras, programas de rádios, internet e folders. Os pontos específicos de armazenamento temporários em cada município, foram definidos pelas prefeituras e comunidades locais. Em Raposa a data escolhida foi dia 14/10, das 13h30 às 17h30 na propriedade do senhor Humberto que fica localizada,na Rua do Bacurizal, s/n, Cumbique.


Procon notifica Universidade Ceuma, após estabeleceu valores diferentes para taxas de inscrição do vestibular.

Após receber denúncias sobre a diferenciação no valor da taxa de inscrição do vestibular da Universidade Ceuma, o Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-MA) notificou a instituição, nesta quarta-feira (28).

Conforme o Edital 06/2015 da instituição, para se inscrever no processo seletivo e concorrer a uma vaga para os cursos de Direito, Nutrição, Educação Física, Odontologia, Biomedicina ou Pedagogia, por exemplo, o candidato efetua o pagamento da inscrição no valor de R$ 50,00. O Edital 07/2015 informa que para disputar uma vaga do curso de Medicina, a inscrição no seletivo é de R$ 500,00.

De acordo com o Procon-MA, o objetivo é buscar o equilíbrio das relações de consumo e, por isso, notificou para que a Universidade Ceuma preste os devidos esclarecimentos para a aparente diferenciação de preços na cobrança da taxa de inscrição do vestibular de Medicina em relação aos demais concursos.

A instituição tem prazo de 24 horas, a partir do recebimento da notificação para enviar as informações solicitadas. O descumprimento implicará na imposição de sanções administrativas e penais cabíveis e previstas pela Lei 8.078/90 e Decreto Federal 2181/97.

Programa Bolsa Escola - Mais Bolsa Família vai beneficiar 1,5 milhão de estudantes de todo o Maranhão.


A Caravana Bolsa Escola lançada na segunda-feira (26), pelo governador Flávio Dino encerrou seu primeiro dia de ações reunindo público de 53 municípios maranhenses, compreendidos nas Unidades Regionais de Educação (URE) das cidades de Pinheiro, Arari, Pindaré Mirim e Zé Doca para divulgação do Programa Bolsa Escola (Mais Bolsa Família).

A Caravana, formada por técnicos da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes) e coordenada pessoalmente pelo secretário Neto Evangelista, foi criada com o intuito de levar informações sobre o Bolsa Escola aos beneficiários diretos, para que todos possam ter acesso ao recurso do qual têm direito.

As ações de itinerância da equipe do Programa seguem até o dia 17 de novembro, passando por todas as 18 Unidades Regionais de Educação do Maranhão. Nesta quinta-feira (29), é a vez dos municípios de Balsas e São João dos Patos receberem a Caravana Bolsa Escola.

A recepção da população com a Caravana Bolsa Escola tem sido calorosa e muito animadora. É dignificante poder contribuir de forma efetiva na educação das novas gerações. O programa Bolsa Escola comprova que, no governo do Flávio Dino, a educação tem prioridade real e caminhará em conjunto com o desenvolvimento e a geração de renda em todos os municípios maranhenses”, enfatizou o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista.

A primeira Unidade Regional a receber a visita da equipe da Sedes foi na cidade de Pinheiro. “Viemos trazer a boa notícia de que a décima terceira parcela do Bolsa Família prometida pelo governador Flávio Dino será uma realidade com o Programa Bolsa Escola. Já a partir de janeiro de 2016, as famílias maranhenses vão receber, R$ 46,00 por filho em idade escolar e regularmente matriculado em escola pública, desde que esteja inscrito no Cadastro Único”, explicou o titular da Sedes.

O evento contou com a presença do vice-prefeito de Peri Mirim, Elieser Soares; do diretor da URE - Pinheiro, José Ribamar Dias; da secretária de Educação do município de Presidente Sarney, Ana Célia Guedes, além de gestores e técnicos municipais da educação, estudantes e seus responsáveis.

Em Arari, município que sediou a reunião da Unidade Regional de Educação de Viana, mais de 600 pessoas de 13 municípios receberam informações sobre o Programa. “Estou muito feliz em ter participado desse evento. Agora me sinto mais segura para explicar aos pais dos meus alunos como vai funcionar o Bolsa Escola e como esse programa é tão importante na educação dos nossos estudantes”, declarou a professora Maria Marques, servidora municipal de Arari. Também estiveram presentes ao evento o prefeito de Arari, Djalma Melo; o ex-prefeito Rui Filho; o presidente da Câmara Municipal, Evandro Piancó; além de secretários municipais, vereadores, agentes de saúde e comunidade em geral.

Não há necessidade de fazer inscrição no programa Bolsa Escola. Os dados dos beneficiários virão do Cadastro Único e levarão em conta a renda mensal por pessoa da família de até R$ 154,00 e a presença de estudantes de 4 a 17 anos em sala de aula. O cartão de débito chegará na casa de cada família, que deve procurar os estabelecimentos comerciais de seu município para a compra do material escolar”, explicou Ana Gabriela Borges, secretária adjunta de Renda de Cidadania e gestora do Bolsa Escola, durante reunião da URE – Pindaré Mirim, onde participaram os prefeitos do município, Walber Furtado e de Tufilândia, Raimundo Neto; além da presidente da Câmara de Vereadores, Judite Maria, e demais vereadores, secretários municipais e representantes de outros municípios da região como Igarapé do Meio, São João do Caru, Santa Inês, Alto Alegre e Pio XXII.

Não podemos deixar de parabenizar essa louvável iniciativa do Governo do Estado. Sabemos que o nosso país passa por uma grande crise, mas nosso governador teve a sensibilidade de honrar com mais um compromisso de campanha e contribuir, de fato, para a melhoria da qualidade de vida do povo do Maranhão”, reconheceu o prefeito de Tufilândia, Raimundo Neto.

A Caravana Bolsa Escola passou, ainda, pelo município de Zé Doca, onde a secretária Municipal de Assistência Social chamou atenção da população sobre a importância do apoio dos municípios para que o programa Bolsa Escola desse certo. “O Bolsa Escola é um sonho que bate na nossa porta. Vamos nos esforçar muito para efetivar e fiscalizar esse programa que só ajudará nossas crianças e adolescentes a irem mais motivados para a sala de aula. Temos que fazer a nossa parte”, afirmou Maria de Nazaré Melo.

O apoio dos municípios é fundamental para que as informações cheguem a todos os 1,5 milhão de crianças e adolescentes beneficiados com Bolsa Escola e aos proprietários de estabelecimento comerciais que podem se credenciar para vender os produtos incluídos na cesta do programa. Informações e o credenciamento de empreendimentos podem ser realizados pelo site www.bolsaescola.sedes.ma.gov.br As inscrições vão até o dia 15 de dezembro deste ano.

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Paço do Lumiar: Bastidores da política local

A política local é a que mais mexe com a vida das pessoas, pois as coisas que precisam ser ajustadas e melhoradas na sua rua ou no seu bairro estão diretamente ligadas à administração municipal. 

Em Paço do Lumiar, tudo aparentemente está muito calmo na política. Em outras épocas já era possível analisar com precisão quem seriam os candidatos a prefeito. Porém, já estamos terminado o ano e apenas conjecturas de prováveis pré-candidatos. 

A eleição para prefeito e vereadores interessa muito à comunidade. Os debates são sempre muito acalorados em torno das propostas. A eleição local desperta antigas rivalidades e, muitas vezes, une velhos inimigos, alguns não titubeiam em utilizar a equação do poder pelo poder. 

Assim como no futebol, a política tem uma linguagem diferente, e não tem dicionário capaz de traduzir a linguagem e explicar como aquela pessoa que diz que não é candidato, estará nesta mesma época no ano que vem a procura de votos. Portanto nos bastidores da política quem diz que "quer ser candidato" não pretende ser e quem diz "talvez" é porque já está viabilizando a disputa. Como o caso, do ex – prefeito Gilberto Arôso que caladinho tenta se viabilizar para a disputa, mas sabe que sua situação com a justiça não tá fácil.

Antes da confirmação do novo prazo de filiação, a política em Paço de Paço do Lumiar fervilhava. Alguns políticos inexperientes e empolgados, fizeram alianças equivocadas temendo que as novas regras para as eleições municipais não fossem sancionadas pela Presidente Dilma Rousseff. O desespero de agregar partidos em torno do projeto político, custou muito caro pra alguns, já outros apenas observaram.

Como a crise política nacional é grave e causa efeito direto nas bases. Paço do Lumiar já sente claramente o desgaste dos políticos e talvez isso tenha gerado desânimo de vários e revoltado tantos outros eleitores. Já ouvi várias pessoas dizendo que não voltará em nenhuma dos candidatos que se apresentam na disputa em 2016, o cenário político luminense continua aberto para novos nomes. Isso é a prova do descrédito da classe política local. 

Acredito que o pleito de 2016 está cercado por "segredos e mistérios". O debate em termos da legislação eleitoral não está totalmente concluído e as mudanças e critérios afetam diretamente candidatos, partidos e cidadãos. Dependendo das normas, pode surgir um cenário ou outro, bem diferente.

Alguns nomes já se colocam como pré-candidatos ao executivo como Gilberto Arôso (PMDB), Caetano Jorge (PV) e Domingos Dutra (PC do B) e disputando a reeleição o atual prefeito Josemar Sobreiro (PSDB). Outros tantos ficam na base da especulação nos bastidores da política tais como: Inaldo Pereira (PPL), Fred Campos (PRB), e Inácio Ferreira (sem partido).

Vejo que a tendência de se repetir a chapa vencedora de 2012 em 2016 hoje é praticamente nula. Mas no ano que vem pode ser diferente e ser mantida. 

Diante do quadro apresentado, o próximo pleito poderá surpreender. Quem tiver a audácia de apresentar um nome novo, dotado de prestígio e carisma junto à população mesmo sem passado político poderá ser o grande vitorioso em 2016.

ENEM: respostas objetivas para perguntas subjetivas

O ENEM de 2015 foi bastante criticado por pessoas que fizeram a prova e por indivíduos que, simplesmente, viram algumas de suas questões.

Um dos pontos mais apontados foi uma suposta doutrinação, sobretudo na citação da famosa feminista Simone de Beauvoir: “ninguém nasce mulher, torna-se”.

É claro que, da referida frase, pode-se extrair uma série de conclusões; mas o atual quadro do país e os discursos LGBTs acabaram dando uma conotação não muito agradável ao sentir de alguns: seria possível um homem tornar-se mulher, bastaria escolher.

Tal conclusão é absurda no aspecto biológico e científico; afinal, mulher é devidamente definida pela ciência. A reprodução humana, basicamente sexuada, exige a presença do homem e da mulher, XX e XY, gameta e zigoto, e isso não se discute.

Tem-se como questionável a citação de feministas fervorosas em provas que buscam, unicamente, extrair do estudante seu conhecimento e selecionar os mais bem preparados para adentrar no Ensino Superior.

Não que a intenção do Ministério da Educação na formulação da prova tenha sido, de fato, doutrinar. Não sou adepto de "teorias conspiratórias comunistas".

Todavia, impende salientar que a doutrinação é um fato. Basta verificar a legislação eleitoral que, aliás, obriga os Partidos Políticos a destinar parte do fundo partidário à doutrinação.

Sabe-se que a doutrinação está, mais do que nunca, impregnada no ensino do país; todavia, para tudo há um momento: utilizar-se de testes seletivos para plantar ideias na cabeça de pessoas em desenvolvimento não é adequado.

Independentemente do mérito da questão, é certo que tais perguntas trazem à tona outro ponto relevante sobre provas em geral: certo x errado em questões objetivas.

A problemática não é de hoje; por muito tempo as bancas vêm cobrando questões controversas, com dois ou três entendimentos diferentes, em questões objetivas.

Quando o assunto é ideológico, a divergência fica ainda mais acirrada: como pode alguém, em uma questão objetiva, exigir a resposta certa para uma questão subjetiva?

Afinal, para questões subjetivas, o certo e o errado é uma questão de perspectiva. Dois mais dois são quatro: embora seja um dogma contestável por alguns, dificilmente haverá como divergir em uma questão objetiva dessa espécie.

Mas quando se põe em jogo ideologia, bom, ai o buraco é mais embaixo.

Afirmar, por exemplo, que o desenvolvimento da indústria prejudicou o mundo, trazendo desemprego à sociedade, é absurdo; isso mina toda e qualquer possibilidade de termos uma sociedade empreendedora.

A sociedade é formada por oferta e demanda. Não podemos criar demandas desnecessárias para empregar quem não precisaria ser empregado, simplesmente por empregar. As pessoas devem buscar seu espaço, e não o contrário.

Imaginem se o país ainda vivesse da forma como era antes da revolução industrial? Com certeza, não estaríamos sentados na frente de um computador; no lugar da energia elétrica que ilumina sua mesa, provavelmente, haveria um lampião.

Nada contra a luz de lampião, mas o tempo passa, e a sociedade evolui, inclusive tecnologicamente. E a sociedade? Bom, essa acompanha o desenvolvimento.

Questionar coisas assim, tão subjetivas e ideológicas, faz com que o nosso país, que já é atrasado no âmbito educacional, crie cada vez menos uma perspectiva racional.

Enquanto países como a Coréia do Sul estão se preocupando com complexos cálculos matemáticos, com a criação de novas invenções eletroeletrônicas; nós estamos tentando trazer à tona pensamentos marxistas sem qualquer práxis; pensamentos que já fracassaram ao redor do mundo e não trouxeram nada além de miséria e arbitrariedade.

Cumpre ressaltar que o tema da redação, de fato, foi relevante: sabe-se que a violência contra a mulher é um tema importante no país. Pensar nos problemas e buscar as soluções é salutar.

Mas criticar por criticar não dá!

Também não dá para impor a sua verdade a ninguém.

O ENEM deveria ser um teste para exigir os conhecimentos daquele que pretende ingressar na faculdade, e ponto final.

A sociedade brasileira precisa se unir; não é a hora para fomentar, ainda mais, a absurda ideia de luta de classes, caso contrário, iremos, de fato, sucumbir.

Cobrar subjetividades e ideologias em questões objetivas é impor como verdadeira e dogmática uma ideia controversa, questionável e relativa.

Por Hyago de Souza Otto

Sem trabalho a mostrar em Paço do Lumiar, pré - candidato a prefeito Domingos Dutra recorre ao deboche.

Domingos Dutra, político que conquistou sucessivos mandatos apenas à custa do ódio.

Por Daniel Matos - Blog

Sem mandato e obrigado a retornar à advocacia para sobreviver, o ex-deputado Domingos Dutra vem usando as redes sociais, principalmente o Facebook, na intenção de aparecer e viabilizar sua candidatura a prefeito de Paço do Lumiar. Incomodado com a forte rejeição ao seu nome, externada por um número cada vez maior de eleitores, o ex-petista e agora comunista recorre ao deboche para tentar reverter sua antipatia e conquistar adeptos ao seu projeto.

Em postagem publicada nas redes sócias, Dutra voltou a evocar sua condição de advogado, como se estivesse exercendo a profissão por escolha própria e não por ter sido derrotado nas urnas na última eleição. Em um comentário rasteiro, ele tenta desqualificar os adversários e passar a imagem de arauto da Justiça. Mas o máximo que conseguiu foram três comentários favoráveis e dois em tom de gozação.

Escreveu Dutra em mais uma de suas tiradas alopradas: “Para desgosto dos adversários que não trabalham e não tem profissão, novamente com Dra Núbia, linda, no Fórum, defendendo a Justiça para todos” (SIC). 

Nota-se ainda no comentário de Dutra que ele usou a esposa e também advogada Núbia para fazer um gracejo, chamando-a de “linda”, com o claro objetivo de ganhar pontos entre o eleitorado feminino.

Esse é Domingos Dutra, político que conquistou sucessivos mandatos apenas à custa do ódio, sem nenhum feito significativo em benefício do povo carente que ele diz defender. E que agora, vendo a fórmula esgotada, tenta mudar o tom do discurso, sem deixar de ser rasteiro, como sempre foi.

Polícia Militar amplia projetos preventivos em escolas e combate crimes cometidos contra estudantes.

Um policial militar no lugar do professor e ensinando, de forma clara, os malefícios do envolvimento com o submundo das drogas e da violência. Este é o principal ensinamento de policiais militares que se tornam, de segunda a quinta-feira, instrutores do Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência (Proerd).

A Polícia Militar cumprindo seu papel constitucional utiliza homens e mulheres da corporação a fim de impedir que crianças e adolescentes sejam atraídas para o mundo das drogas e resistam às pressões e as influências diárias que contribuem para uso de drogas e à prática de violência, seja ela física ou psicológica. Além da presença do policial militar fardado em sala de aula, a presença da PMMA, também é vista nas portas das escolas com equipes do Ronda Escolar.

O Proerd já formou, desde sua implantação, 341.694 estudantes do 5º ano do ensino fundamental, na faixa etária dos 9 a 12 anos. O Programa já desenvolveu ações em 132 municípios. Este ano, o Proerd está sendo ampliado para 38 munícipios. “Esta é a forma de se fazer Segurança Pública, na qual se tem o envolvimento de várias instituições, entre elas, a escola e a família. Este programa mostra as crianças que se envolver com as drogas e com a violência não é um caminho seguro. Além disso, estamos reforçando todas as ações no entorno das escolas garantindo que professores e alunos transitem e não sejam vítimas de delitos”, pontuou o comandante geral da Polícia Militar, coronel Marco Antônio Alves.

No último dia 14, cerca de mil trezentos e oitenta e uma crianças concluíram mais uma etapa do Programa. No estádio Castelinho, em São Luis, eufóricos os alunos de 20 escolas da rede municipal de ensino da zona rural participaram de mais um momento de festa durante a formatura de 2015.

Além de São Luís, o Proerd é realizado nas cidades de Caxias, Pinheiro, Imperatriz, Balsas, Rosário, Santa Inês, Codó, Presidente Dutra, São João dos Patos, Itapecuru-Mirim, entre outras. O Programa possui como material didático, o Livro do Estudante, auxiliando os respectivos alunos e policiais PROERD no desenvolvimento das 10 lições contidas no material.

Engajamento da Família
A filosofia do Programa prevê ainda, o direcionamento de ações aos pais e responsáveis legais, promovendo dessa forma a reflexão sobre a importância da família como ambiente primeiro da prevenção. Baseado nisso, o reconhecimento da importância do projeto é exemplificado por Marco Ribeiro, pai de uma estudante que participa do Proerd, no bairro do São Raimundo. “A questão da violência é geral. Temos todos os dias que alertar nossos filhos sobre os riscos da violência. Nisso, quando temos um importante aliado que é esse projeto ficamos mais fortes para impedir que nossos filhos sejam chamados para o mundo das drogas”, afirmou.

Para ser Instrutor do programa, além de ser policial militar com pelo menos dois anos de efetivo serviço, o PM passa por uma seleção em que são observados caracteres pessoais, tais como: ser voluntário, ter habilidade para falar em público, não ser usuário de drogas lícitas ou ilícitas, não estar respondendo a processo civil ou criminal, ter bom comportamento profissional. Posteriormente, o policial passa pelo curso de formação de Instrutores Proerd, com a duração de 80 horas/aula, onde lhe será apresentada a filosofia do programa, sendo-lhe repassado o conhecimento técnico-pedagógico para habilitá-lo a aplicar o programa.

As estratégias do Programa têm um caráter essencialmente preventivo, proporcionando à comunidade condições de modificar os fatores ambientais e comportamentais que contribuem ao abuso de drogas e à violência. A proposta implica numa mudança de paradigma no modo de ser e estar no convívio da comunidade por parte dos profissionais de segurança pública e, consequentemente, numa mudança de sua postura perante o cidadão”, disse o secretário estadual do Proerd, capitão Wellington Rodrigues.

Ronda Escolar
Aliado ao trabalho preventivo do Proerd, a Polícia Militar atua ainda com ações do Ronda Escolar. As atividades são operacionalizadas por meio de rondas ostensivas e atendimento de ocorrências nas escolas e em áreas no entorno. Atualmente, a ronda escolar beneficia mais de 160 escolas de 12 polos atendidos na Região Metropolitana de São Luís.

De acordo com o tenente-coronel Jorge Araújo, comandante do Ronda Escolar, a medida é para garantir a segurança no ambiente escolar. “Trabalhamos em conjunto com a Secretaria de Educação. Nosso planejamento é embasado com as direções das escolas, uma vez que nos reunimos de forma periódica com os professores e escutamos todas as demandas”, lembrou o comandante do Ronda Escolar.

Ele lembrou, ainda, que a atuação do Ronda Escolar não se restringe as áreas no entorno das unidades escolares. “Estamos atuando não só no perímetro próximo a escola, mas patrulhamos, também, até as paradas de ônibus”, completou.

Além da presença constante de uma viatura do Ronda Escolar nas portas das escolas, principalmente nos horários de entrada e saída dos alunos, equipes dos Batalhões da área, como por exemplo, nos colégios do São Cristóvão e Cidade Operária, viaturas do 6º BPM realizam ponto-base nas portas das escolas. Já na área do Anil, o 9º BPM, também, reforçou as ações em conjunto com o Ronda Escolar nas proximidades das escolas Saragana II, Barcelar Portela, entre outras.

Paralelo às ações do Ronda Escolar, os Comandos de Policiamento de Área Metropolitano I, II e III (CPAM) tem deflagrado outras ações em pontos estratégicos que resultarão na redução das incidências criminais em áreas próximas as escolas. O mesmo planejamento vendo sendo executado nas escolas do eixo Itaqui- Bacanga. “Intensificamos as ações de repressão aos assaltos, furtos e para prender homicidas. Isso ajuda a impedir que estes criminosos cheguem às áreas próximas as escolas”, pontuou o coronel Egídio Amaral, comandante do CPAM III.

Reforço
Para as ações de repressão à criminalidade, com atenção também as áreas próximas às escolas, o Governo do Estado, em dezembro deste ano, vai aumentar o efetivo da Polícia Militar. A medida faz parte das medidas de recompor o efetivo do Sistema de Segurança Pública e trazer tranquilidade e segurança ao cidadão maranhense. Os novos soldados estão em fase de formação no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças da Polícia Militar (CFAP).

Além da recomposição do efetivo, o Governo do Estado, no mês de março, entregou cinco novas viaturas para o Ronda Escolar e para o Proerd. Há, ainda, projetos de compra de novas viaturas que irão ser destinadas para as cidades do interior e da região metropolitana, bem como atender outros projetos desenvolvidos pela Polícia Militar.

Prefeito Clodomir participa do lançamento do Programa Segundo Tempo na região metropolitana.

Cerimônia de Lançamento do Programa Segundo Tempo aconteceu nesta quarta-feira (21), às 16h, no Auditório do Centro Pedagógico Paulo Freire, Cidade Universitária da Universidade Federal do Maranhão (UFMA).

O programa beneficiará 15 mil crianças e adolescentes de 6 a 17 anos da educação básica de Escolas Públicas e em áreas de vulnerabilidade social dos quatro Municípios da Região Metropolitana de São Luís.

A iniciativa do Ministério do Esporte em parceria com o Governo do Estado e prefeituras, que juntos, acreditam no acesso ao esporte educacional como forma de inclusão social.


As atividades ocorrerão em 150 Núcleos Esportivos, dispostos em São Luís (101), São José de Ribamar (32); Raposa (06) e Paço do Lumiar (11).

Os núcleos são os espaços de esporte educacional que visam ocupar o tempo ocioso dos beneficiados e oferecem no turno contrário ao que o aluno vai a escola, atividades esportivas realizadas com a orientação de professores e acadêmicos.

Além disso, o programa beneficiará profissionais da área de educação física que foram selecionados para o processo. Cerca de 310 empregos serão proporcionados.

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Odebrecht estar levando o prefeito Josemar Sobreiro a atinge pior índice de rejeição em menos de 3 anos de gestão.


Hoje quando assistia está matéria da TV Cidade, a respeito da situação vivenciada pelos nossos munícipes, em relação ao abastecimento de água em Paço do Lumiar, fiquei novamente revoltado em ver que a situação ainda não mudou, e que a população mais carente vive sofrendo por conta dessa empresa Odebrecht Ambiental, que ainda não mostrou pra que veio.

É um absurdo as cobranças nas contas de água, mas absurdo ainda é ver que tanto a Câmara Municipal como o prefeito não tomam nenhum posicionamento firme diante desta imoralidade. 

Depois que a Odebrecht Ambiental chegou em Paço do Lumiar, a gestão do prefeito Josemar Sobreiro começou a atingir o pior índice em menos de 3 anos de governo. A insatisfação com a administração do tucano poderá ultrapassar os 100%, se alguma medida urgente não for tomada contra essa empresa. 

O prefeito Josemar Sobreiro começou a tornar-se muito impopular no momento que a Odebrecht começou a fazer as cobranças dos serviços prestados aos munícipes. Acredito que seria um gesto muito hábil e inteligente de sua parte se tomasse um medida para acabar com essas cobranças abusivas nas contas de água dos contribuintes.

Ou, melhor ainda, a opção mais adequada seria anular essas cobranças sem sentido e corrigir de acordo com a realidade de cada comunidade. Com certeza, seria aplaudido pelos seus eleitores.

O Prefeito perde, assim, uma ótima oportunidade para recuperar parcialmente sua simpatia e popularidade.

O povo já tá com as contas nas mãos. A maioria já se deu conta do prejuízo que terá em seu orçamento por conta dos serviços da Odebrecht Ambiental.

Mas Josemar Sobreiro que se cuide. 

A sua aprovação popular caiu muito devido à sua própria inabilidade política.

Sampaio, Paysandu e FMF são notificados para impedir diferenciação de preços de ingressos para torcida visitante.

Um dos jogos mais esperados pelos torcedores maranhenses rendeu dor de cabeça aos consumidores. Quem compareceu aos pontos de venda para garantir o ingresso do jogo Sampaio x Paysandu, que acontece, neste sábado (24), no Estádio Castelão, pela 32° rodada do Brasileirão série B, se deparou com uma variação de preço irregular.

O Procon-MA recebeu denúncias pelo aplicativo do órgão relatando a variação abusiva no preço de ingressos de setores equivalentes. Segundo reclamações, os torcedores do Sampaio puderam adquirir o ingresso pela metade do preço cobrado para a torcida visitante do Paysandu. Dessa forma, o órgão notificou os dois times e a Federação Maranhense de Futebol (FMF) para garantir que os consumidores tenham seus direitos assegurados.

Os notificados devem imediatamente suspender a diferenciação dos valores das torcidas para setores iguais ou equivalentes, além de devolverem os valores cobrados de forma indevida aos consumidores que foram prejudicados. As empresas também terão que prestar esclarecimentos no prazo de 10 dias, a partir do recebimento da notificação. Em caso de descumprimento, serão aplicadas sanções administrativas e cíveis cabíveis.

O presidente do Procon-MA, Duarte Júnior, explica que conforme o estatuto do torcedor, Lei Federal nº 10.761/2003, é direito do consumidor que os valores estampados nos ingressos destinados a um mesmo setor do estádio não sejam diferentes entre si, nem aqueles divulgados antes da partida pelo entidade responsável pelo jogo. “A prática também fere o artigo 39, incisos V e X, pois exige do consumidor vantagem manifestamente excessiva e elevação sem justa causa de preços de produtos e serviços”, destacou.

O órgão orienta que o consumidor que se sentir lesado, ao verificar o descumprimento da lei, a formalizar uma denúncia ao Procon, localizado na Rua do Egito, 207, Centro. A denúncia também pode ser feita pelo aplicativo do Procon, pelo Portal do Consumidor (www.procon.ma.gov.br), nos postos avançados ou pelas redes sociais (instragram: @proconmaranhao, twitter: @proconmaranhao e facebook: Procon Maranhão).

Governo do Estado e IPHAN inauguram obras do PAC das Cidades Históricas.

Governador Flávio Dino destacou a importância das obras para a preservação do Patrimônio Histórico Brasileiro
A execução de obras de infraestrutura social no Brasil resgata a política de preservação do conjunto urbano arquitetônico do país. Nesta quinta-feira (22) o governador Flávio Dino e a presidente nacional do Iphan, Jurema Machado, inauguraram dois prédios no Centro Histórico de São Luís, reformados através do Programa de Aceleração de Crescimento, o PAC- Cidades Históricas.

Os dois imóveis, localizados no Centro Histórico de São Luís, são tombados pelo Governo Federal e pelo Governo Estadual. Neles, funcionarão a nova sede da Fundação de Amparo à Pesquisa (Fapema) e o anexo do prédio do Curso de História da UEMA, com cursos de pós-graduação.

O governador Flávio Dino destacou a importância das obras e agradeceu à presidenta Dilma Rousseff e ao ministro Juca Ferreira (Cultura) por elegerem a preservação do Patrimônio Histórico Brasileiro como uma das vertentes de estruturação do PAC.

Daremos prosseguimento às parcerias com o Governo Federal e estamos prontos para novos empreendimentos, onde haja maior convergência de propósitos para que metas sejam cumpridas. O PAC das Cidades Históricas é o produto mais relevante do trabalho de preservação Patrimônio Histórico do Maranhão”, disse Dino. Em seguida, o governador vistoriou as obras da Casa do Tambor de Crioula.


Homenagem a Renato Archer
Na solenidade, o governador anunciou que a nova sede da Fundação de Amparo à Pesquisa e Desenvolvimento Científico do Maranhão (Fapema) homenageará o maranhense Renato Archer, pioneiro na defesa da soberania, qualidade cientifica e tecnológica no Brasil e no Maranhão.

Precursor da pesquisa científica no Brasil, Archer fincou a bandeira da esperança no Maranhão. Apesar de não ter recebido as devidas homenagens, agora celebraremos a memória de um combatente da liberdade, da democracia e pioneiro na defesa da soberania e da qualidade científica no país”, afirmou o governador.

Revitalização
Inscritos no PAC, os dois imóveis passaram por obras, como adaptações espaciais, requalificação arquitetônica, restauro, serviços de instalações elétricas prediais de climatização, instalações hidrossanitárias prediais, revisão da cobertura e drenagem pluvial, implantação e revisão do sistema de prevenção e combate a incêndio, adequação para a acessibilidade universal e pintura interna e externa.

Jurema Machado, presidente nacional do Iphan,considera a visão da presidente Dilma Rousseff ousada ao criar o PAC das Cidades Históricas
O prédio da Fapema sediará todas as atividades desenvolvidas pela Fundação de Pesquisa, enquanto o anexo do Curso de História terá salas específicas para reunião, sala de documentação e pesquisa, editora, salas de aula e demais espaços administrativos. Os dois imóveis que estavam em ruínas foram recuperados pelo valor aprovado pelo PAC de R$ 4 milhões e 800 mil reais.

Por este modelo de gestão, o IPHAN entra com os recursos para as obras e com todo o processo gerencial, enquanto o Executivo Estadual é responsável pelo pagamento da empresa Geosistemas que está concluindo os projetos de todas as 44 obras destinadas ao Maranhão. Esta parceria já possibilitou a entrega da fachada do prédio onde funcionava o antigo Hotel Ribamar, na Praça João Lisboa; a entrega da Praça da Alegria no centro da cidade e da Fábrica Santa Amélia, pertencente à Universidade Federal do Maranhão.

PAC Cidades Históricas
A presidente nacional do Iphan, Jurema Machado, destacou a visão e a tarefa ousada da presidente Dilma Rousseff ao criar o PAC das Cidades Históricas com o objetivo de valorizar o Patrimônio Histórico Nacional. “Temos a convicção de que estamos construindo um arranjo de possibilidades em áreas tombadas, com ações estruturantes nos Centros Históricos de todo o país e continuaremos a cumprir essa tarefa com muito empenho”, afirmou Jurema.

Participaram da solenidade de entrega dos novos prédios, o coordenador nacional do PAC – Cidades Históricas, Robson Almeida, os secretários estaduais, Bira do Pindaré (Ciência, Tecnologia e Inovação) e Felipe Camarão (Cultura), o reitor da UEMA, prof. Dr. Gustavo Pereira, o presidente da FAPEMA, Alex Oliveira e a superintendente do Iphan no Maranhão, Kátia Bogéa.

quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Fracassa tentativa de alinhamento do PC do B de Paço do Lumiar, com a pré - candidatura a prefeito de Domingos Dutra.

“Fiasco”. “Bateu na trave”. “Sem representatividade”. Foi assim que os próprios comunistas classificaram a reunião ocorrida na tarde deste sábado (17), em Paço do Lumiar, preparativa para a manifestação em prol da pré – candidatura a prefeito do ex – deputado Domingos Dutra ao PC do B.

O encontro ocorrido em uma escola no município, na região do Maiobão, mobilizou apenas os considerados “lambaris de valeta”, ou seja, ocupantes de cargos em comissão de baixo escalão.

Os principais expoentes do PC do B do município torceram o nariz à convocação do ex – deputado Domingos Dutra, que se esforçou para convocar a militância do partido em prol do seu projeto político rumo ao executivo municipal de Paço do Lumiar em 2016.

Para se ter uma ideia do fiasco da reunião do ex - deputado, nem compareceu o único vereador do partido, e muito menos militantes antigos da legenda que preferiram olhar o fiasco da reunião através das redes sócias, Domingos Dutra, publicou no Facebook e ainda teve a ousadia de dizer “Excelente reunião do PCdB de Paço: Vai dar certo! Avante”.

Na verdade, as principais lideranças do partido fogem do ex – deputado Domingos Dutra como o diabo foge da cruz. O candidato apoiado pelo secretário Márcio Jerry está mais em baixa que bunda de cobra.

O temor da cúpula estadual do PC do B é que o fiasco da reunião preparatória deste último sábado se repita na manifestação de apoio, qual Márcio Jerry está organizando para o ex – deputado na próxima semana em Paço Lumiar.

Servidores com 50 anos de serviço público são homenageados.

Governador Flávio Dino, ladeado pelo servidor José Monroe Buna e pela esposa deste, Maria das Graças Buna. À direita de José Buna, o secretário de Estado da Gestão e Previdência, Felipe Camarão. Foto: Karlos Geromy/Secom
Tenho saúde, disposição e o meu trabalho. Ter essas coisas deixa qualquer um orgulhoso”, disse o senhor José Monroe Buna, um dos servidores estaduais que completaram 50 anos de serviço público no Maranhão. Como forma de reconhecimento pelos anos de dedicação, o governador Flávio Dino os recebeu no Palácio dos Leões, nesta quinta-feira (22).

Morador do bairro Santa Bárbara, o senhor Buna começou a trabalhar desde os 16 anos, passando pelas secretarias estaduais de Agricultura, Administração, Escola de Agronomia e pelo Instituto Médico Legal, onde atualmente exerce o cargo de motorista. “Trabalhei ontem e aceitei o convite porque hoje estava de folga”, brincou.

Ações concretas, como a valorização salarial, a ampliação dos serviços de perícia para o interior do estado, o pagamento salarial em dia, a revitalização do Centro Social – Ipem e a implantação do Clube de Descontos do Servidor são algumas das ações que refletem a meta do Governo do Estado de priorizar o conforto, segurança e bem-estar dos mais de 112 mil servidores do Maranhão.

Ao longo de todo o ano trabalhamos em prol da valorização dos servidores e hoje vivemos um momento de conquistas em que buscamos, a cada dia, reconhecer a importância dos servidores para o estado do Maranhão”, disse Lílian Guimarães, secretária de Gestão e Previdência.

A partir de segunda-feira (26) todos os servidores estaduais poderão participar da programação em homenagem ao Dia do Servidor, com palestras, inauguração da reforma do ginásio do Centro Social dos Servidores, homenagem aos servidores por tempo de serviço e programação cultural na Casa das Dunas.

Esposa do pré - candidato a prefeito Domingos Dutra pode entrar em cena na disputa de uma vaga na Câmara Municipal de Paço do Lumiar.

Domingos Dutra nos bastidores articula candidatura da esposa para Câmara Municipal
Faltando pouco mais de sete meses para o fim do prazo de filiações para os agentes políticos que desejam disputar o pleito eleitoral do ano que vem, a movimentação política no município de Paço do Lumiar é intenso e nomes já pavimentam o caminho para disputar uma das cadeiras no legislativo luminense em 2016.

O pré - prefeito a prefeito de Paço do Lumiar, o mais novo comunista Domingos Dutra, apesar de negar que tenha intenção de colocar sua esposa Núbia Dutra como possível candidata a uma vaga no legislativo. Mas aliados, próximo ao ex – deputado desmente intenção do “Fute”, e revelam ao titular do blog que sua esposa é candidata a vereadora de qualquer jeito.

Sem alarde, nos bastidores seu projeto eleitoral, inclui sua esposa em umas das vagas na Câmara Municipal, o ex - deputado usa outros meios para não chamar atenção do seu projeto em família. Na tentativa de ‘amortecer’ a repercussão negativa da candidatura de sua esposa, Núbia Dutra. 

Apesar de não estar com o nome colocado em destaque no cenário político, Núbia Dutra tem cadeira cativa nas mesas de discussão de composições e articulação, devido justamente a seu poder de fogo junto ao eleitorado e não é peça do jogo para ser descartada. 

Neusilene Nubia Feitosa Dutra, foi candidata a prefeita em 2012 pelo PDT e obteve 5.184 votos (13,96%), sabe de suas chances reais de chegar a ocupar uma vaga na Câmara Municipal, por conta disso o ex – deputado saiu do Solidariedade e entregou a ela o comando da legenda.

Veja a certidão

MUNICIPAL - PAÇO DO LUMIAR / MA
SOLIDARIEDADE - 77
Comissão Provisória
Dados da Composição
Início da vigência:14/10/2015Fim da vigência indeterminado
CNPJ:
Vigente
Data da Constituição:    Anotado
Nº do Protocolo:430902015Data do Protocolo:16/10/2015Data da decisão/despacho:20/10/2015
Endereço:
Logradouro:AVENIDA 9 Q.71Complemento:
Bairro:MAIOBAO
CEP:65.130-000
Telefones:(98)3274-4082Celular:
Fax:
E-mail:solidariedademaranhao@gmail.comMunícipio:PAÇO DO LUMIAR
Site:  
Informações
Certidão da Composição
Membros ativos
Membros
 NomeCargoResp. Adm.Resp. Fin.InícioFimSituação
LAURA SOEIRO RODRIGUESSECRETÁRIO GERAL
-
-
14/10/2015ATIVO
MARIA ANTÔNIA DE OLIVEIRA SETUBALTESOUREIRO
-
14/10/2015ATIVO
NEUSILENE NÚBIA FEITOSA DUTRAPRESIDENTE
14/10/2015ATIVO
ANA ALICE COSTA LEALSECRETÁRIO - (A) MULHER
-
-
14/10/2015ATIVO
CRESCENCIO COSTA NETOSECRETÁRIO - DO MEIO AMBIENTE, DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E AGRICULTURA
-
-
14/10/2015ATIVO
JOSUÉ SILVA DE CARVALHOSECRETÁRIO - DO MOVIMENTO SINDICAL
-
-
14/10/2015ATIVO
MARIA DA CONCEIÇAO PEREIRA DA SILVASECRETÁRIO - DOS APOSENTADOS, PENSIONISTAS E IDOSOS
-
-
14/10/2015ATIVO
IVANA CRISTINA DE OLIVEIRA MENDESSECRETÁRIO - DOS JOVENS
-
-
14/10/2015ATIVO
JOÃO DOS SANTOS PIMENTASECRETÁRIO - DOS NEGROS, INDIOS E MOVIMENTOS SOCIAIS
-
-
14/10/2015ATIVO
HELENA DE MESQUITA COSTA1º - VICE-PRESIDENTE
-
-
14/10/2015ATIVO
CONCEIÇAO DE M,ARIA OLIVEIRA2º - VICE-PRESIDENTE
-
-
14/10/2015ATIVO
Quantidade de Membros: 11
Voltar para início