terça-feira, 29 de setembro de 2015

Polícia Militar realiza mais de 4 mil abordagens e retira dez armas de fogo de circulação.

Barreira policial aborda motoristas e veículos são revistados
As ações de combate ao crime continuam sendo executadas pela Polícia Militar. Diversas operações foram deflagradas, de forma simultânea, em toda a região metropolitana de São Luís, no último de fim de semana.

As ações objetivam coibir a ocorrência de práticas criminosas, como assaltos a ônibus, Vans, apreender armas e localizar foragidos da Justiça. Da noite da última sexta-feira (25) a manhã desta segunda-feira (28) foram realizadas 4486 abordagens a pessoas, motocicletas, estabelecimentos, ônibus, além de táxi e ainda ciclistas.

As incursões das equipes policiais resultaram na retirada de onze armas de fogo, o que evita, de acordo com o comandante geral da Polícia Militar, coronel Marco Antônio Alves, o registro de vários delitos, entre eles, os homicídios e os assaltos. “Durante o fim de semana nosso efetivo é sempre redobrado a fim de garantir que o maranhense possa ter tranquilidade e segurança. Estamos tomando uma série de medidas para reduzir cada vez mais os índices de violência em todo o estado. Assim, quando retiramos armas de circulação estamos evitando o registro de novas ocorrências. Afirmamos que quem comete crimes não terá espaço em nosso estado”, afirmou o coronel Alves.

Abordagens

Polícia Militar realiza abordagem em passageiros de ônibus em São Luis
No balanço do número de abordagens foram revistadas 3003 mil pessoas. Para diminuir os índices de assaltos ao transporte coletivo e ao roubo de veículos, a Polícia Militar realizou 1798 abordagens a ônibus, Van, motocicletas e táxi em toda a região metropolitana.

As abordagens fazem parte das operaçõesCatraca, Saturação e Comando Integrados, Panaquatira em Paz, Raposa Segura, Operação Viva em Paz, Praia Segura, Cerco Tático Integrado e nas barreiras policiais. As ações coordenadas pelos Comandos de Policiamento de Áreas Metropolitanas I, II e III (CPAM) e pelo Comando de Policiamento Especializado (CPE). Além da Polícia Militar, algumas operações contaram com a participação da Polícia Civil e Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT).

Dando apoio às operações, nos principais corredores e rotatórias da capital, viaturas e policiais militares permaneceram em posição estratégica para garantir a segurança e agir rapidamente em caso de necessidade no atendimento de ocorrências.

Trânsito

Presença da viatura da Polícia Militar nas principais rotatórias de São Luis
Já a Companhia de Polícia Militar Rodoviária Independente (CPRvInd), realizou blitzen com objetivo de garantir um trânsito seguro, além do trabalho de fiscalização e orientação, evitando assim acidentes e desrespeito às normas de trânsito.

Armas apreendidas

Armas apreendidas
As dez armas de fogo retiradas de circulação foram apreendidas em bairros da capital, São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar. Além das amas de fogo, doze facas, 32 petecas de crack e 117 trouxinhas de maconha também foram apreendidas. A primeira foi uma pistola 765. A arma estava em poder de Michel Souza Morais e foi localizada no bairro da Liberdade. Na ocasião foram apreendidas ainda treze munições calibre 380.

Já equipes do 6º BPM apreenderam uma espingarda calibre 12 de fabricação caseira com uma dupla que cometia assaltos a motoristas e pedestres na região da Forquilha.Um dos suspeitos era um adolescente de 17 anos. Uma motocicleta também foi recuperada em poder dos dois assaltantes. No bairro do J.Câmara, o 13º BPM apreendeu um revólver calibre 38.

No eixo Itaqui - Bacanga,viaturas do 1º BPM, ligadosao Comando de Policiamento Metropolitano de Área III (CPAM), logo após aBarragem do Bacanga, se posicionaram e policiais abordavam veículos, coletivos, motoristas e passageiros. Como resultado, nesta região, três das onze armas foram apreendidas. Em uma delas, o revólver calibre 32estava com um passageiro que foi flagrado durante uma revista em um ônibus.Nesta abordagem, além da arma foi apreendido duas facas. Três suspeitos foram identificados e levados presos ao Plantão da Vila Embratel.

O outro revólver foi apreendido em poder de Mauro Denis Silva, que foi detido por efetuar disparos em via pública.O batalhão de Choque (BpChoque), subordinado ao Comando de Policiamento Especializado (CPE), retirou de circulação um revólver calibre 12. A arma estava na residência de Antônio Régio Sousa, 22,após ele não atender uma ordem de parada da guarnição e ao fugir para dentro da residência apontou a arma na direção dos policiais militares.

Já o 8º BPM, durante a parada do Orgulho LGBT do Parque Vitória, realizada no último domingo (27)apreendeu uma arma fogo com um grupo de participantes. Um ciclista na Vila Isabel Cafeteira também foi pego com uma arma calibre 32.Na Cohab, a polícia recuperou uma pistola ponto 40 pertencente a PMMA.

Na zona rural, no bairro de Pedrinhas, o 21º BPM após incursõesna área, prendeu Sebastião de Jesus Dinis, 36, e Ronilson Serra Santos, 31 e apreendeu com a dupla um revólver calibre 38. “ Sebastião é ainda foragido da Justiça por ser o autor de um homicídio em outubro do ano passado”, explicou o coronel Egídio Amaral, comandante do CPAM III.

A operação em números:
  • - 4486 abordagens a pessoas, motocicletas, estabelecimentos, ônibus, além de táxi e ciclistas;
  • - Dez armas de fogo retiradas de circulação em três dias na região metropolitana;
  • - Mais 3 mil pessoas revistadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário