segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Governo promove 118 oficiais da Polícia Militar.

Vice-governador, Carlos Brandão, ao lado do secretário Jefferson Portela durante solenidade de promoção de 118 oficiais da Polícia Militar
Foram promovidos, nesta segunda-feira (31), 118 oficiais da Polícia Militar do Maranhão, em solenidade realizada, no Quartel do Comando Geral da PMMA, no Calhau, em São Luís. O vice-governador, Carlos Brandão, acompanhado do secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, prestigiou a solenidade que reuniu diversas autoridades, familiares e amigos dos promovidos. As promoções fazem parte das medidas adotadas pelo Governo do Estado para a valorização dos servidores públicos estaduais que compõem o Sistema de Segurança Pública.

O vice-governador, representando o governador Flávio Dino, destacou a sensibilidade do Governo do Estado, que por meio de Medida Provisória estabeleceu o acréscimo de cargos de policiais militares. “É o que tem tornado reais as promoções históricas realizadas ano longo deste ano. Flávio Dino tem investido na valorização, na modernização e no aumento do contingente policial para que contemple tanto as necessidades destes profissionais quanto as necessidades da população maranhense”, declarou Carlos Brandão.

O vice-governador também citou outras iniciativas já realizadas pelo governo Flávio Dino em prol da segurança pública e dos policiais militares, como a convocação de aprovados no concurso público, que estão em formação no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP), concluindo o curso de soldados; recomposição salarial dos quadros – de 23,8% a 88%, acumulada até 2018 -, e além disso a ampliação da assistência médica e social aos servidores da Polícia Militar.

Estas são provas concretas de que o Governo do Estado está empenhado não só em melhorar o fluxo de promoções dos profissionais militares, mas de investir em novos quadros, com a formação adequada. Quem ganha com isso é a nossa população”, complementou Carlos Brandão.

Do total de promoções, foram promovidos três oficiais a coronel, posto mais alto da corporação; a tenente-coronel (17), a Major (33), a Capitão (29), a 1º Tenente (12) e a 2º Tenente (23). Além desta ação, o governo tem desenvolvido ações que resultarão na modernização das forças policiais que integram o Sistema de Segurança Pública, como compra de novos equipamentos e melhorias na estrutura física dos órgãos.

O secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela destacou que as promoções representam o crescimento da instituição. “A ascensão funcional representa o avanço na carreira. Cada promoção não é um avanço individual e sim um avanço coletivo, no qual o que importa, de fato, é o engrandecimento da Polícia Militar, sendo assim, algo de alta relevância para o Estado. A partir de agora a instituição fica mais fortalecida, o que vai otimizar a prestação dos serviços de Segurança Pública”.

A experiência nos mostra que o bom policial é aquele que está sempre buscando conhecimento para bem desempenhar sua profissão. Que vive o dia-a-dia da instituição e que é policial 24 horas por dia. O trabalho no policiamento é orientando a comunidade, é dando o exemplo, é servindo de referência àqueles que lhe conhecem e estão ao seu redor. O bom policial é muito útil a sociedade e a promoção é exatamente o reconhecimento desse trabalho e assim cada promoção traz consigo o crescimento da instituição”, parabenizou o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Marco Antônio Alves.

Além destas promoções, o governador Flávio Dino realizou, em junho deste ano, a maior promoção da história da PMMA, na qual foram promovidos 1414 praças da corporação, pondo fim a uma espera de mais de 24 anos, proporcionando aos praças alcançar mais uma graduação na carreira militar.

Reconhecimento

Um dos promovidos ao posto de coronel, Marco Antônio Terra Schutz, lembrou da importância da promoção. “É um momento para agradecer a todos os policiais que contribuíram para a minha promoção. A responsabilidade aumenta e vamos nos dedicar cada vez mais para fortalecer a Polícia Militar e proteger as famílias maranhenses”, afirmou.

Estiveram presente ainda, o subcomandante geral da PMMA, coronel Raimundo Sá; os coronéis Pedro Ribeiro, Antônio Aquino, Frederico Pereira, comandantes do Comando de Policiamento de Área Metropolitano I e II e do Comando de Policiamento Especializado; além de outras autoridades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário