segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Audiência Pública discute Segurança Pública no município de Raposa.

A Câmara de Vereadores de Raposa (MA), realizou na manhã da última sexta-feira (07) , uma Audiência Pública para tratar de assuntos referentes a Segurança Pública do município. O evento aconteceu na sede da Casa, a pedido do Presidente do Legislativo, vereador Eudes Barros (PRTB) e contou com a presença do prefeito municipal Clodomir Oliveira dos Santos (PRTB).

Compareceram na audiência diversas autoridades como os vereadores Laurivam Uchôa (PC do B), Lídia Moraes (PMDB), Oliveira da Ducéu (PP), Enoque Lisboa (PP), Frank Neto (SD), Ivaldo do Cumbique (PRP), Pierre de Oliveira (PMDB), Valmir Araújo (PRTB), Zé Mário (PC do B) e Doutor (PV), O Tenente Cel. PM Alexandre – Comandante do 13º batalhão da Polícia Militar, O Coronel Vieira – Representante do Comando Geral da PM, Capitão Mota -Representante Companhia da PM de Raposa, os jornalistas Udes Filho ( O Quarto Poder), Clóvis Galvão ( Rede TV) e Walkir Marinho (Extra), além de representantes de diversos segmentos sociais e população em geral.

A audiência começou com o público expondo suas preocupações, medos e anseios no tocante à crescente onda de violência que tem causado prejuízos financeiros e psicológicos à população.

O Presidente da Câmara, vereador Eudes Barros , fazendo uso da palavra, agradeceu a presença do prefeito municipal Clodomir Oliveira, dos representantes da PM e população em geral e falou sobre a importância de debater o tema. “Essa é a hora de discutirmos e analisarmos o atual momento e, juntos, encontrarmos soluções adequadas para esta situação que estamos vivendo” frisou.

Ainda no uso da palavra, o parlamentar reforçou um pedido feito ao Comando Geral da PM, onde o mesmo já havia solicitado um aumento no efetivo policial local, como também o retorno do policiamento que outrora era feito no município por motocicletas, e que atualmente não ocorrem mais, tornando assim, mais ágeis as ações policiais, ora vista a dificuldade de viaturas adentrarem em algumas ruas ou localidades.

Esse é um pedido feito insistentemente por este vereador, pois é primordial que e tenha um suporte auxiliar e mais eficaz nos trabalhos realizados pela Militar, que atualmente superam suas próprias capacidades humanas, face as condições que lhe são oferecidas”, finalizou o Presidente da Câmara.

O Coronel Viera durante sua fala explanou sobre o tema em todas as suas vertentes: falou sobre a falta de estrutura que o estado possui hoje, apresentou pesquisas, dados e percentuais, referentes ao estado do Maranhão, e enfatizou a busca de medidas eficazes para controlar os índices de criminalidade, que vem aumentado assustadoramente no estado, e em Raposa não é diferente.

É fundamental se discutir a estrutura em todos os níveis quando falamos no ciclo de percepção criminal que se inicia com as ações proativas da comunidade, do Poder Público, da ação ostensiva da Polícia Militar, com a Polícia Judiciária e Civil e ação do Ministério Público”, afirmou o Coronel.

Coronel Vieira ainda falou sobre a importância de discutir o tema de forma ampla. “É importante falarmos da ação do Poder Judiciário para aplicação das penas no contexto da sociedade com as ações no sistema prisional. Se não pensarmos de forma ampla, se focarmos simplesmente na estrutura maior ou menor de polícia, muitas vezes não conseguimos ter a exata dimensão e as propostas de instrumentalização do sistema como um todo”.

De fato, a parceria entre a justiça, a polícia e o povo é fundamental para diminuir os efeitos da falta de segurança nas cidades. A família, principalmente, tem fundamental importância nas questões destacadas nessa audiência e nós, enquanto gestores, temos que nos unir com demais órgãos competentes para minimizar a violência em nossa cidade, sendo assim nos colamos a disposição do diálogo com a PM e auxiliar dentro das possibilidades, para que esta venha desempenhar bem suas atividades e proporcionar uma maior segurança a todos os raposenses e visitantes”, pontuou o prefeito municipal Clodomir Oliveira.

Demais parlamentares, como membros da sociedade civil também participaram e contribuíram com suas ideias e questionamentos no debate público.

Por fim, foi formada uma comissão composta pelos Vereadores Laurivam Uchoa , Pierre de Oliveira e membros da sociedade civil, para que possam discutir nos próximos dias, junto ao comando da PM medidas mais especificas, metas e ações eficazes e que tanto foram cobradas e questionadas pela população que compareceu na audiência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário