domingo, 3 de maio de 2015

Homicídios caem 22% em abril e apresentam menor índice desde março de 2013.

Os dados revelam, também, que abril de 2015 foi considerado o mês com o menor índice de homicídios desde março de 2013.

Dados do Centro Integrado de Operações de Segurança (CIOPS) mostram que houve redução significativa no registro de mortes na região metropolitana de São Luís. No último mês, o número de homicídios caiu 22% em relação ao mês de abril de 2014. Os dados revelam, também, que abril de 2015 foi considerado o mês com o menor índice de homicídios desde março de 2013.

No mês que se encerrou, aconteceram 54 homicídios, contra 69 em 2014. As mortes violentas, que são ocasionadas por roubo seguido de mortes, lesão corporal seguido de morte, intervenção policial, mortes em estabelecimentos penais e mortes a esclarecer, somam 17 mortes em 2015, contra 18 mortes em 2014. Na contabilidade geral, foram registradas 71 mortes de forma violenta em 2015, contra 87 mortes no ano de 2014.

Estamos avançando em relação à meta de redução de índices de violência e criminalidade porque conseguimos dar um funcionamento de modo integrado ao sistema de segurança. Essa redução denota uma mudança efetiva na política de segurança pública adotada pelo governo Flávio Dino. O policial vem se sentindo valorizado e apoiado, refletindo, de forma direta, nos resultados alcançados”, explica o secretário de Segurança, Jeferson Portela.

A redução dos índices de violência é fruto de ações estratégicas, com foco na eficiência do sistema de segurança pública. Entre as ações determinadas como prioridade pelo governador Flávio Dino para a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) está o combate ao tráfico de drogas, acompanhamento semanal das estatísticas de segurança e a intensificação das ações estratégicas.

Nos comparativos mensais deste ano, os homicídios estão em baixa há dois meses consecutivos na região metropolitana de São Luís. A meta para redução do índice tem surtido efeito depois de implantada uma política de combate à criminalidade em geral. Essa diminuição foi verificada no primeiro trimestre de 2015, em comparação com os mesmos meses do ano passado. Em 2014 foram registrados 233 homicídios; em 2015, este número caiu para 227.

O delegado titular da Delegacia de Homicídios, Jeffrey Furtado, mostra as razões para a redução dos homicídios nos últimos três meses. “Essa redução não é ocasional, é resultado de um trabalho preventivo e ostensivo, realizado pelas forças de segurança, onde o principal objetivo desta integração policial é a redução no índice de criminalidade”, destacou o delegado.

Mais Segurança

Também para fortalecer o sistema de Segurança Pública, o governador Flávio Dino determinou a convocação de mil candidatos aprovados na primeira fase do concurso público para soldado da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar. Uma das primeiras medidas anunciadas pelo governador Flávio Dino, a convocação tem o objetivo de ampliar o efetivo do Sistema de Segurança Pública do Estado, garantindo, assim, mais segurança à população.

Entre as medidas de valorização dos servidores da área de Segurança Pública, o governador Flávio Dino determinou a recomposição salarial de policiais militares, bombeiros, policiais civis e agentes penitenciários. A medida resultará em 17.553 membros das carreiras da Segurança Pública do Maranhão – categoria que durante décadas lutou contra a desvalorização e vencimentos defasados – com novos vencimentos a partir deste mês, com índices que, acumulados até 2018, variam de 23,8% a 88%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário