quinta-feira, 7 de maio de 2015

Estado firma convênio com Caixa Econômica para sorteio de vagas do programa ‘CNH Jovem’.

A CEF vai ficar responsável pelo sorteio dos nomes dos candidatos inscritos no Programa CNH Jovem.

Diretor do Detran, Antônio Nunes, durante assinatura do convênio com a Caixa Econômica Federal.
O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MA) e a Caixa Econômica Federal (CEF) assinaram, nesta quarta-feira (6), convênio para viabilizar o sorteio e toda a gestão financeira do ‘CNH Jovem’, programa estadual que permitirá aos jovens de escolas públicas tirar gratuitamente a carteira de motorista.

A CEF vai ficar responsável pelo sorteio dos nomes dos candidatos inscritos no Programa CNH Jovem, dentro das mil vagas direcionadas aos alunos que fizeram todo o ensino médio na escola pública. Os beneficiários serão selecionados pelo sistema da loteria federal.

O diretor geral do Detran-MA, Antônio Nunes, considera a presença da Caixa Econômica Federal, garantia de lisura no Programa CNH Jovem. “Nosso objetivo é seguir a política da moralização do governo Flávio Dino, trazendo transparência e lisura em todos os atos do Detran-MA”, afirmou Nunes.

Para o superintendente regional da Caixa, Hélio Duranti, o sorteio torna mais democrático o processo de seleção dos contemplados pelo programa ‘CHN Jovem’. “Faremos um processo legal e transparente, que será feito da mesma maneira e com os mesmos cuidados que temos ao realizar os sorteios da loteria”, destaca o superintendente.

Como gestora financeira do programa, a Caixa fará, além do sorteio, o pagamento das clínicas credenciadas e autoescolas que aderirem ao programa. Outro benefício proporcionado pelo convênio será o acesso a linhas especiais de crédito e produtos da Caixa pelos Centros de Formação de Condutores (CFCs), para que possam investir na melhoria da estrutura geral da autoescola, adquirir novos veículos e ter condições de atender a demanda do programa.


Para ter acesso à gratuidade da carteira de habilitação, os jovens precisam ter idade entre 18 e 21 anos e ter cursado as três últimas séries do ensino médio em escola pública. Pelo programa, 50% das vagas serão destinadas aos inscritos com melhores pontuações no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) realizado no ano anterior e as outras 50% serão distribuídas por sorteio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário