quarta-feira, 15 de abril de 2015

Governo apresenta potencialidades agrícolas e comerciais do Maranhão ao embaixador do Vietnã.

Secretariado do governo Flávio Dino apresenta potencialidades do Maranhão ao embaixador Nguyen Van Kien
Há uma semana no Maranhão com uma extensa agenda, o embaixador do Vietnã, Nguyen Van Kien, esteve na tarde desta terça-feira (14) com o secretariado do governo Flávio Dino para conhecer as potencialidades agrícolas e comerciais do Maranhão e ainda, firmar acordo de cooperação técnica entre as universidades vietnamitas e maranhenses para fortalecer os laços de negócios e promover o intercâmbio de conhecimento entre os estudantes estrangeiros.

Os principais pontos discutidos no encontro foram a instalação de um pólo de ciência e tecnologia que utilizará equipamentos importados do Vietnã, as facilidades nos trâmites de importação e exportação de produtos agrícolas e a troca de informações sobre o manejo de terras. Esteve no encontro o secretário de Agricultura e Pecuária (Sagrima), Márcio Honaiser; o representante da secretaria Pesca e Aquicultura, José de Ribamar Pereira; o pró-reitor de Extensão, Cultura e Assuntos da Comunidade, Professor Porfírio Candanedo; o secretário adjunto da Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia e Ensino Superior, Jhonatan Almada, e o secretário de Estado do Esporte e Lazer Márcio Jardim.

O embaixador Van Kien ressaltou o objetivo principal da vinda para o estado. “Estou aqui para fortalecer os laços de amizade e negócios entre Vietnã, Brasil e Maranhão e, como consequência, a criação de um grupo de trabalho para levantar as necessidades e prioridades do Maranhão para que o Vietnã possa iniciar a cooperação técnica e depois enviar um grupo de trabalho ao Vietnã. Só assim podemos começar os primeiros passos do acordo”, explicou Kien.

Com relação ao balanço da visita no estado, Van Kien considera sete dias pouco tempo para se inteirar de todas as potencialidades maranhenses e oportunidades de mercado que o Vietnã pode ter aqui. “Eu planejei minha viagem para uma semana, e o tempo não foi suficiente para sair com um levantamento preciso. Nestes dias que estive aqui, me reuni com governador, lideranças comerciais e vi um grande potencial do estado, queria poder ficar mais tempo”, finaliza o embaixador.

O pró-reitor de Extensão, Cultura e Assuntos da Comunidade, Professor Porfírio Candanedo, destacou a importância de intercâmbios entre estudantes maranhenses e vietnamitas. “A Uema apoia a troca de conhecimento e de culturas. A Universidade Estadual do Maranhão se faz presente em vários momentos, e a presença estrangeira nos mostra a importância da universidade participar destas discussões, por isso,temos um setor de internacionalização para consolidar a ida de estudantes para diversos países e vice-versa”.

Encontro com o governador

O governador Flávio Dino recebeu na tarde da última sexta-feira (10) a delegação do Vietnã, composta pelo embaixador Nguyen Van Kien, a embaixatriz Luong Le Hien, o ministro comercial PhamBaUong e o secretário do embaixador Le Tung Son. A recepção à comitiva foi para estreitar relações comerciais e apresentar as potencialidades do Maranhão.

O governador Flávio Dino ressaltou durante o encontro a importância da visita de Nguyen Van Kien como primeiro passo para a construção de uma agenda bilateral exitosa nas relações comerciais entre o Maranhão e o Vietnã.

O Vietnã faz parte de uma história de superação. O povo de lá tem muita força e vontade de vencer, assim como a nossa população maranhense. Temos o mesmo objetivo de crescer e superar as dificuldades econômicas. Esta visita é para estreitar relações e compartilhar experiências tecnológicas e comerciais. Os resultados nós teremos com o tempo, mas a vinda da delegação já significa uma importante abertura de diálogo”, afirmou o governador.

O embaixador Nguyen considera o Maranhão um estado rico e batalhador, e já planeja um breve retorno. “Gostei muito do que vi sobre as potencialidades comerciais do Maranhão, além do povo ser hospitaleiro. Faço um convite ao governador para que possa conhecer as particularidades do Vietnã”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário