segunda-feira, 30 de março de 2015

Vereador Alderico Campos tem novamente pedido de prisão decretado pelo Ministério Público.

O ex – presidente da Câmara Municipal de Paço do Lumiar, Alderico Jefferson Abreu da Silva Campos, vulgo “Alderico Campos” teve novamente o pedido de prisão decretado pelo Ministério Público. 

A denúncia foi protocolado no dia 16, deste mês e tratasse novamente de processo de Improbidade Administrativa e outro Criminal, referente a Crimes da Lei de Licitações. Três dias antes, o Ministério Público já havia solicitando em um outro processo, que a Justiça condenasse o vereador à suspensão de seus direitos políticos por oito anos, ressarcimento ao erário público, à proibição de contratar, por cinco anos, e à pena de detenção, em período que pode variar entre dois a quatro anos (clique aqui)

Além do ex-presidente da Câmara, também foram denunciados a ex-presidente da Comissão Permanente de Licitação (CPL) do Município Neidiane Pinto da Cruz, a empresa NORCOP – Nordeste Construção e Projetos LTDA, e o empresário José Ribamar Coelho Bastos. 

O Ministério Público, por meio do promotora de Justiça, a Gabriela Brandão, titular da 1ª Promotoria de Justiça de Paço do Lumiar, encaminhou as denúncias à Justiça contra o ex-presidente Alderico Campos, alegando irregularidades no contrato firmado com a empresa NORCOP durante sua gestão à frente do poder legislativo. 

Na Integra os processos


3 comentários:

  1. E O POVO CONTINUA VOTANDO EM POLÍTICOS COM ESSA ÍNDOLE, PAÇO DO LUMIAR NÃO TEM JEITO MESMO. O POVO TEM O GOVERNO QUE MERECE

    ResponderExcluir
  2. Espero que tenha o mesmo destino do ex - vereador Zé Gomes, 11 anos na cheirosa.

    ResponderExcluir
  3. Blogueiro esse tal de Alderico vive aqui em nossa cidade Raposa, seria bom você vim aqui fazer umas matérias. O povo comenta que ele estava responsável pelo combustível da prefeitura.

    ResponderExcluir