terça-feira, 24 de março de 2015

Prefeita Nem aí- Parte II: Mais confusão na Raposa.

Quais os laços que prendem Thalita Laci com os irmãos metralha?

Por Wallace Braga - Maranhão de Verdade com adaptações. 

Thalita Laci, Fred Campos e Alderico Campos
Informações dão conta que as coisas andam de mal a pior lá pelas bandas da Raposa. Depois de anunciar aos quatro cantos que a Prefeitura estava honrando com seus compromissos e pagando os funcionários, eis que a verdade vem à tona. Vamos aos fatos.

Desde a última sexta-feira (20), a prefeita mimada Talita Laci autorizou o pagamento (de alguns) funcionários do município do qual administra (?), mas acontece que um grande número de servidores ainda não teve seus proventos depositados, e por essa razão, estão numa reclamação só e indo diretamente à sede da Prefeitura e Promotoria para denunciar o descaso que está acontecendo. Cadê a “humildade” da prefeita, que anda descalça pelas ruas da Raposa? Cadê o bom senso, a compaixão da gestora que, apesar de diferenças políticas, sabe que todos ali são trabalhadores e necessitam receber seus salários?

O que será que está acontecendo? Será que ela está escolhendo no famoso “mamãe mandou” (no caso dela, é o papai), pra saber quem ela manda pagar e quem vai ficar liso o resto do mês? É isso mesmo? E o que falar da falta de medicamentos nos postos de saúde, de materiais básicos, que continuam a castigar a população? Sem falar no troca-troca de secretários, coordenadores, diretores e afins. A confusão está tão grande que não se sabe mais quem é quem na história atual da Raposa.

Um verdadeiro Deus nos acuda. E o que falar também da visitinha que o ultra-mega-power enrolado vereador de Paço do Lumiar, Alderico Campos (conhecido também como irmãos metralha), fez à sua amiguinha prefeita, acompanhado de vários advogados, cada um com uma mochila maior do que a outra? É, como diz o Dr Pêta, Mistério…

Nenhum comentário:

Postar um comentário