quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

“Os grupos de base tem um papel de referência de luta e de expressão da juventude”, diz Tatiana Pereira.

Em reunião com Pastoral da Juventude, futura titular da pasta aposta no diálogo para implantar políticas públicas que atendam as demandas do jovem.

Dialogar com os grupos juvenis, respeitar a diversidade da juventude e buscar parcerias para promover políticas públicas para o jovem do Estado foram metas tratadas como prioritárias por Tatiana Pereira durante reunião com membros da Pastoral da Juventude (PJ) na tarde desta terça-feira (02). Escolhida por Flávio Dino para comandar a Secretaria de Juventude, Tatiana Pereira aposta no diálogo como sustentáculo da secretaria que tem como desafio mudar a realidade do jovem maranhense.

“A Pastoral da Juventude tem um acúmulo muito grande em relação às demandas da juventude”, disse a futura secretária ao explicar porque decidiu abrir o canal de diálogo com a entidade. “Por isso estamos aqui abrindo o diálogo para juntos encontrarmos o caminho a seguir”, concluiu.

Bem acolhida pelos membros da Pastoral da Juventude, Tatiana Pereira foi alvo de elogios por sua representatividade nos movimentos sociais e disposição para construir uma nova realidade para a juventude por meio do diálogo e das parcerias. “É muito bom ver representando a juventude do Maranhão alguém que verdadeiramente tem a cara da juventude”, elogiou Jhonatan Alves, secretário arquidiocesano da Pastoral da Juventude.

O padre Gino Rossi que preside o Instituto de Formação Juvenil do Maranhão (IFJMA) e exerce o cargo de assessor religioso da Pastoral da Juventude também aprovou a indicação de Tatiana Pereira para a pasta. “A juventude se identifica com o nome escolhido. Agora esperamos que as políticas públicas cheguem e que os jovens tenham acesso a oportunidades”, avaliou.

A futura titular da pasta elegeu como premissas a articulação de ideias e o respeito à diversidade para iniciar o trabalho na secretaria. Para ela, o enfrentamento da realidade em que hoje se encontra o jovem perpassa pela construção coletiva e pelas parcerias. “É fundamental trabalhar a política pública universalizada em parceria com outras pastas da estrutura governamental e buscando parcerias também com o governo federal”, concluiu a futura secretária.

Nenhum comentário:

Postar um comentário