segunda-feira, 9 de junho de 2014

Em Imperatriz, pastores de 157 igrejas da Assembleia de Deus recebem Flávio Dino.

Pastor lembrou apoio de Flávio, quando presidente da Embratur, à ação da Assembleia de Deus que se realiza durante a Copa.
 


O coordenador do Diálogos pelo Maranhão e pré-candidato a governador do estado, Flávio Dino (PCdoB), participou de uma reunião neste sábado (7) com pastores e esposas de 157 igrejas da Assembleia de Deus de Imperatriz. Acompanhado do prefeito e vice-prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira (PSDB) e Pastor Porto (PPS), eles conversaram sobre a esperança de um Maranhão mais justo para todos. Recebido pelo pastor Raul Cavalcante, presidente da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Imperatriz, Dino foi lembrado pelo apoio que deu ao projeto de evangelização AD na Copa, quando era presidente da Embratur.

“Nós precisamos olhar para adiante para mudar o Maranhão. A nossa batalha, a nossa luta é exatamente para transformar o nosso estado. Precisamos fazer que o Maranhão melhore seus indicadores sociais. Hoje, metade da população maranhense não tem água em casa, metade da população não sabe o que é um banheiro. Como se pode fazer política de saúde sem saneamento?”, questionou Flávio Dino.

Ele reforçou a necessidade de investir na educação como caminho para tirar o Maranhão do atraso. Dino falou da grande conquista para Imperatriz a instalação do curso de Medicina com 40 vagas; entretanto, com apenas cinco maranhenses aprovados. “O curso é daqui, o dinheiro é do Maranhão, mas os alunos não são maranhenses. Isso porque o ensino médio não tem qualidade. Essas injustiças todas são marcadas pela política, por isso é preciso mudar a forma de governar o estado”, afirmou.

Pastor Posto destacou a competência de Flávio Dino, o conhecimento dele acerca da realidade social do estado e de sua fé em dias melhores para o Maranhão. “Eu conheço a formação cristã católica de Flávio. A fé de alguém deve ser medida também pelas obras, assim é o princípio da Bíblia. E sei que Flávio Dino fará um governo com dignidade, princípios, valores e trabalho para ajudar a melhorar o nosso estado”, disse.

O trabalho de Flávio Dino como incentivador do projeto evangélico AD na Copa foi lembrado pelo secretário de Missões da Assembleia de Deus, o pastor Francisco Ramos da Paz. “O projeto será realizado em todas as cidades sede da Copa. O que me chamou muita atenção foi o empenho dele para que o projeto AD na Copa fosse uma realidade”, disse. Os voluntários vão desenvolver iniciativas voltadas para a conscientização ao combate da exploração sexual, pedofilia, uso de drogas.

MADEIRA DEFENDE FLÁVIO DE ATAQUES

 
Prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira reforçou o histórico de Flávio, como juiz federal, presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil e deputado federal. “É uma pessoa de enorme capacidade e juntos com todos nós vai mudar a realidade do nosso estado. Esse Maranhão de terra fértil, de chuva, que tem tudo, mas não avança”, analisou.

Madeira criticou também os ataques contra Flávio ao invés de concentrar a discussão no desenvolvimento do estado. “Como os outros não tem o que dizer do Maranhão, porque já tiveram todas as chances do mundo de fazer algo pelo estado, é mais fácil discutir outras coisas. Quem faz o que Flávio tem feito é porque tem muita fé, muita coragem. Eles ficam inventando coisa, ao invés de discutir a realidade do nosso estado. Por que não falam da realidade das escolas de ensino médio? Por que não discutem os motivos do Maranhão ter mais gente carente?”, questionou.

ORAÇÃO POR UM MARANHÃO MAIS JUSTO

Flávio Dino também foi recebido pelo pastor Domingos Eduardo durante o XXI Aniversário da Igreja – Sede e XXXII Confraternização de Obreiros do Campo de Imperatriz. Reunindo lideranças evangélicas de 60 cidades, Flávio Dino, ao lado de Rosângela Curado, liderança política da Região Tocantina, reforçou seu compromisso com o Maranhão. O pastor Domingos Eduardo, dirigiu a Flávio Dino a citação bíblica que diz “O Deus do céu é quem nos fará prosperar”. Em oração, pediu pelo Maranhão e a realização do sonho de um estado mais justo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário