quinta-feira, 15 de maio de 2014

Em Direito de Resposta, Flávio Dino afirma que denunciou ao STF agressões de adversário.

A rádio Mirante AM divulgou na tarde desta quarta (14) o Direito de Resposta concedido ao pré-candidato a Governador, Flávio Dino (PCdoB), que foi recentemente atacado em entrevista veiculada pela emissora na semana passada – quando Edson Lobão Filho (pré-candidato a governador pelo PMDB) chegou a oferecer R$ 20 mil a quem apresentasse denúncias contra Flávio Dino.

Em pronunciamento encaminhado à emissora, Flávio Dino afirmou que vem sendo alvo de boatos e ataques sem provas pelo pré-candidato apoiado pela família por “jogada política” e que não vai aceitar “baixar o nível da campanha por interesses eleitoreiros”. No pronunciamento, o pré-candidato do PCdoB afirmou que o que interessa ao eleitor é o debate de ideias para superar os problemas do Maranhão.

Dino falou ainda que não aceitará agressões contra si e contra sua família e anunciou que deu entrada em ação no Supremo Tribunal Federal por calúnia e injúria cometidas por Lobão Filho, que disparou acusações sem provas contra Flávio Dino.

“Sempre estive ao lado da Lei, tenho ficha limpa, e muito me orgulho disso. Sou um cidadão que sempre pagou seus impostos e cumpriu suas obrigações. Sou casado, sou pai de três filhos. Meu pai e minha mãe nunca me deram nada da mão beijada, emprego, dinheiro, nada. Me deram educação e valores, e foi com eles que eu conquistei minha carreira de professor, de juiz, e de parlamentar,” disse Flávio Dino – e completou: “Eu amo a minha família e ela me ama, e eu não vou deixar que ninguém faça mal a ela por ambição política”.

Veja na íntegra o pronunciamento de Flávio Dino que foi ao ar na Rádio Mirante AM nesta tarde:

DIREITO DE RESPOSTA

Meus amigos e minhas amigas. Aqui quem fala é Flávio Dino.

Estou aqui para conversar com você, ouvinte da rádio Mirante, porque, na semana passada, infelizmente, fui atacado neste mesmo espaço pelo pré-candidato do grupo Sarney ao governo, com ofensas pessoais e calúnias contra mim e à minha família.

Exatamente por isso, determinei a meus advogados abrir processo no Supremo Tribunal Federal por calúnia e injúria. Conhecemos a lei, e sabemos que a verdade está ao meu lado. Ninguém pode, independente de quanto dinheiro tenha, dizer inverdades sobre alguém impunemente. O tempo em que algumas pessoas, pelo seu sobrenome, podiam fazer qualquer coisa, como se fossem acima da lei, está chegando no fim.

Eu tenho vinte anos de uma vida pública limpa, exercendo vários cargos. Fui Juiz Federal e sempre combati o crime organizado, a injustiça e defendi os Direitos Humanos. No Judiciário, ajudei a criar a norma contra o nepotismo nos governos, combatendo privilégios ilegais e imorais. Fui também Deputado Federal eleito pelo povo do Maranhão e ajudei a criar muitas leis. Leis boas, leis justas, entre as quais destaco a Lei da Ficha Limpa. Fui escolhido pela Presidenta Dilma Rousseff para presidir a Embratur durante o governo dela e trabalhei muito para que nosso país pudesse ser conhecido no mundo todo e mais turistas pudessem trazer dinheiro para o Brasil, gerando mais de 1 milhão de empregos por intermédio do turismo internacional.

Nesse tempo todo, não existe nada contra mim. Nenhuma ação na Jjustiça, nenhuma acusação séria. Nada. Rigorosamente nada, porque eu sempre agi com responsabilidade e respeitando as leis do meu país. Sempre estive ao lado da Constituição, tenho ficha limpa, e muito me orgulho disso. Sou um cidadão que sempre pagou seus impostos e cumpriu suas obrigações.

Sou casado, sou pai de três filhos. Meu pai e minha mãe nunca me deram nada da mão beijada, emprego, dinheiro, nada. Me deram educação e valores, e foi com eles que eu conquistei minha carreira de professor, de juiz, e de parlamentar. Eu amo a minha família e ela me ama, e eu não vou deixar que ninguém faça mal a ela por ambição política.

Esses ataques que venho sofrendo sem provas, com boatos, tem uma explicação verdadeira: são jogadas políticas. Essas pessoas querem se manter no poder a qualquer custo. E como sabem que a maioria do povo quer a mudança, inventam mentiras para tentar enganar as pessoas. Infelizmente, esse jogo baixo vai continuar até outubro.

Mas eu, Flávio Dino, não vou descer a esse nível, ao nível dos nossos adversários. Eu acredito numa política diferente, moderna, transformadora. Não vamos entrar em bate boca e acusações. O que nós queremos combater são os problemas do Maranhão. É isso que interessa a você, e esse é o nosso compromisso: melhorar a vida de todas as famílias do Maranhão.


Muito obrigado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário