sábado, 10 de maio de 2014

Defesa Civil recomenda reforma na Caixa Econômica do Maiobão.

Agência apresenta uma série de problemas que podem colocar em risco a segurança de bancários, clientes e usuários. 

Após denúncias do SEEB-MA, a Defesa Civil realizou uma vistoria na Caixa Econômica do Maiobão, em Paço do Lumiar. Segundo o órgão, a agência precisa de uma reforma imediata, pois apresenta uma série de problemas que podem colocar em risco a segurança de bancários, clientes e usuários.

“Tendo em vista [...] o desgaste [do prédio], os detalhes de salubridade, a segurança dos funcionários e usuários, entendo que a edificação precisa [de uma] reforma e posterior plano de manutenção regular. [...] É de bom alvitre que as providências sejam tomadas de imediato.” - atestou o laudo técnico.

Dentre as irregularidades apontadas no parecer, destacam-se: infiltrações nas paredes e laje, telhado velho e desgastado, risco de curto-circuito, água fluindo pelas luminárias, além de condições limitadas para acesso ao prédio e espaço físico reduzido para atendimento ao público. 


A Defesa Civil constatou ainda a insalubridade do local. Para se ter uma ideia, a área de serviço (banheiros, sala de telefonista e copa), além de pequena, apresenta odor de mofo, o sistema de incêndio deixa a desejar e as instalações hidráulicas e sanitárias carecem de revisão.

“Deixa muito a desejar o serviço de manutenção predial com deficiências, tanto de ordem operacional como por desgaste, que causam uma péssima impressão ao ambiente.” - relatou o estudo.

Diante do parecer técnico, o SEEB-MA cobra providências da Caixa Econômica a fim de restabelecer as condições adequadas de trabalho e de atendimento ao público. Caso contrário, a agência pode ser paralisada por tempo indeterminado.


Confira o laudo

3 comentários:

  1. Essa reforma só vai acontecer quando o prédio desabar na cabeça dos clientes, mas é bom deixar registrado aqui o alerta por parte da Defesa Civil, Sindicato dos Bancários e você Rilton Silva. Parabéns pelo excelente trabalho.

    ResponderExcluir
  2. Quase todo dia estou nessa agência, as condições do prédio é precário, já deveria ter interditado a unidade. Colocar em risco vida de milhares de pessoas que frequentam o local é muito ariscado

    ResponderExcluir
  3. O importante é que o registro da situação do prédio foi feito, eu espero que providencias no sentido de sanar a problemática seja tomado, pra que amanhã não venham dizer que não avisaram.

    ResponderExcluir