sexta-feira, 11 de abril de 2014

Audiência discute o impacto ambiental em Paço do Lumiar.

Poluição por resíduos sólidos e crescimento imobiliário são alguns dos indicadores da degradação ambiental na região.
 
O Impacto Ambiental no município de Paço do Lumiar provocado pelo crescimento imobiliário e poluição por resíduos sólidos, foi tema de Audiência Pública promovida nesta quinta-feira (10), pelo Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (COMSEA). O evento provocou uma ampla discussão entre poder público e sociedade civil acerca da temática.

Participaram dos debates, as Secretarias Municipais de Desenvolvimento Social, Infraestrutura, Agricultura Pesca e Abastecimento e da Fazenda. Representantes de comunidades agrícolas e ameaçadas de despejo, e o legislativo municipal, através dos vereadores Leonardo Bruno Rodrigues e Wellington Sousa.

Foram apresentados dois subtemas, focados no Plano Municipal de Resíduos Sólidos e suas disposições sobre o destino final do lixo, nascente das águas, manguezais e agricultura familiar; empreendimentos imobiliários em Paço do Lumiar e suas consequências, como a extinção da zona rural e os prejuízos ao meio ambiente, e ainda, a receita e despesas no município, licenciamento e replanejamento para construir.

De acordo com a secretária de Agricultura, Rosany Aranha, a maioria dos impactos é registrada na zona rural do município, com a construção de empreendimentos imobiliários próximos às áreas de produção agrícola. “Uma série de crimes estão sendo registrados nas comunidades, como: o desmatamento de palmeiras de juçara, destruição de mananciais, esgotamento de água doce”, destacou.

“Paço do Lumiar é um dos municípios maranhenses que mais cresceu nos últimos dez anos, mas vem deixando um rastro de degradação ambiental visível aos olhos da sociedade”, como afirma a secretária de Desenvolvimento Social, Ivone Oliveira, que chama a atenção para um trabalho compartilhado entre os entes federados, para que sejam traçadas metas e encontrar soluções socioeducativas e de preservação do meio ambiente de Paço do Lumiar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário