segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Eleições 2014: Pesquisa Data M mostra Flávio Dino disparado com 55,3% e Luis Fernando com 13,7%.

A TV Cidade divulgou, na noite desta segunda-feira (3), nova pesquisa para o governo do Maranhão. De acordo com a consulta realizada pelo Instituto Data M, o presidente da Embratur Flávio Dino (PCdoB) segue na liderança das intenções de voto com 55,3%, seguido por Luis Fernando Silva (PMDB, secretário de Infraestrutura do Estado), que obteve 13,7% das intenções. A deputada Eliziane Gama (PPS) ficou na terceira posição, registrando 6,9%. Os que declaram não votar em Nenhum dos candidatos somaram 7,7% e os que não souberam responder NS/NR representaram 16,4% dos entrevistados.

A aferição, realizada entre os dias 28 e 31 de janeiro de 2013, mostra que Dino tem 41,6 pontos percentuais à frente de Luis Fernando, candidato do grupo Sarney.

Na pesquisa espontânea, Flávio Dino fica na frente, obtendo 29,1%, Luís Fernando 5,1%, Roseana Sarney 2% e Eliziane Gama 1,3%.

Quando o cenário é somente entre os dois candidatos melhores colocados, Flávio Dino desponta com 58,3%, contra 15,5% de Luis Fernando. A diferença é de 42,8 pontos percentuais.

Ou seja, Flávio Dino tem 41,6 pontos de vantagem sobre Luis Fernando no cenário com Eliziane. Sem ela, a diferença sobe para 42,8 pontos.

A pesquisa foi realizada em 58 cidades de todas as regiões do Maranhão. O Data M ouviu 1.500 pessoas. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Senado

Para o Senado, Roberto Rocha surge na frente com 25,2% das intenções de votos. A governadora Roseana Sarney (PMDB), bastante desgastada perante a opinião pública, vem logo em seguida, alcançando 20,7%. Colado na governadora, aparece o deputado federal Domingos Dutra (SDD), com 20%.

Confira o gráfico abaixo como ficou a composição da pesquisa:



Se a eleição fosse somente entre Flavio Dino e Luis Fernando, os números são os seguintes:



A pesquisa foi registrada no dia 29/01/2014 pelo Sistema DESQELE do TSE sob protocolo MA-00003/2014.

Por Jonh Cutrim/blog

Nenhum comentário:

Postar um comentário