sábado, 29 de dezembro de 2012

Apae de Paço do Lumiar dá o 1º passo para sua reativação.


Nesta última quinta-feira (27) foi realizada a primeira reunião da nova Comissão/Direção provisória da APAE DE PAÇO DO LUMIAR. Nesta reunião, foi dado o 1º passo para que a mesma volte a sua atividade normal. Quem toma a frente na Presidência Provisória é o suplente de vereador Miguel Angelo e Vice-Presidente Sebastião., que são homens de muita atenção nas causas sociais do município. Ele (Miguel) recebeu um convite do Presidente da Federação das APAES DO MARANHÃO, senhor Jerônimo Cavalcante. Embora muitos não saibam, existe uma APAE EM PAÇO DO LUMIAR.


O que aconteceu?! A Diretoria passada negligenciou a sua função, ou seja, prevaricou. No ano de 2009 foi fundada a Apae no município. Na gestão de Bia Venâncio. Não citaremos nomes de quem fez parte dessa Diretoria. O que se pode dizer é que houve uma Assembleia Geral que DESTITUIU os mesmos e desde então, pelo fatodo município ter se “afogado” num mar de descaso, houve essa mesmo reflexo na APAE do Paço do Lumiar pela sua Diretoria passada.

Porém, com o grande espírito de liderança e filantropia, Miguel Angelo decidiu “correr atrás” e ver como se daria tal processo. Já possui uma Comissão/Direção provisória por aclamação, já que a mesma não possui ainda um quadro de associados. Nesta reunião estavam reunidos pedagogos, advogados, professores, coordenadores, empresários e pessoas interessadas em ajudar na causa. A principal missão é resgatar as crianças desassistidas pela sociedade. A eleição - de fato - ocorrerá no dia 19 de Janeiro de 2013.

Para mais informações entre em contato com o Miguel Angelo (98) 8725-5218.

A Associação de Pais  e Amigos dos Excepcionais (APAE) é uma associação em que, além de pais e amigos dos excepcionais, toda a comunidade se une para prevenir e tratar a deficiência e promover o bem estar e desenvolvimento da pessoa com deficiência. As APAEs tem como principal missão prestar serviços de assistência social no que se diz respeito a melhoria da qualidade de vida da pessoa portadora de deficiência, conscientizando cada vez mais a sociedade.


Promover e articular ações de defesa dos direitos das pessoas com deficiência e representar o movimento perante os organismos nacionais e internacionais, para a melhoria da qualidade dos serviços prestados pelas Apaes, na perspectiva da inclusão social de seus usuários.

“Não devemos contentar-nos em falar do amor para com o próximo, mas praticá-lo.” Albert Schweitzer

Fonte: Folha do Maranhão

Um comentário:

  1. esse pilantra ja enganou o meu tio em uma sociedade que fizeram em um consultorio dentario aqui no maiobão, depois ele foi ser dirigente de uma instituição, tambem aqui no maiobão e foi escurraçado por atos de desonestidades. e agora esta pousando de bom moço so pra roubar os portadores destas sindromes. cuidado ele e igual (SECA PIMENTEIRA), onde ele passa, vira cinza.

    ResponderExcluir