sexta-feira, 31 de agosto de 2012

PROFESSOR JOSEMAR E MARCONI LOPES INTENSIFICAM CAMPANHA E REALIZAM CAMINHADAS EM BAIRROS DE PAÇO DO LUMIAR

Em cada comunidade por onde a caravana 22 passa é recebida com muito carinho. No maiobão a caminhada ganhou a adesão de moradores, jovens e crianças que são atraídos pela simplicidade do candidato.

Multidão prestigia caminhada do professor Josemar e Marconi Lopes.

Desde a semana passada que o candidato a prefeito de Paço do Lumiar pela coligação “Um novo Paço para todos”, Professor Josemar (PR) e seu vice Marconi Lopes (PSL) vem intensificando o ritmo de campanha com reuniões, visitas e caminhadas em vários bairros do município em busca de votos. “Em cada comunidade que visitamos temos divulgado o plano de governo que pretendemos colocar em prática durante nosso mandato, em janeiro de 2013”, enfatizou o candidato Professor Josemar.

O maior grupo politico de Paço do Lumiar é 22.
Já o candidato a vice - prefeito Marconi Lopes enfatizou “Nossa campanha é simples e singela, mas é de propostas. Nessas caminhadas temos aprendido muito, principalmente o respeito”. Em cada comunidade por onde a caravana 22 passa é recebida com muito carinho. No Maiobão a caminhada ganhou a adesão de moradores, jovens e crianças que são atraídos pela simplicidade dos candidatos.


Sistema de Saúde de Paço do Lumiar entra em alerta vermelho.

A crise no sistema de saúde que Paço do Lumiar enfrenta hoje, ativou o alerta vermelho e fez com que o administrador da Policlínica do Maiobão suspendesse todos os atendimentos do SUS por tempo indeterminado.

Segundo a Diretória da Policlínica, os serviços só serão restabelecidos após a Secretaria de Saúde do município regularizar o pagamento do mês de maio, que seria feito até dia 10/08/2012. Sendo que até a presente data não foi efetuado o pagamento, o acordo do repasse foi negociado pelo atual secretario de saúde o Srº Nivaldo de Jesus Machado .

Em entrevista coma nossa equipe de redação o senhor Rafael, Administrador da Policlínica, assegura que a situação exige medidas imediatas que permitam uma mudança profunda nas estruturas do desastre do governo Bia Aroso.

Veja o vídeo com a entrevista:


Serviços oferecidos pela Policlínica que estão suspensos:

EXAMES:
Ultrassonografia
Patologia clínica
Radiologia
Consultas especializadas:
Pediatria
Ginecologia
Clínico Geral
Cirurgião geral
Ortopedia

Candidato de Bia Aroso, Almeida poderá desistir da disputa em Paço do Lumiar

Bia Aroso e seu candidato laranja Almeida.

Sem recursos suficientes para bancar a campanha e com baixo desempenho nas pesquisas  que o apontam em 4º lugar na preferência do eleitorado Luminense,  o  candidato a prefeito de Paço do Lumiar pela coligação “Juntos por um Novo Paço”, Escolástico Almeida (PSDB), teria confessado a amigos que poderá deixar a disputa pela prefeitura do município a qualquer momento.

O candidato não estaria muito satisfeito com seu grupo político que não vem lhe dando o apoio esperado. A maioria dos candidatos a vereador da coligação não estaria pedindo votos para ele nem colocando seu nome  nas pinturas feitas em muros e até mesmo em santinhos e cartazes.

Mas o que teria deixado Almeida mais desanimado na disputa, segundo uma fonte revelou ao Blog, foi a conversa que ele teve com Tiago Aroso na tarde de terça-feira (28), no Comitê Central  de campanha, na avenida 13, no Maiobão.

Ao cobrar maior empenho de Tiago em sua candidatura e a liberação de recursos para pagar despesas mínimas de campanha, Almeida teria ouvido um sonoro não. “Eu não vou botar dinheiro fora. Você não vai chegar a lugar nenhum”, não passa de 3% nas pesquisas, teria dito Tiago a Almeida.

Com índice de rejeição em torno de 16%, ninguém do grupo acredita em vitória nestas eleições. Várias lideranças que antes apoiavam Almeida, declararam apoio a  seu principal adversário, Professor Josemar, que lidera as pesquisas com 45% das intenções de voto no município e amplas chances de vencer as eleições deste ano.

Segundo uma candidata a vereadora que prefere não se identificar, é dado como certo o apoio de Almeida à candidatura de Gilberto Aroso. “È a única saída dele no momento. Ele não tem chance de se eleger e não tem o apoio do grupo.”, disse a candidata.

Por Carlos Cesar/blog

GILBERTO AROSO O MITO NO DESVIO DO DINHEIRO PÚBLICO (PARTE II)

Nossa equipe vem acompanhando a longa saga de processos judiciais (ao todo 41), pelos quais o Sr. Gilberto AROSO vem sendo acusado em diversas matérias, principalmente por atos de improbidade administrativa no decorrer de sua gestão frente à prefeitura de Paço do Lumiar. Como já dizia o grande Jurisconsulto brasileiro, Ruy Barbosa: FORA DA LEI NÃO HÁ SALVAÇÃO ! ; Nesse âmbito não poderíamos deixar de lado o estudo de tal figura, que mais uma vez está na cena político de Paço do Lumiar, com a intenção de novamente “administrar” nossa prefeitura: que é bem público e não de interesse particular!

No esclarecimento ao nosso leitor, que prima pelo combate à corrupção, explanaremos sobre o Processo n° 155/2007 de Ação Civil Pública feita pelo Ministério Público Estadual, por meio de sua representante legal: Dra. Gabriela Brandão da Costa Tavernard e tendo como réu Gilberto Silva da Cunha Santos Aroso, acusado por improbidade administrativa pela prática de conduta prevista no art. 10, inc. VIII da Lei nº 8.429/92. Consta nos autos que durante seu mandato, Gilberto Aroso, ao urbanizar a Av. 10 do Conjunto Maiobão, com a construção de praça, playground e 02 quiosques, teria escolhido, sem processo licitatório, pessoas para trabalharem nas lanchonetes dos quiosques; tendo como beneficiários: O Sr.José Ribamar Frazão Jansen, Maria do Carmo Souza de Oliveira, Marlene Rodrigues, Francisco de Assis Lopes Oliveira e Marinaldo de Jesus Silva, que declararam que,  trabalhavam anteriormente na Av. 06 do Conjunto Maiobão e daí haviam sido retirados pela Prefeitura, quando da construção de uma praça no local, com a promessa de que trabalhariam nos quiosques que seriam construídos na Av. 10, do mesmo conjunto, o que efetivamente ocorreu com a entrega dos quiosques em fevereiro de 2006. Estes mesmos beneficiários informaram ter assinado um documento fornecido pela Prefeitura Municipal, autorizando-os a trabalhar em um dos quiosques da Av. 10 pelo prazo de 02 anos. 

Quiosque da avenida 10 do maiobão. 
Ocorre querido Leitor, que a administração pública deve ser feita dentro da Lei, de maneira proba e com responsabilidade; sendo correto no caso citado a abertura de processo licitatório para concessão na forma da Lei; e nenhuma das pessoas que prestaram esclarecimentos participaram de qualquer processo licitatório promovido pelo município. O benefício de particulares, sem concessão em licitação, caracteriza ato de improbidade administrativa.
Segundo O Tribunal de Justiça do Maranhão:

“Documentos, dentre eles, o termo de autorização de uso de bem público concedido pelo Município de Paço do Lumiar a Naldirene de Jesus Melo Silva; comprovam autorização ilícita, com uso de bem público para beneficiamento de particulares”.

A defesa de Gilberto Aroso, alega ser improcedente a ação civil pública, sobretudo porque não estão demonstrados o prejuízo ao erário e o dolo na conduta do agente. Declarou que as pessoas que ocupam os quiosques da Av. 10 eram realmente as que trabalhavam na Av. 06 e no canteiro central da Av. 05, que foram removidas para a realização de obras. Alegou, por fim, a impossibilidade de aplicação de multa civil, que não haveria provas de que o réu acresceu valores ao seu patrimônio em decorrência dos supostos atos de improbidade, bem como da proibição de contratar com o Poder Público. Pediu, ao final, a extinção/rejeição do processo sem análise do mérito, devido à não configuração de ato de improbidade. O Ministério Público replicou, ratificando os termos da inicial e pugnando pelo julgamento antecipado da lide.  Designada a data de 29.09.2011 para a audiência de instrução e julgamento.

É preciso conhecer nossos candidatos e entender que a política do atraso, do famoso jeitinho brasileiro, das decisões atropeladas e sem responsabilidade deve ser repudiada pelo eleitor; a ficha dos candidatos é essencial, e caracteriza a personalidade de cada um. Gilberto Aroso se utiliza da forma mais precária que existe, para utilizar-se do bem público, como se fosse seu; e para um candidato de formação e “família Tradicional” fica até feio negar o que é fato; na intenção de ludibriar os eleitores e cidadãos em geral; que já não são pouco esclarecidos, como antigamente. 

No mérito, a Lei de Improbidade Administrativa, existente desde 1992, veio com o propósito de criar mecanismos e sanções para o agente público e até mesmo para terceiros que pratiquem atos de improbidade contra ente da administração pública de qualquer dos Poderes, a fim de moralizar e conter o caminho perigoso da corrupção, tão alastrado nesse país.

Ademais, no ato administrativo em que o demandado autorizou a utilização dos quiosques consta cláusula que impõe aos beneficiários a obrigação de arcar com as despesas de manutenção das instalações e pagamento das contas de fornecimento de água e energia elétrica dos estabelecimentos, não restando efetivo ou mensurável prejuízo ao erário. De fato, é possível que tenha ocorrido dano ao erário com a cessão gratuita dos bens públicos a particulares, contudo, não há como se estabelecer o quantum deste prejuízo, pressuposto para a condenação no ressarcimento dos cofres públicos. O próprio demandado não negou a expedição dos atos, alegando, entretanto, a ausência de dolo.

Gilberto Aroso demonstra com essas práticas ilícitas que é adepto de uma política arcaica de beneficiamento, com utilização de sua autoridade na época, para concessão ilícita à particulares com fins de contrato. Assim fica fácil saber que estes atos tem um caráter puramente eleitoreiro, tendo em vista a ligação de interesses entre as partes. E trata-se de improbidade por ferir a constituição Federal e estar de acordo com a Lei de Improbidade administrativa.  Mais uma vez, temos demonstração do esteriótipo da família AROSO, onde de fato, não interessam os meios utilizados; o importante é atingir os objetivos do grupo, sem qualquer consideração ao bem público. 

Gilberto agiu desacobertado pelo manto da legalidade administrativa, não se justificando a não realização da licitação pelo fato da necessidade de beneficiar pessoas retiradas de uma outra localidade evitando-se possíveis atritos decorrentes de procedimentos de despejos, o que, via de consequência, fere o princípio da impessoalidade. Por tudo isto, Gilberto Silva da Cunha Santos Aroso  pode ser condenado pelo ato de improbidade administrativa previsto no art. 11, inc. I da Lei º 8.429/92, incindindo assim nas sanções do art. 12, inc. III da mesma lei.

O próprio processo esclarece que Gilberto Aroso responde a várias ações civis públicas, inclusive por ato de improbidade administrativa, já tendo inclusive sido condenado por improbidade administrativa na primeira comarca de Paço do Lumiar, respondendo ainda por ação penal nesta Comarca, as quais lhe imputam a prática de diversos atos que violam o interesse público e que atentam contra os princípios da administração pública, do que resultam sérios indícios de que não se conduziu de forma proba durante o exercício de seu mandato.  Baseado em tudo que foi exposto, a 1ª Comarca de paço do Lumiar, aplica a seguinte sentença:

“A 1ª Comarca de paço do Lumiar, através de sua representante legal, Drª Jaqueline Reis Caracas- Juíza da 1ª Vara; e diante de tais considerações, aplica ao réu Gilberto Silva da Cunha Santos Aroso as sanções de: a) suspensão dos direitos políticos pelo prazo de 03 anos; b) pagamento de multa civil de 10 vezes o valor da remuneração percebida por ele ao tempo da propositura da demanda (janeiro de 2007), acrescida de correção monetária pelo INPC do IBGE e juros de 1% ao mês, a incidirem desde janeiro de 2007, que será revertida em prol do Município de Paço do Lumiar; c) proibição de contratar com o Poder Público, por qualquer de seus entes federados, incluindo a administração direta e indireta, ou receber benefícios e incentivos fiscais e creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica do qual seja sócio majoritário, pelo prazo de 03 anos”.
                 Paço do Lumiar, 25 de novembro de 2011

Quiosque da avenida 10 do maiobão. 
Que fique bem claro, que o bem público, como o próprio nome sugere, é do povo, e portanto a população deve estar sempre vigilante em sua defesa contra os abutres políticos que se afastam da lei para governar para si mesmos. Até a próxima pérola de GILBERTO AROSO.

Fonte: Combate a Corrupção Eleitoral/blog

Criança estuprada em Paço do Lumiar morre na UTI do Materno Infantil

Fim trágico para a menina que estava internada há 15 dias na UTI do Materno Infantil sob suspeita de ter sofrido abuso sexual no município de Paço do Lumiar.

A garota foi internada em estado grave na Unidade de Pronto Atendimento UPA, no Araçagi, mas foi transferida para UTI do Hospital Materno Infantil. Pois apresentava várias lesões, inclusive na região anal. Além disso, ela tinha sinais de esganadura e estupro.

O crime ocorreu no povoado Vila Rosinha, no município Paço do Lumiar. Os procedimentos para identificar a autoria do abuso já foram iniciados pela Delegacia de Proteção da Criança e do Adolescente (DPCA), e a delegada Igliana de Freitas está colhendo depoimento de todos os familiares e pessoas que frequentavam a casa da vítima, mas ainda não houve indícios do autor do crime.

O Disque-Denúncia lançou recompensa de R$ 1.000 por informações que ajudassem a esclarecer o delito. Qualquer informação deve ser repassada ao Disque-Denúncia [3223-5800 – capital e 0300-313-5800 – interior], não é necessário se identificar e o serviço funciona 24 horas.

Integrante da Quadrilha de Paço do Lumiar disputa a prefeitura de Anajatuba


Blog do Caio Hostilio em 16/06/2011 registrou:

Eduardo Castelo Branco tem uma grande ligação com um lobista de nome Gláucio, homem que tem ligações fortes nos poderes constituídos. Toda a turma, após a vitória de Bia Venâncio na Justiça, foi festejar na fazenda de Eduardo Castelo Branco no Povoado de São Pedro, em Anajatuba. A churrascada foi até a madrugada. A prefeita adorou a comemoração em sua terra natal!!!

De acordo com o informante, a estratégia de Bia Venâncio e Eduardo Castelo Branco é disputar a Prefeitura de Anajatuba, nas eleições de 2012, tendo como candidato Eduardo Castelo Branco, que já alardeia ter R$ 2 milhões para disputar a Prefeitura e que poderá ganhar ainda do Estado mais R$ 10 milhões de um processo que gerou contra o governo pela matança dos seus búfalos, que estavam destruindo todos os açudes, que serviam para regar as plantações, matar a sede do gado, além do criatório de peixe. Os agricultores não querem nem falar dele em Anajatuba.

O informante disse, ainda, que Eduardo Castelo Branco e seu amigo Gláucio (lobista) trabalham nos dois lados do balcão, ou seja, paga as empresas de sua propriedade (em nome de terceiros) pelos serviços e materiais fornecidos a Prefeitura de Paço de Lumiar.

Como podemos ver, Anajatuba está na mira dos mandatários de Paço de Lumiar!!!

Estão querendo transformar ANAJATUBA em uma PAÇO DO LUMIAR atual. Por que digo isto?

Pela simples razão de que o candidato EDUARDO CASTELO BRANCO foi Secretário de Planejamento e gestão de PAÇO DO LUMIAR.

Seu planejamento e sua gestão levaram Paço do Lumiar à lama dos descasos e à prática de corrupção.

Em 04.07.2011 José Eduardo Castelo Branco como secretário, assinou contrato no valor de R$ 1.528.279,49com Construtora Luna Ltda.

Veja extrato do contrato:

EXTRATO DO CONTRATO.  CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 002/2011. PARTES: Prefeitura Municipal de Paço do Lumiar-MA e a Empresa Construtora Luna Ltda. OBJETO DO CONTRATO: Construção da Praça da Juventude no Município de Paço do Lumiar - MA. DATA DA ASSINATURA: 30 de junho de 2011. DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA:

13.02.13.391.0138.1.082.4.4.90.51. BASE LEGAL: Lei Federal nº 8.666/93 e alterações posteriores. VALOR GLOBAL: R$ 1.528.279,49 (um milhão, quinhentos e vinte e oito mil, duzentos e setenta e nove reais e quarenta e nove centavos). PRAZO DE VALIDADE DO CONTRATO: 210 (duzentos e dez) dias. ASSINATURAS: Pelo Contratante.José Eduardo Castelo Branco de Oliveira - Secretário Municipal de Orçamento  e Gestão; Cinéas de Castro Santos Filho - Secretário Municipal de Infraestrutura, Serviços Urbanos e Meio Ambiente. Pelo Contratado. Kleverson Furtado Luna Xavier - Sócio. Paço do Lumiar - MA, 04 de julho de 2011. Publique-se. JOSÉ EDUARDO CASTELO BRANCO DE OLIVEIRA - Secretário Municipal de Orçamento e Gestão. 

Ocorre que o contratado consta como pessoa condenada pela justiça de Pernambuco a cumprir 6 anos de prisão em regime fechado por tráfico, veja: 

HABEAS CORPUS Nº 193.272 - PE (2010/0229245-3)
RELATORA : MINISTRA MARIA THEREZA DE ASSIS MOURA
IMPETRANTE : MARCOS ALESSANDRO COUTINHO PASSOS E OUTRO
IMPETRADO : TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE PERNAMBUCO
PACIENTE : KLEVERSON FURTADO LUNA XAVIER (PRESO)
ADVOGADO : JOÃO DE CARVALHO LEITE NETO E OUTRO(S)

Trata-se de habeas corpus, com pedido liminar, impetrado em favor de KLEVERSON FURTADO LUNA XAVIER, apontando como autoridade coatora a Terceira Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco (Apelação Criminal nº 0097242-3).

Consta dos autos que o paciente foi condenado à pena de 6 (seis) anos de reclusão, em regime fechado, pela prática do delito tipificado no art. 12 da Lei nº 6.368/76, vedado o recurso em liberdade.

No entanto, nos autos do HC nº 36.292/PE, a Sexta Turma desta Corte concedeu ao paciente o direito de permanecer em liberdade até o julgamento da apelação. O acórdão foi assim sumariado:

Sentença condenatória. Apelação (recolhimento à prisão/liberdade). Antecedentes (maus/bons).

1. O juiz, observando os antecedentes, há, na sentença, de reputá-los, claramente, maus quando nega ao réu o direito de apelar em liberdade.

2. As circunstâncias relativas aos antecedentes são diferentes daquelas referentes à conduta social.

3. Ao réu -reconhecido primário e não reputado como de maus antecedentes -que foi posto em liberdade e assim permaneceu durante toda a instrução criminal, comparecendo a todos os atos desta, assiste o direito de permanecer em liberdade enquanto aguarda o julgamento de sua apelação.

4. Ordem de habeas corpus concedida.

Julgado o recurso de apelação, ao qual o Tribunal a quo negou provimento, foi determinada a expedição de mandado de prisão em desfavor do paciente, in verbis (fl. 627):

Tendo em vista que ao réu foi concedido o benefício de apelar em liberdade, como determinado pelo Superior Tribunal de Justiça às fls. 505, e em face à imperiosa necessidade de que o crime não fique impune, expeça-se mandado de prisão em desfavor de Kleverson Furtado Luna Xavier.

A defesa opôs embargos de declaração ao argumento de que seria inegável o direito do paciente de responder o processo em liberdade até o seu trânsito em julgado. Os embargos foram improvidos.

Bia Venâncio deixou Paço do Lumiar no caos junto com Eduardo Castelo Branco.

Ela desistiu de se candidatar em Paço do Lumiar e investe agora no parceiro Eduardo Castelo Branco para ter suas práticas em outro reduto.

A turma de Anajatuba estava em Paço do Lumiar, foi uma desgraça. Agora estão levando a turma de Paço do Lumiar para Anajatuba, o resultado já se sabe.

- Prefeita – Bia Aroso, é de Anajatuba
- Secretário de Planejamento e gestão – José Eduardo Castelo Branco Oliveira, é de Anajatuba
 - Secretária de Agricultura e Abastecimento – Ademir Duarte Cruz, é de Anajatuba.
- Secretária de Educação, é de Anajatuba
- Secretária Adjunta de Educação, filha de José Eduardo Castelo Branco Oliveira, é de Anajatuba.

COITADA DE ANAJATUBA!

Por Edgar Ribeiro/blog

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Perigo para motoristas de Paço do Lumiar.

área sendo murada, interfere na visão de motoristas que passam pelo local

Quase todo tipo de gente passa por esse local, desde o mais simples dos mortais aos homens considerados "não comuns". Vereadores, deputados, prefeitos, secretários, promotores de justiça e até mesmo senadores, porque não.

Há muito quem faça nos bastidores, comentários sobre a utilização dessa área, localizada na bifurcação de quem parte do município de Raposa para Paço do Lumiar ou São Luís.
Área está sendo murada, impede visão de motoristas de todos os lados

Observe as fotos, e ao que se sabe, por esse local, passam membros do Ministério Público que trabalham na Promotoria de Justiça de Paço do Lumiar, assim como também passam vereadores do município de Paço do Lumiar. Pessoas que são pagas para dentre outras coisas, trabalharem em defesa dos interesses da coletividade.

Por Chagas Freitas/blog

Mistério: Esposa de candidato a prefeito em Paço do Lumiar pede ajuda


Foi por acaso, que o blogueiro Chagas Freitas estava ouvindo um programa evangélico produzido pela Igreja Universal pela rádio FM 105,5 na manhã do dia 21 de agosto de 2012. E quando entrou no ar, uma mulher chorando, em clima de desespero, pedindo ajuda.

Aquela mulher se identificou como sendo do município de Paço do Lumiar e que era esposa de uma homem público, candidato a prefeito do município de Paço do Lumiar. Ela falou que apesar das duras palavras que rolava, e o fato de ele ter dito que ela não era de confiança...ela afirmou no ar que ele era um homem bom e que tinha alguns amigos pastores; ela pedia ajuda, [...]

Paço do Lumiar: ONG Conjunto Maiobão e a inclusão social pela Música


O projeto Abrindo Fronteiras com a Música é desenvolvido pela ONG Conjunto Maiobão, e beneficia diretamente 130 adolescentes e jovens entre 14 e 20 anos, além de alcançar indiretamente 350 pessoas, entre familiares e moradores da região atendida.

A associação Conjunto Maiobão foi fundada em 1985 através da iniciativa de moradores da cidade de Paço do Lumiar, no Maranhão, que resolveram se mobilizar contra a exclusão social da região.

As ações da ONG são voltadas para a estruturação familiar, com foco em crianças e adolescentes, oferecendo educação básica, capacitação para o mercado de trabalho e conscientização em relação à cidadania.

Há ainda ações que promovem o lazer, integração social, atividades esportivas, palestras educativas e de convivência.

O projeto Abrindo Fronteiras com a Música é um complemento às atividades desenvolvidas pelo Maiobão, e recebeu reconhecimento do programa Criança Esperança, que doou, em 2011, verba para que o projeto fosse ampliado.

Em 2012, a instituição é novamente uma das beneficiadas pelo programa da Unesco, e a verba agora será destinada para o pagamento de instrutores e de bolsas auxílio no valor de R$ 60,00 para os alunos, além de servir para a compra de material, como instrumentos musicais, cadernos, lápis, canetas, borrachas, etc.

Apesar de não possuir um endereço próprio na internet, é possível saber mais sobre a ONG e seu projeto clicando aqui  ou aqui.

Veja o vídeo:

Disque Denúncia paga R$ 1.000 por informações de estuprador em Paço do Lumiar


O Disque Denúncia Maranhão lança recompensa no valor de R$ 1.000 por informações que levem a solucionar o caso de uma criança de 5 anos que foi violentada sexualmente. A menor encontra-se internada e sofreu várias lesões, além de afundamento do crânio e três costelas quebradas.

O crime ocorreu no povoado Vila Rosinha, no município Paço do Lumiar. Os procedimentos para identificar a autoria do abuso já foram iniciados pela DPCA (Delegacia de Proteção da Criança e do Adolescente), e a Delegada Igliana de Freitas está colhendo depoimento de todos os familiares e pessoas que frequentavam a casa da vítima, mas ainda não houve indícios do autor do crime.

O Disque Denúncia funciona 24 horas, e o anonimato é garantido. Ajude a polícia a elucidar esse crime, ligue [3223 5800 - capital e 0300 313 5800 - interior].

Fonte: O Imparcial

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Gilberto Aroso (PMDB) é candidato com maior rejeição em Paço do Lumiar.


Gilberto Aroso o candidato com maior rejeição na cidade.
O candidato a prefeito em Paço do Lumiar, Gilberto Aroso (PMDB), é o que tem o maior índice de rejeição dos eleitores entre os cinco candidatos a prefeito do município, de acordo com pesquisa do Instituto ESCULTEC, em parceria com o Sistema Mirante de Comunicação.

O ex-prefeito não seria votado de jeito nenhum por 33,3% dos eleitores entrevistados na pesquisa. A segunda rejeição é do candidato da prefeita Bia Aroso, Almeida (PSDB), com 16,3%. Nubia Dutra (PDT) tem 10% e a menor rejeição é do candidato do Partido da Republica professor Josemar com 8%, já que o Wendel Moraes (sem partido), não é candidato, porém foi citado na pesquisa. 

Candidatos e sua rejeição
O levantamento foi realizado de 22 a 24 de agosto no município, e mostra o que todos já sabiam a liderança disparada do professor Josemar (PR) e do seu vice Marconi Lopes (PSL).

O total de indecisos e os que disseram não votar em nenhum dos candidatos somam 27%, a margem de erro é de 5 pontos percentuais, para mais ou para menos. Foram entrevistados 300 eleitores em Paço do Lumiar e o levantamento tem o registro no Tribunal Regional Eleitoral sob o número de protocolo MA-114/2012.

Candidato a vereador Marinho (PP), faz mega carreata em Paço do Lumiar

Marinho arrasta uma multidão pelas ruas do maiobão.


O candidato a vereador pelo Partido Progressista (PP), Marinho do Paço com o registro de candidatura 11.000 realizou neste domingo (26) uma mega carreata que entra para a história do município. Segundo a organização, foram registrados 292 carros e cerca de 350 motos.

A carreata saiu do Paranã e percorreu todo conjunto Maiobão e bairros adjacentes. Seguido por uma grande multidão de eleitores, simpatizantes do candidato a vereador Marinho.

Após a carreata percorrer as principais avenidas de nossa cidade, uma grande concentração foi formada em frente ao segundo comitê de Marinho que fica localizado na estrada do Sitio Grande. Simpatizantes políticos, em euforia, com bandeiras em punho e gritos, manifestaram apoio ao candidato.

O candidato Marinho se pronunciou, agradecendo as manifestações de apoio à sua candidatura e disse ter certeza de que sairá vitorioso nas eleições. “Aqui, cada um de vocês estão dando o testemunho do que nós já sabíamos desde o momento que lançamos o nosso nome para concorrer a uma vaga no legislativo municipal luminense.

A Mega Carreata de Marinho deixou muitos adversários preocupadíssimos, e olha que essa carreata foi apenas de um dos candidatos a vereadores do grupo de Josemar e Marconi Lopes. 


Veja o vídeo da Mega Carreata:

Moreira (PV) e sua vice Daniela Bacelar (PMN) realizam carreata da vitória em Raposa.



RAPOSA - Uma grande carreata aconteceu na tarde deste sábado (25) na cidade de Raposa. A carreata foi comandada pelo candidato a prefeito Moreira (PV) e sua candidata a vice-prefeita Daniela Bacelar (PMN).

Daniela Bacelar, Moreira, Sarney Filho e Adriano Sarney na carreata da vitoria em Raposa.

Uma carreata sem fim.
A mobilização marcou o pontapé inicial da campanha de Moreira. “Eu já participei de muitas mobilizações políticas em Raposa, mas essa foi a maior carreata de início de campanha que eu já vi”, disse Moreira.
Uma multidão saiu as ruas da cidade para prestigia o verdadeiro filho da terra Moreira 43.

Moreira se emocionou com a receptividade da população com a sua campanha.
Já a candidata à vice-prefeita, Daniela Bacelar, disse que ficou até emocionada por ter sido recepcionado nos bairros de raposa de forma tão carinhosa. “Isso aumenta ainda mais a nossa responsabilidade e nos dá ainda mais determinação para vencer as eleições e fazer um grande governo ao lado de Moreira”, completou a candidata à vice.

A carreta que marcou o início da campanha de Moreira saiu da sede do PV que fica localizado no centro da cidade, e percorreu alguns bairros do município.

Moreira 43, um legitimo filho de Raposa. 

Em seu discurso Moreira disse: só tenho a agradecer à população de Raposa em dar esta demonstração de carinho e confiança na nossa vitória.

Veja o vídeo da carreata da vitoria de Moreira 43.

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Pesquisas eleitorais em Paço do Lumiar tem para todos os gostos e bolsos.


Com a proximidade das eleições os institutos de pesquisas começam a acelerar suas atuações. As solicitações de vários segmentos (partidos políticos, sociedade civil, empresas, veículos de comunicação, etc) pelos índices de indicação de voto.

No Brasil os institutos de pesquisas são muito questionados por vários motivos, dentre eles o de não traduzir com proximidade a realidade das ruas. Muitos afirmam que esses institutos servem para favorecer uns em detrimento de outros. Que são comprados e acabam por distorcer o processo eleitoral, indicado o voto em algumas candidaturas.

No caso da disputa da Prefeitura de Paço do Lumiar, as pesquisas começam a chegar aos montes e indicam cenários diferentes. No caso do nosso município a única certeza e que de fato é a realidade é a liderança com folga do candidato do PR – Partido da Republica, Josemar Sobreiro.

Nesta última semana a ESCULTEC realizou várias pesquisas sobre sucessões municipais no Maranhão, contratada sempre pelo Sistema Mirante de Comunicação. Porém a ESCULTEC tem colocado alguns resultados estranhos, causando revolta em várias cidades do estado.

Em Balsas, um deputado da região informou ao blogueiro Luis Cardoso  no final da primeira quinzena deste mês, que Luis Rocha Filho (PSB), o Rochinha, levava vantagens sobre o candidato adversário, Dr. Erik (PRB), nas  pesquisas internas realizadas pelo seu grupo. Até o prefeito Chico Coêlho andava preocupado. Andava.

O instituto Escutec lhe deu a tranquilidade que precisava. Dr. Erik apareceu com 44,5% e Rochinha com apenas 32,6%, uma diferença de mais de 10%. Assessores da campanha querem que seja feita uma passeata em manifestação de protesto.   

No Município de Barrerinhas, o prefeito Albérico Filho, que não faz uma gestão agradável do ponto de vista popular, dizia a amigos que a disputa com Léo Costa, ex-prefeito, estava polarizada. E chegou a pedir mais ajuda do Palácio dos Leões, além daquela conhecida do deputado Marcos Caldas.

E não é que Ferreira aparece agora no Escutec com 45% contra 28% de Costa. Um milagre que irritou os eleitores da cidade turística. Envenenou até alguns parentes do prefeito que dizem que a consulta foi manipulada. Ou seja: passaram nos povoados onde Albérico tem obras.

O caso mais absurdo ainda esta por vir, de acordo com a nossa fonte a ESCULTEC, tem um pesquisa prontinha para ser lançada no qual colocar o seu Gilberto Aroso em crescimento com o eleitorado de Paço do Lumiar, por essa ninguém esperava.

Até o dia da eleição dezenas de pesquisas deverão ser realizadas em nosso município e apontarão inúmeros cenários. No Maranhão têm pesquisas eleitorais para todos os gostos e bolsos. Escolha a sua.

Acidente grave deixa um morto e dois feridos na Estrada de Ribamar

Um grave acidente de trânsito na Estrada de Ribamar deixou um morto e duas pessoas gravemente feridas na madrugada deste domingo.

Um Fiesta conduzido por Luis do Espirito Santos Filho foi tocado lateralmente por uma caminhonete Hilux que tentou desviar de um motociclista.


Os três seguiam no sentido Maiobão-Forquilha. O fiesta levou a pior. Capotou e foi parar próximo do posto de gasolina, no sentido contrário, onde começou a pegar fogo. Populares tentaram apagar e fogo com extintores, mas, sem sucesso. Por sorte um carro do Corpo de Bombeiros chegou quando retornava de São José de Ribamar.

Lucas Pereira Lima, que estava no banco de trás do Fiesta morreu no local. O condutor do veículo e o passageiro que estava no banco do passageiro foram levados para o Socorrão II com ferimentos graves.

Obs: Caros leitores a pedido da família retiramos as fotos do corpo de Lucas Pereira, também queremos nos desculpa com todos os familiares e prestar nossa solidariedade neste momento trágico.   

domingo, 26 de agosto de 2012

A FARRA DOS AROSOS

Tiago Aroso e Bia Aroso.
Nesta Sexta-feira (18/08/2012) o clã AROSO reuniu correligionários e cidadãos para uma pequena “festinha” na casa de eventos Glamour (próximo ao conjunto Lima Verde, na estrada de Ribamar); no evento estavam presentes a então prefeita do município Bia Aroso e seu filhinho, vereador do município e candidato à reeleição, Thiago Aroso.

É óbvio que esta promoção não aconteceu devido à família AROSO ser bondosa e caridosa para com seu séquito, mas tem um único objetivo de benefício eleitoral; visto que Thiago é candidato à reeleição a vereador de Paço do Lumiar. O fato é que a política do “pão e circo”, com distribuição de presentes, comidas e espetáculos oratórios (típica de tempos passados) foi proibida pela JUSTIÇA ELEITORAL, tratando-se, portanto de evento ilegal visando benefício próprio do candidato.

No evento havia uma expectativa de público de 300 pessoas; para almoço, entrega de presentes e de brindes, e adivinhem que estava sobre os holofotes? (BIA E THIAGO AROSO)
Consideremos que, o primeiro princípio para um bom candidato e político é obedecer as leis e regras estabelecidas pelos poderes constituídos, o que de fato não esta acontecendo com os AROSOS; que utilizam mais uma vez do poder econômico contraditoriamente obtido, para persuadir o povo de que eles são a melhor opção.

Não permita leitor, que o Maranhão e o nosso Paço do Lumiar continuem no declínio e retrocesso de sempre! 

Ouça o áudio gravado no dia do evento:


Por Ronald Abreu/blog